Anexo:Lista de criaturas de Warcraft

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ícone de esboço Este anexo sobre jogos eletrônicos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

A seguir está uma lista completa de raças e criaturas encontradas na série de jogos Warcraft.

Aliança[editar | editar código-fonte]

Draenei[editar | editar código-fonte]

Os Draenei são um povo nobre e místico conhecidos por sua aparência bestial e pele de cor azulada. Desde seus antepassados (os "Eredar"), os Draenei foram perseguidos pela Burning Legion, que os afugentaram até as terras de "Outland", lar dos Orcs e Ogres. São seres de extrema habilidade com ciências arcanas e manipulação de cristais mágicos. De acordo com a história atual de Warcraft, os Draenei foram afugentados da hostil terra de Outland, rumando às terras de Azeroth inspirados pelas histórias de bravura da Aliança contra a Burning Legion. Sua capital é a sombria Exodar, na isolada ilha de Azuremyst ao Norte de Kalimdor.(Na verdade nem todos sao nobres e místicos. Quando Sargeras chegou em Argus[planeta natal dos eradar] convenceu 2 dos 3 líderes eradar a se unirem a burning legion, um deles é Archimonde[morto no warcraft 3: Reign of Chaos e Kil'jaeden[morto no world of warcraft], o unico líder que nao o seguiu foi o atual líder dos draenei, o profeta Velen. A cidade Exodar na verdade é a nave dos draenei que caiu.)

Anões[editar | editar código-fonte]

Os Anões são uma das raças mais antigas do jogo, tendo início nos deuses de pedras que foram postos em Azeroth para moldar as montanhas. Esses deuses depois de muito trabalhar foram dormir e ao acordarem viram que a pedra havia se transformado em carne e que agora podiam morrer. Foram para a montanha mais alta do mundo e criaram uma forja no vulcão e em volta dela criaram a grande cidade de Altaforja. Os Anões se dividem em 3 clãs: O Clã Barbabronze de Altaforja, O Clã Wildhammer de Hinterlands, e o clã Dark Iron, da cidade de ShadowForge. Atualmente o clã Dark Iron está em guerra contra os outros dois que continuam amigos. Os anões variam de 1 a 1,25 metros e adoram uma cerveja, tem grande resistência ao frio e a venenos. Devido a sua mira muito boa os anões dão excelentes Caçadores. Os anões acolheram os gnomos em Altaforja depois que a cidade deles foi destruída.

Gnomos[editar | editar código-fonte]

Os gnomos são um povo antigo muito evoluído tecnologicamente, isso se deve ao fato de não terem religião. Eles viviam no subterrâneo, isolados do resto do mundo. O primeiro contato com outras raças aconteceu cerca de 200 anos antes do World of Warcraft, quando um anão explorador descobriu uma pequena vila de gnomos. Ele ficou chocado, pois os anões tinham acabado de descobrir a pólvora, e os gnomos tinham a tecnologia certa para se usar essa pólvora. Então foi feito um contato entre essas duas raças, e logo se tornaram aliados. Então fundaram uma cidade subterrânea em Dun Morogh, chamada Gnomeregan. Logo após a Terceira Guerra, Gnomeregan foi invadida por Troggs. Então os gnomos desenvolveram uma arma biológica para combater os invasores, mas também afetou os próprios gnomos, causando mutações. Visto a situação, os anões ofereceram abrigo aos gnomos até recuperarem sua cidade. No pacote de expansão Cataclysm, previsto para o final de 2010, os gnomos terão recuperado sua capital.

Humanos[editar | editar código-fonte]

Os humanos são uma raça orgulhosa e arrogante. Eles descendem dos Arathi, uma antiga tribo que vivia nas terras áridas de Arathi HighLands. Então chegou Thoradin que liderou os Arathi para a construção da bem fortificada cidade de Strom. Os humanos viveram em paz até que embaixadores dos Grandes Elfos informaram que os forest trolls (primos dos trolls da Horda, mas ao contrario destes, são hostis) atacaram Quel'thalas (o reino dos elfos). Thoradin aceitou ajudar os elfos em troca que ensinassem o usa da magia. Após treinarem cem humanos, os elfos levaram os magos humanos e os exércitos de Thoradin para as Montanhas de Alterac onde os trolls foram vencidos.

