Lista de freguesias de Lisboa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Desde a reorganização administrativa de 2012, Lisboa conta 24 freguesias agrupadas em cinco Zonas (ou Unidades de Intervenção Territorial, UIT)[1] . Em tons de verde está a zona Norte, de amarelo a zona Ocidental, de laranja a zona Centro, de violeta a zona do Centro Histórico e de azul a zona Oriental.
Antes da reorganização administrativa de 2012, Lisboa contava 53 freguesias agrupadas em quatro Bairros Administrativos. Em tons de amarelo está o 1.º Bairro, de verde o 2.º, de azul o 3.º e por fim de cor-de-rosa está o 4.º Bairro Administrativo de Lisboa.

Desde a entrada em vigor da Lei n.º 56/2012, de 8 de novembro,[2] a cidade de Lisboa está dividida em 24 freguesias agrupadas, para efeitos administrativos, em cinco Zonas de gestão ou Unidades de Intervenção Territorial (UIT).[1] Anteriormente, a cidade dividia-se em 53 freguesias agrupadas em quatro Bairros Administrativos. Cada freguesia é governada por uma Junta de Freguesia, órgão executivo que é eleito pelos membros da Assembleia de Freguesia, por sua vez eleita directamente pelos cidadãos recenseados no seu território.

Para lá das divisões administrativas, os lisboetas identificam bairros históricos, com limites mais ou menos bem determinados, tais como as Amoreiras, o Bairro Alto, a Bica, Alfama, a Mouraria, Chelas e a Lapa.

A tabela seguinte apresenta as atuais freguesias de Lisboa e a sua relação com as freguesias anteriores.

NOTA: as áreas e populações das atuais freguesias podem não corresponder às anteriores (ou ao seu somatório) devido aos ganhos e perdas territoriais, por ajuste dos limites imposto pela reorganização administrativa, bem como pela mudança de critérios na determinação dos dados geográficos.