Os cem magos, tendo apreciado a beleza de Hillsbrad Foothills construiram numa ilha no lago lordamere a Cidadela Violeta que se tornou no centro de aprendizagem magico (tendo em conta que os elfos escolheram os cem humanos pela sua boa vontade e não pelo gênero sexual o que permitiu a criação de linhagens de feiticeiros e feiticeiras). Em terra firme eles construiram um pequeno aldeamento a que chamaram de Dalaran.

Após a morte de Thoradin, as gerações mais jovens propagaram-se para o norte fundando as cidades de Alterac, Gilneas, Kul'tiras e Lordaeron. Com o reino dividido os descendentes de Thoradin fugiram para o sul, para o vale de Ventobravo onde o fundaram o reino de Azeroth. Ao fazerem isso rejeitaram o poder que a sua linhagem lhes concedia, erguendo as restantes cidades ao título de nações. As sete nações (Strom passou a ser governada pelos Trollbane com a fuga da família real para o sul e chamou-se de Stromgarde) prosperaram durante 1,200 anos. Até à abertura do portão obscuro...

Através desse portal, os orcs entraram e arrasaram Azeroth. Os humanos fugiram ao norte e pediram auxilio a Lordaeron e formou-se a Aliança de Lordaeron. A Horda atacou Stromgarde, queimou Quel'thalas e destruiu Dalaran, a cidade de Alterac foi pilhada pela Aliança após se ter aliado com os orcs. No fim a Horda foi vencida e os orcs escravizados. Dalaran e Ventobravo foram reconstruidas enquanto Alterac permaneceu em ruinas. Lordaeron viveu a sua era de ouro, até à chegada da Scourge. A Scourge, comandada pelo Lich King, arrasou as regiões do noroeste do Reino e todos os que eram mortos resurgiam como Mortos-vivos, escravos do Lich King. No fim, Arthas, filho de Terenas, secumbiu a Scourge e voltou à gloriosa capital de Lordaeron onde matou o seu pai e massacrou o seu povo (para depois, como Mortos-vivos, atacarem Quel'thalas).

Após o saque em Quel'thalas, Arthas contra-atacou a cidade de Dalaran, matando a maioria dos feiticeiros. No fim, Arthas criou um portal que trouxe demónios para Azeroth. Dalaran foi destruida mas, por qualquer motivo, a Scourge não arrasou a muito perto Hillsbrad Foothills (talvez porque os demonios tomaram o controlo da Scourge e estavam preocupados em destruir os night elves do que os humanos). Com a Scourge nas mãos de líderes pateticos, os humanos reconquistaram a arruinada Dalaran que foi a sua base de operações. Infelizmente Marshall Garitos foi assassinado e as suas forças dizimadas. Assim Dalaran permaneceu em ruinas...

A sul, Ventobravo não passava melhor. O Rei Varian desapareceu e o reino ficou sob a tutela de Katrana Prestor. Katrana revelou ser uma má governante pois o reino quase foi perdido. De repente, Varian regressou e foi descoberto que Katrana era um dragão disfarçado e que fora enviada para destruir Ventobravo. Katrana morreu nas mãos de Varian que recuperou o seu trono. Entretanto, no norte, os magos conseguem reconstruir Dalaran e a transportam para o continente de Nortúndria a fim de combater o Lich King. Ventobravo permanece como a maior nação humana, Dalaran enfrenta uma crise política devido à disputa entre Grandes Elfos (liderados por Vareesa Windrunner, irmã de Silvannas) e os Elfos Sangrentos (liderados pelo Lorde Sunreaver) pela partificipação no Kirin Tor; Stromgarde perdeu 90% do seu território, Alterac permanece em ruinas; o estado político de Gilneas e Kul Tiras é desconhecido; a cidade portuária de Theramore é fraca militarmente e as poucas regiões de Lordaeron ainda governadas por humanos (a cidade de Pyrewood, em Silverpine, e hillsbrad e Southshore, em Hillsbrad Foothills) estão baixo o cerco dos forsaken especialmente agora que Dalaran foi para Nortúndria.

Ainda que como unidade política Lordaeron permaneça fraca, ainda há esperança pois Calia Menethil, filha mais velha do Rei Terenas e irmã de Arthas, desapareceu pouco antes do ataque da Scourge. Alguns dizem que ela vivem escondida em Theramore, outros que ela esta capturada em Undercity. Mas, se Calia estiver viva, ela podera reclamar o trono de Lordaeron que é seu por direito. Mas, se ela estiver viva e reclamar o trono, ela terá o apoio incondicional de Ventobravo, devido ao recente ataque que a Aliança fez em Undercity, liderada pelo Rei Varian (após a traição dos forsaken em Wrathgate). Mas, apenas o tempo dira se os forsaken pagarão pelos seus crimes e o palacio arruinado de Lordaeron voltará a brilhar com vida e alegria como nos seus tempos de gloria...