Freguesias atuais Freguesias antigas
N.º
[nota 1]
Brasão Freguesia (Zona)[1] População[4] Área
(km²)[3]
N.º
[nota 2]
Brasão Freguesia (Bairro) População
(2011)[6]
Área
(km²)[5]
01
LSB-ajuda.png
Ajuda (Ocidental) 15 617 2,88 01
LSB-ajuda.png
Ajuda[nota 3] (2.º Bairro) 15 584 2,86
02
LSB-alcantara.png
Alcântara (Ocidental) 13 943 5,07
[nota 4]
02
LSB-alcantara.png
Alcântara[nota 5] (2.º Bairro) 13 943 4,44
54 Coats of arms of None.svg
[nota 6]
Alvalade (Centro) 31 813 5,34 04
LSB-alvalade.png
Alvalade[nota 7] (3.º Bairro) 8 869 0,60
09
LSB-campogrande.png
Campo Grande[nota 8] (3.º Bairro) 10 514 2,45
42
LSB-sjoaobrito.png
São João de Brito[nota 9] (3.º Bairro) 11 727 2,23
55
Coats of arms of None.svg
Areeiro (Centro) 20 131 1,74 03
LSB-altopina.png
Alto do Pina[nota 10] (4.º Bairro) 10 333 0,84
43
LSB-sjoaodeus.png
São João de Deus[nota 11] (4.º Bairro) 9 798 0,93
56
Coats of arms of None.svg
Arroios (Centro) 31 653 2,13 06
Coats of arms of None.svg
Anjos[nota 12] (1.º Bairro) 9 361 0,49
24
LSB-pena.png
Pena[nota 13] (1.º Bairro) 4 486 0,50
44
LSB-sjorgearroios.png
São Jorge de Arroios[nota 14] (4.º Bairro) 18 415 1,16
57
Coats of arms of None.svg
Avenidas Novas (Centro) 21 625 2,99 23
Coats of arms of None.svg
Nossa Senhora de Fátima (3.º Bairro) 15 283 1,91
50
LSB-ssebastiaopedreira.png
São Sebastião da Pedreira[nota 15] (3.º Bairro) 6 342 1,08
07
LSB-beato.png
Beato (Oriental) 12 737 2,46
[nota 4]
07
LSB-beato.png
Beato[nota 16] (4.º Bairro) 12 429 1,62
58
Coats of arms of None.svg
Belém (Ocidental) 16 528 10,43
[nota 17]
32
LSB-SantaMariadeBelém.png
Santa Maria de Belém (2.º Bairro) 8 541 3,43
40
LSB-sfranciscoxavier.png
São Francisco Xavier[nota 18] (2.º Bairro) 8 020 2,30
08
Coats of arms of None.svg
Benfica (Norte) 36 985 8,03 08
Coats of arms of None.svg
Benfica[nota 19] (3.º Bairro) 36 821 7,94
59
Coats of arms of None.svg
Campo de Ourique (Centro Historico) 22 120 1,65 30
LSB-santaisabel.png
Santa Isabel (2.º Bairro) 6 875 0,63
35
LSB-santocondestavel.png
Santo Condestável (2.º Bairro) 15 257 1,03
10
LSB-campolide.png
Campolide (Centro) 15 460 2,77 10
LSB-campolide.png
Campolide[nota 20] (3.º Bairro) 15 460 2,77
11
LSB-carnide.png
Carnide (Norte) 19 218 3,69 11
LSB-carnide.png
Carnide[nota 21] (3.º Bairro) 23 316 4,07
60
Coats of arms of None.svg
Estrela (Centro Histórico) 20 128 4,60
[nota 17]
17
Coats of arms of None.svg
Lapa (2.º Bairro) 8 000 0,74
26
LSB-prazeres.png
Prazeres[nota 22] (2.º Bairro) 8 096 1,57
37
Coats of arms of None.svg
Santos-o-Velho[nota 23] (2.º Bairro) 4 020 0,53
18
LSB-lumiar.png
Lumiar (Norte) 45 605 6,57 18
LSB-lumiar.png
Lumiar[nota 24] (3.º Bairro) 41 163 6,11
21
LSB-marvila.png
Marvila (Oriental) 37 793 7,12
[nota 4]
21
LSB-marvila.png
Marvila[nota 25] (4.º Bairro) 38 102 6,37
61
Coats of arms of None.svg
Misericórdia (Centro Histórico) 13 044 2,19
[nota 17]
15
LSB-encarnacao.png
Encarnação[nota 26] (1.º Bairro) 2 252 0,19
22
Coats of arms of None.svg
Mercês (1.º Bairro) 4 345 0,27
28
Coats of arms of None.svg
Santa Catarina (1.º Bairro) 3 716 0,21
49
LSB-spaulo.png
São Paulo[nota 27] (1.º Bairro) 2 728 0,44
33 Coats of arms of None.svg
[nota 28]
Olivais[nota 29] (Oriental) 33 788 8,09 33
LSB-smariaolivais.png
Santa Maria dos Olivais (4.º Bairro) 51 036 11,21
62
Coats of arms of None.svg
Parque das Nações[nota 30] (Oriental) 21 025 5,44
63 Coats of arms of None.svg
[nota 6]
Penha de França (Centro Histórico) 27 967 2,71
[nota 17]
25
LSB-penhafranca.png
Penha de França (4.º Bairro) 12 780 0,68
41
LSB-sjoao.png
São João[nota 31] (4.º Bairro) 15 187 1,51
64
Coats of arms of None.svg
Santa Clara (Norte) 22 480 3,36 05
LSB-ameixoeira.png
Ameixoeira[nota 32] (3.º Bairro) 11 863 1,60
13
LSB-charneca.png
Charneca[nota 33] (3.º Bairro) 9 935 1,72
65
Coats of arms of None.svg
Santa Maria Maior (Centro Histórico) 12 822 3,01
[nota 17]
12
LSB-castelo.png
Castelo (1.º Bairro) 355 0,06
19
Coats of arms of None.svg
Madalena (1.º Bairro) 393 0,12
20
LSB-martires.png
Mártires[nota 34] (1.º Bairro) 372 0,10
27
Coats of arms of None.svg
Sacramento (1.º Bairro) 742 0,09
31
Coats of arms of None.svg
Santa Justa[nota 35] (1.º Bairro) 891 0,25
34
Coats of arms of None.svg
Santiago (1.º Bairro) 619 0,06
36
LSB-sestevao.png
Santo Estêvão[nota 36] (1.º Bairro) 1 511 0,23
38
Coats of arms of None.svg
São Cristóvão e São Lourenço (1.º Bairro) 1 341 0,08
47
Coats of arms of None.svg
São Miguel (1.º Bairro) 1 531 0,05
48
Coats of arms of None.svg
São Nicolau (1.º Bairro) 1 231 0,26
52
Coats of arms of None.svg
(1.º Bairro) 910 0,12
53
LSB-socorro.png
Socorro (1.º Bairro) 3 065 0,11
66
Coats of arms of None.svg
Santo António (Centro) 11 836 1,49 14
LSB-coracaojesus.png
Coração de Jesus (1.º Bairro) 3 689 0,56
45
LSB-sjose.png
São José[nota 37] (1.º Bairro) 2 746 0,33
46
LSB-smamede.png
São Mamede (1.º Bairro) 5 420 0,61
39
Coats of arms of None.svg
São Domingos de Benfica (Norte) 33 043 4,29 39
Coats of arms of None.svg
São Domingos de Benfica[nota 38] (3.º Bairro) 33 745 4,31
67
Coats of arms of None.svg
São Vicente[nota 39] (Centro Histórico) 15 339 1,99
[nota 17]
16
LSB-graca.png
Graça[nota 40] (1.º Bairro) 5 787 0,35
29
Coats of arms of None.svg
Santa Engrácia[nota 41] (1.º Bairro) 5 249 0,55
51
Coats of arms of None.svg
São Vicente de Fora[nota 42] (1.º Bairro) 3 539 0,32