Elfos Noturnos[editar | editar código-fonte]

É a raça humanóide mais antiga de Azeroth. Outrora magos e guerreiros poderosos, os imortais Elfos Noturnos foram banidos para a Ilha isolada de Teldrassil, envergonhados pelo uso indiscriminado da magia, que ocasionou na abertura dos portais infernais e trouxe ao mundo a Burning Legion. São justos e nobres por natureza, sentem pena e um pouco de descrédito pelas outras raças, consideradas por eles como "raças menores". Os Elfos Noturnos são noturnos e adoram os deuses da noite, ganhando poderes especiais devido a esta condição.

Worgen[editar | editar código-fonte]

Os Worgens são criaturas semelhantes aos Lobisomens, metade lobo, metade homem. Essas criaturas que já existem no universo de Warcraft foram geradas a partir da maldição invocada pelo Archmage Arugal, um ex-membro dos Kirin'Tor de Dalaran, utilizando o livro de Ur. A maldição logo se alastrou por Silverpine Forest transformando humanos em Worgens e supõe-se que acabou contaminando cidadãos de Gilneas, a cidade impenetrável cercada por uma muralha onde ninguém entra e ninguém sai há anos. A nova raça jogável da aliança são exatamente os cidadãos de Gilneas contaminados pela maldição do livro de Ur. Ainda não foi divulgado como os Gilneanos conseguiram tornar a maldição permanente.

Horda[editar | editar código-fonte]

Elfo Sangrento[editar | editar código-fonte]

Os Elfos Sangrentos (também chamados de Sin'dorei que significa "Filhos do Sangue") eram os Grandes Elfos que após o massacre feito pelo Príncipe Arthas e o Flagelo durante a Terceira Guerra renomearam-se Elfos de Sangrentos em honra aos seus compatriotas mortos em combate. Durante a invasão do Flagelo, um dos artefatos e fonte de Mana dos Grandes Elfos foi corrompidos, o Sunwell, a partir dai eles sofreram de uma doença chamada "Sede de Mágica". Após desfazerem o pacto com a Aliança, Kael'Thas Sunstrider uniu suas forças com Lady Vashj (líder dos Nagas) com a promessa de que Illidan Stormrage (aprisionado por Maiev Shadowsong) curar a doença de seu povo. Foram para Outland libertar Illidan e obtiveram exito, após o libertaram foram para Black Citadel derrotar Magtheridon e obtiveram exito com isso Illidan ensinou aos Elfos Sangrentos uma maneira de extrair Mana das criaturas, grande parte das criaturas foram demônios provenientes de magias Fel, portanto Elfos Sangrentos são os Grandes Elfos que se alimentaram de Mana Fel, a principal característica é os olhos esverdeados. Os Elfos Sangrentos de Azeroth, com grande a ajuda de Sylvannas Windrunner (The Dark Lady) uniram-se a Horda com o intuito de reunir suas forças com as de Kael'Thas, mas descobriram que o verdadeiro objetivo dele era usar o Sunwell para trazer o Senhor de Demônios, Kil'Jaeden para Azeroth. Desta maneira os Elfos Sangrentos de Azeroth o abandonaram. Possuem ressentimentos com os Humanos e tem aversão aos Elfos Noturnos. (Os Elfos Sangrentos eram viciados em magia antes mesmo de terem a aparência que tem hoje. Sua origem é a mesma dos Elfos Noturnos, porém foram banidos por seus irmãos após se corromperem e tentarem trazer a burning legion para Azeroth, o que acarretou o evento conhecido como 'Shatering' que dividiu os continentes como conhecemos e deu origem ao Mael Storm(a tempestade no meio de azeroth].)(os Elfos Sangrentos não se encontram em Warcraft III Reigh of Chaos apenas em Warcraft III The Frozen Throne.)

Undead[editar | editar código-fonte]

Outrora trazidos por intermédio da praga infernal espalhada pela Burning Legion, os "Mortos-Vivos"(Undead) da Flagelo, tornaram-se instrumentos da dominação do mundo de Azeroth. Porém, foi pela mão de Sylvanas Windrunner (ex-tenente/sentinela protetora de Silvermoon) que conquistaram potência e espaço próprio. Sylvanas caiu rapidamente pelas mãos de Arthas (o Príncipe Caído de Lordaeron) que a derrotou e escravizou como uma "Banshee". Além de ser amaldiçoada com o dom de não poder morrer, foi obrigada a ver e auxiliar os Mortos-Vivos do Flagelo a extinguir sua tão amada "Quel'Thalas". No entanto, Sylvanas determinou sua vingança contra Arthas (que atualmente já está possuído pelo Lich King), liderando uma parcela dos Mortos-Vivos remanescentes, os então denominados "Forsaken"(Esquecidos), até um último bastião. "Cidade Baixa" é a metrópole dos Mortos-Vivos, construída sob as ruínas do palácio de Lordaeron (ex-Capital da Aliança). E é por um emaranhado labiríntico de túneis e galerias que Sylvanas planeja um golpe contra seus inimigos: Uma praga mortal que fará os tentáculos Mortos-vivos abraçarem Azeroth de uma vez por todas.

Orc[editar | editar código-fonte]

Orcs Nascidos no infernal mundo de Draenor, foram trazidos até Azeroth por meio do Dark Portal (Portal Sombrio) e forçados a entrar em guerra com os humanos. Apesar de poucos saberem de sua história, eles eram um sociedade xamânistica no mundo de Draenor. Tragicamente, os nobres clãs de Orcs foram corrompidos pela Burning Legion e usados como peões na invasão de Azeroth. Terminada a guerra, foram aprisionados pelos humanos e feitos escravos. A situação ficou assim até serem libertados por Thrall, que conseguiu juntar uma rebelião contra a Aliança. Liderados pelo jovem Thrall, conseguiram reconquistar sua força e honra. Agora os Orcs estão prontos para a luta, não por razões de conquista, mas sim, para a sobrevivência em sua terra adotiva..

Tauren[editar | editar código-fonte]

Tauren (em sua língua nativa: Taur-ahe) são enormes criaturas nômades que vivem nas pradarias e planícies de Mulgore em Kalimdor Central. Os Taurens são grandes e musculosos humanóides de aparência bovina completa com cascos e chifres. Eles medem entre 2m a 2,75 metros de altura e pesam entre 185 a 320 quilos. Seus corpos imensos são cobertos com pelagem fina, bem curta, que varia na cor do preto para cinza para branco para o vermelho para o marrom bem como, quaisquer combinações malhado ou suas variações. Após gerações de vida nômade, os tauren fixaram recentemente assentamentos permanentes em Mulgore e Barrens.(Fonte: http://www.wowwiki.com/Tauren).

Os grandes Taurens, se uniram a Horda quando Thrall os ajudou nas The Barrens,ao confrontarem com os Centauros. E assim expulsando-os, Cairne Bloodhoof pôde estabelecer sua cidade nos campos onde chamaram de Thunder Bluff, uma área totalmente verde e florestada. Desde então tanto Thrall como Cain podem contar um com outro para confrontarem seus inimigos. Suas crenças se baseiam nos poderes da Mãe-Terra assim também como Elune, deusa da lua. São os unicos que podem ser Druídas além dos Night Elfs.

Troll[editar | editar código-fonte]

Uma raça que morava em uma ilha dos mares de Lordaeron.Foi trazida para o continente quando Thrall parou com seus barcos nesta ilha e se aliou a esse povo para uma luta contra os Murlocs, que atormentavam os Trolls a muitos anos. Thrall viajava para Kalimdor, fugindo da Burning Legion, com o alerta do Profeta, acabou levando os Trolls para Kalimdor (como se fossem aliados de muitos anos.(corrigindo, Thrall nao fugia da burning legion, ele foi para Kalimdor guiado pelo profeta (Medivh) que lhe avisou da invasão da burning legion, e o aconselhou a ir defender o mundo com as outras raças contra a invasão).

Goblin[editar | editar código-fonte]

Nova raça que vai ser adicionada na nova expansão. Porém, já dá para ver Goblins no jogo, principalmente em Booty Bay, uma baía secreta localizada num mapa misto, próximo a Elwynn Forest. Lá, os Goblins são NPCs, e o acesso é liberado para a aliança. Na expansão Cataclism temos uma história para eles. Originalmente foram tomados como escravos pelos trolls, exercendo o trabalho de mineradores. Porém, certa vez um goblin encontrou um minério verde, que batizou de jakamita. Esse minério avançou o intelecto dos goblins, fazendo-os bolar inventos para vencer os trolls e escravizar alguns. Pouco depois os goblins teriam feito um refrigerante com base nesse minério, que chamaram de Jaka-Cola. O interessante, porém, é que os trolls escravizados não foram afetados pela jakamita (O que, podemos ver em um diálogo, chama a atenção dos NPC's) , o que poderia indicar necessidade de um intelecto avançado para os efeitos da jakamita. Vale lembrar que nenhum desses acontecimentos vai baixar o respeito que os trolls terão por ti.

Neutros[editar | editar código-fonte]

Pandaren(Neutro)[editar | editar código-fonte]

Nova raça lançada na nova expansão Mists of Pandaria (Brumas de Pandaria) são Pandarens derivados da Ilha Errante eles tem ligação com os pandarens de Warcraft. Ao chegar no nível 10 eles podem escolher se vão para a Aliança ou para a Horda, seus representantes são Aysa CantaNuvens (Aliança) e Jin Pata de Fogo (Horda).

Azeroth[editar | editar código-fonte]

Ancient[editar | editar código-fonte]

Podem ser as varias construções dos Night elves que tem formato de grandes árvores foram os primeiros seres mágicos do mundo warcraft por Exemplo: ancient of wind, ancient of war, ancient of lore etc.

Banshee[editar | editar código-fonte]

São criaturas dos undeads (mortos-vivos)que podem levar um guerreiro inimigo ao seu proprio lado.(Banshee é uma espécie de fantasma que possui corpos vivos).

Centaur[editar | editar código-fonte]

Centauros são monstros violentos que batalham no Warcraft (Frozen Throne) contra o herói Rexxar e que também lutam ao lado de Maiev contra as Nagas.

Dark troll[editar | editar código-fonte]

São shadowglen trolls:dark troll berseker,dark troll healer,dark troll shadow priest,dark troll high priest.

Dark Iron dwarf[editar | editar código-fonte]

Dragon[editar | editar código-fonte]

Uma criatura com asas que gospe fogo pela boca e é carnivora no warcraft 3 reign of chaos existem blue dragon, red dragon, bronze dragon, green dragon e black dragon no total são 5 dragões.

Dryad[editar | editar código-fonte]

dríades são ninfas que como night elves no modo de jogo warcraft,nascem de árvores(a partir da árvore anciet of lore)

Earthen[editar | editar código-fonte]

Faceless One[editar | editar código-fonte]

São criaturas com tentaculados que vivem nas profundezas dos reinos Nerubianos

Forest troll[editar | editar código-fonte]

são trolls que vivem na floresta eles são hostis e usam machados de arremesso

Fulborg[editar | editar código-fonte]

são grandes ursos humanóides que vivem em tribos em região de Kalimdor

Gnoll[editar | editar código-fonte]

Os Gnolls são parecidos com hienas, e são intoleráveis e hostis a tudo.

Goblin[editar | editar código-fonte]

Futura raça jogável do WoW; atualmente, os goblins são uma raça de comerciantes neutra (interagem com jogadores da Aliança e da Horda).

Harpia[editar | editar código-fonte]

Sâo criaturas voadoras metade mulheres metade águias. Suas penas são duras e podem ser atiradas como flechas; não podem ser mortas com ataques terrestres só se mata harpia usando flechas ou magia.

Half-elf[editar | editar código-fonte]

são companheiros dos elf, são muito poderosos, dominam perfeitamente a magia e trabalham sempre com os half-orc, mas nunca diretamente com os orcs.

Half-orc[editar | editar código-fonte]

High elf[editar | editar código-fonte]

Descendidas dos NightElfs são os Qual'dorei que fugiram para Eastern Kingdoms banidos por Malfurion. São semelhantes aos Blood Elves, exceto pelo detalhe de que seus olhos podem ser azuis ou púrpuras, pois não absorveram magia Fel durante a ausência do Sun'well.

Highborne elf[editar | editar código-fonte]

Eram elfs que serviam a rainha aszhara e eles queriam ter o domínio da magia e tentaram libertar Sargeras para Azeroth, mas não deu certo pois Furion, Tyrande e Illidan impediram que Sargeras entrasse pelo portal que se abriria no Well of Eternity, foi quando aconteceu a esplosão do Well of Eternity que destruiria Azeroth e formaria os três continentes de Azeroth: Kalimdor, Northrend e Eastern Kingdoms.

Ice troll[editar | editar código-fonte]

São trolls que ficam em Northrend e são meio roxos e alguns azuis.

Iron dwarf[editar | editar código-fonte]

Iron Dwarf são parecidos com anões, mais são feitos de ferro e possuem os olhos vermelhos. São geralmente inimigos de todos os players.

Jungle troll[editar | editar código-fonte]

São uma raça de trolls que vivem nas florestas

Keeper of the Grove[editar | editar código-fonte]

São druidas filhos do grande SEMIDEUS Cenarius.

Os encantados Keepers of the Grove (Guardiões do Bosque) são os descendentes de Cenarius. Como suas irmãs dríades, os guardiões se parecem meio elfo-da-noite e meio veado. Eles têm enormes chifres e crinas de folhas que descem pelas costas.

Suas mãos direita são deformadas e retorcidas - como se tivessem uma raiz retorcida como as garras de um Treant. Os guardiões possuem muitos poderes estranhos sobre a Natureza e pode ser contados entre os melhores curandeiros Azeroth.

Embora eles normalmente permaneçam dentro dos bosques sagrados de Ashenvale, os guardiões sempre atendem o apelo às armas, quando as grande terras de Kalimdor estão ameaçadas.

Kobold[editar | editar código-fonte]

Os Kobolds são uma espécie de humanóides parecidos com ratos que habitam túneis e subterrâneos (Geralmente encontrados na Floresta Elwyyn). É uma raça covarde que não gosta de se meter em assuntos de outras raças. Um dos maiores avanços dos kobolds foi a aliança comercial com as harpias, no qual é mantida sob cautela.Em Northrend, fizeram uma aliança com os Magnatauros de Borean Tundra

Leper gnome[editar | editar código-fonte]

Sãp gnomos contaminados com lepra.

Magnataur[editar | editar código-fonte]

Magnataur têm o torso de um gigante preso ao corpo de um mamute. Este aspecto peculiar provocou especulações de que sua raça pode estar relacionado aos centauros ou mesmo os Keepers of the Grove. Muitos se perguntam se estas raças compartilham um ancestral comum, e alguns têm mesmo sugerido o próprio Cenarius.

Azeroth tem muitas raças híbridas - criaturas que se assemelham a duas espécies diferentes juntas - mas o Magnataur é exclusivo entre eles, por muitas razões. Primeiro, de longe o maior, um Magnataur lembra um centauro, mas em uma escala colossal. A metade inferior de um Magnataur é a de um mamute peludo, são cerca de 20-30 metros de altura e pesam 15-20 toneladas. Um Magnataur parece um ser de mal puro, brutal e indiferente, mesmo para além do nível associado com um centauro. Embora, obviamente, lembrem centauros, dríades e outras raças híbridas, eles não parecem ser descendentes de Cenarius. (Fonte: http://www.wowwiki.com/Magnataur).

A maioria esmagadora dos Magnataurs são poderosos lutadores corpo-a-corpo, atropelando em combate e usando o medo e gigantescas clavas como suas únicas armas. Ainda assim, existem uns poucos Magnataurs especializados, incluindo alguns xamãs que dominam frequentemente pequenos grupos de sua espécie, e alguns raros caçadores, scouts e rogues. Independentemente de sua especialidade, os Magnataurs estão entre as mais mortais criaturas de Northrend, senão do mundo em geral.

Eles são uma raça em extinção, mas o seu desespero recente os leva a níveis de cooperação nunca antes visto, e isso poderá se provar desastroso para as outras raças mortais que vivem no Continente Glacial. LoM 125

Makrura[editar | editar código-fonte]

Os Makrura são uma raça de humanóides lagostas (ou crustáceo mais provável) que vivem principalmente no mar, sua cidade capital é Mak'aru, mas são capazes de sobreviver em terra por curtos períodos de tempo. O termo Makrura refere-se a raça como um todo.

Eles são mais comumente encontrados no litoral de Durotar, The Barrens, Desolace e Dustwallow Marsh. Alguns também podem ser encontrados nas águas circundantes de Sardor Isle em Feralas e em torno do Templo de Arkkoran em Azshara .

Os Makrura falam Nerglish, uma língua baixa aquática. Os Makrura, às vezes, aprendem a língua dos seus odiados inimigos, para melhor combatê-los. Alguns makrura que lidam com moradores da terra podem aprender línguas adequadas às trocas comerciais e negociações. MG 100

Eles usam uma forma primitiva, mas poderosa de magia relacionada ao elemento água. Eles também são extremamente hostis e tentarão matar qualquer um que chegue perto deles. Eles são freqüentemente encontrados debaixo d'água guardando navios naufragados.

Murloc[editar | editar código-fonte]

Os Murlocs são uma raça nômade metade-peixe/metade-humanóide. Não possuem capital fixa, nem muito menos organização social. São constantemente encontrados na beira de praias ou de rios com pequenas tribos. São extremamente hostis a qualquer raça que não seja necesseriamente Murloc.

Naga[editar | editar código-fonte]

Nos mares gelados de Azeroth, um povo antigo e poderoso estava adormecido: Os Nagas, uma raça matriarcal metade humanóide/metade serpente-marinha, vindos de elfos noturnos amaldiçoados na luta contra Sargeras. Os Nagas são de natureza fria e traiçoeira e auxiliaram Illidan Stormrage em sua jornada para o Frozen Throne. As fêmeas tem 4 braços e escamas mais finas, os machos dois membros superiores com escamas mais duras resistentes a perfurações e vários tipos de veneno. A indícios que essa raça seja uma das mais poderosas de azeroth, chegando a empatar com os elfos da noite. Exemplos:naga myrmidon,naga siren,naga royal guard,dragon turtle e snap dragon.

Nerubian(o)[editar | editar código-fonte]

Uma raça misteriosa com características aracnídeas, tem como capital original as terras subterrâneas de Azjol'Nerub no continente gelado de Northrend. Os Nerubianos se envolveram numa guerra chamada "Guerra da Aranha", sendo que muitos nerubianos mortos nela foram ressuscitados pelos poderes malignos do Lich King, virando seus escravos mortos-vivos, integrando o Undead Scouge, a armada morta-viva. Os Nerubianos que não morreram, e estão totalmente vivos, lutam desesperadamente numa resistência contra o Rei Lich para recuperar sua terra invadida pelo Flagelo.

Pandaren[editar | editar código-fonte]

Pandaren é uma raça de pandas humanóides que habita uma ilha isolada perto de Kalimdor. Seu membro mais famoso, Chen Stormstout, fez sua primeira aparição em um Bonus Act na expansão The Frozen Throne para o jogo Warcraft III da Blizzard Entertainment.

Qiraji[editar | editar código-fonte]

Os Qiraji são uma espécie de insetos que serve de montaria. 100% speed.Podem possuir cores variadas.

Quilboar[editar | editar código-fonte]

São porcos metade animal metade humanoide que vivem em grande número.

Sátiros (Satyr)[editar | editar código-fonte]

Principais constituintes do grupo chamado "Corrupted Night Elves (Elfos Noturnos Corrompidos)", os Sátiros (Satyrs) são elfos noturnos enlouquecidos e/ou influenciados pela energia caótica da Legião Ardente, sendo assim corrompidos e se juntando às forças malignas da Legião, tornando-se seres selvagens, agressivos e menos/pouco racionais. Assim a legião pode contar como aliados os "Anciões corrompidos", como eram chamados grupos de Elfos Noturnos Corrompidos das florestas de Ashenvale durante parte das batalhas da segunda invasão da Legião Ardente ao planeta de Azeroth.

Taunka[editar | editar código-fonte]

Descendentes dos taurens,fizeram aliança com a horda

Treant[editar | editar código-fonte]

São árvores que andam, invocadas por Malfurion Stormrage para ajudá-lo, mas são temporárias. No Dota (Defense of The Ancients) são usados como os creeps dos sentinel.(Druids podem se transformar em Treants)

Trogg[editar | editar código-fonte]

Tuskarr[editar | editar código-fonte]

Vrykul[editar | editar código-fonte]

Wopertiger[editar | editar código-fonte]

Criatura meio lobo, coelho, veado e galinha. O único mode de ve-los ou encontra-los é estar bêbado no festival da cerveja que pode acontecer em muitos lugares mas o maior é o de Durotar, deserto do lado de fora de Orgrimmar (Cidade dos Orcs).

Wildhammer dwarf[editar | editar código-fonte]

Outland[editar | editar código-fonte]

Arakkoa[editar | editar código-fonte]

Broken Draenei[editar | editar código-fonte]

Fel orc[editar | editar código-fonte]

Fel orc é uma raça de orcs possuidos pelo sangue de um demônio.

Half-ogre[editar | editar código-fonte]

Lost One[editar | editar código-fonte]

Nether Drake[editar | editar código-fonte]

Nether Drake é uma raça de dragões das sombras que vive em Outland. Muito usados como montarias de todas as raças.

Ogre[editar | editar código-fonte]

Eles são seres gigantes com um ou duas cabeças,aliados dos orc são brutais e pouco racionais, sendo que são extremamente obesos

Ogre Mage[editar | editar código-fonte]

É um ogro feiticeiro, geralmente azuis com poderes de fogo, contam muito com a sorte para ajudar em suas magias. ==

Ogre Lord[editar | editar código-fonte]

Ele e um ogro líder, caracterizado como sendo o maior e mais forte dos ogros ganhando o poder sobre seu clã

Rock Flayer[editar | editar código-fonte]

Coco Gnome[editar | editar código-fonte]

Sporeling[editar | editar código-fonte]

Vivem em Outlands.

Burning Legion[editar | editar código-fonte]

Annihilan[editar | editar código-fonte]

Ered'ruin[editar | editar código-fonte]

Gan'arg[editar | editar código-fonte]

Man'ari eredar[editar | editar código-fonte]

Mo'arg[editar | editar código-fonte]

Nathrezim[editar | editar código-fonte]

São vampiros demoníacos que conquistaram vários mundos povoados possuindo seus habitantes e os transformando em sombras. Foram eles quem corromperam Sargeras com todo o seu grande poder das trevas, e atuam na Legião Ardente como comandantes.

Sayaad[editar | editar código-fonte]

Shivarra[editar | editar código-fonte]

Tothrezim[editar | editar código-fonte]

Assim como os Nathrezim. Mas são inferiores.

Wrathguard[editar | editar código-fonte]

São guardas demoniacos que protegem Darkmoon Valley.

Criaturas[editar | editar código-fonte]

Beast[editar | editar código-fonte]

As bestas são animais diversos como tigres, ursos, coelhos, lobos. As bestas vivem em quase todos os lugares de Kalimdor e Eastern Kingdoms, são hostis e atacam qualquer um. Os Hunters podem domestica-las facilmente.

Critter[editar | editar código-fonte]

Critter são animais pequenos, fazem parte da fauna de um lugar. Exemplos são os ratos, gatos, baratas etc...

Demon[editar | editar código-fonte]

Demonios, são criaturas malignas, meio irracionais, com um ódio profundo em seus corações, tem a tendencia de matar tudo que vem pela frente, os Warlocks (humanos que aprenderam a controlar as forças malignas para si próprios), conseguem manipular certos demonios para usar em suas batalhas.

Dragonkin[editar | editar código-fonte]

São descedentes de dragões,mas não se reproduzem,e são mais inteligentes

Elemental[editar | editar código-fonte]

(Air · Earth · Fire · Water · Conglomerate)

Giant[editar | editar código-fonte]

Gigantes são criaturas enormes que contem muita força física.

Humanoid[editar | editar código-fonte]

São seres humanos, ou parecidos com eles.

Mechanical[editar | editar código-fonte]

Criaturas roboticas. A maioria delas criada por Goblins e/ou Gnomos.

Undead[editar | editar código-fonte]

Os Undead são mortos-vivos, como zumbis ou caveiras. Normalmente habitam os cemitérios ou em volta destes.

CRIATURA NÃO INDENTIFICADA[editar | editar código-fonte]

Diversos[editar | editar código-fonte]

Ethereal[editar | editar código-fonte]

São humanoides feitos de matéria sobrenatural, leia-se nether.

Naaru[editar | editar código-fonte]

Entidade de luz.Patronos e tipo de deuses dos draeneis

Titan[editar | editar código-fonte]

Os titãs, Deuses colossais e com pele metálicas dos mais distantes lugares do cosmos, vieram e começaram a trabalhar nos mundos que encontraram. Eles moldaram as terras dos mundos levantando montanhas e criando vastos mares. Eles criaram céus e fantásticas atmosferas em todas as partes de seus inacreditáveis e imensos planos de criar ordem distante do caos. Eles até mesmo deram forças paras as raças mais primitivas para trabalharem e manter seus trabalhos e a integridade de seus respectivos mundos.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este anexo sobre jogos eletrônicos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.