Notas

  1. Últimos 2 caracteres do DICOFRE (código da freguesia), segundo a CAOP 2013.[3] Os 4 primeiros caracteres identificam o distrito (11) e o município (06).
  2. Últimos 2 caracteres do DICOFRE (código da freguesia), segundo a CAOP 2012.1.[5] Os 4 primeiros caracteres identificam o distrito (11) e o município (06).
  3. A menos de pequenos ganhos territoriais, por ajuste dos limites com as vizinhas freguesias de Belém (São Francisco Xavier) e Alcântara.
  4. a b c As áreas das freguesias ribeirinhas de Lisboa, conforme constam da CAOP 2013,[3] incluem o território até ao talvegue do rio Tejo, coisa que não acontecia na CAOP 2012.1[5] (em que o território terminava oficialmente à beira-rio), donde o aparente aumento significativo da área territorial desta freguesia.
  5. A menos de pequenos ajustes dos limites com as freguesias vizinhas: perda territorial para a freguesia da Ajuda, ganho territorial da freguesia da Estrela (Prazeres).
  6. a b Apesar da manutenção do nome da freguesia, não é certo que o brasão se mantenha inalterado após a fusão.
  7. A menos de pequenos ganhos territoriais, por ajuste dos limites com a vizinha freguesia do Areeiro (São João de Deus).
  8. A menos de pequenos ganhos e perdas territoriais, por ajuste dos limites com a vizinha freguesia de São Domingos de Benfica.
  9. A menos de pequenos ganhos e perdas territoriais, por ajuste dos limites com a vizinha freguesia de Marvila.
  10. A menos de pequenos ganhos e perdas territoriais, por ajuste dos limites com a vizinha freguesia do Beato.
  11. A menos de uma pequena perda territorial, por ajuste dos limites com a vizinha freguesia de Alvalade.
  12. A menos de uma pequena perda territorial, por ajuste dos limites com a vizinha freguesia de São Vicente (Graça).
  13. A menos de um pequeno ganho territorial, por ajuste dos limites com a vizinha freguesia de Santo António (São José).
  14. A menos de um pequeno ganho territorial, por ajuste dos limites com a vizinha freguesia da Penha de França.
  15. A menos de um pequeno ganho territorial, por ajuste dos limites com a vizinha freguesia de Campolide.
  16. A menos de alguns ganhos e pequenas perdas territoriais, por ajuste dos limites com as vizinhas freguesias de Marvila, Areeiro (Alto do Pina) e Penha de França (São João).
  17. a b c d e f As áreas das freguesias ribeirinhas de Lisboa, conforme constam da CAOP 2013,[3] incluem o território até ao talvegue do rio Tejo, coisa que não acontecia na CAOP 2012.1[5] (em que o território terminava oficialmente à beira-rio), donde a discrepância significativa entre a área territorial desta freguesia e a soma das áreas das freguesias extintas que lhe deram origem.
  18. A menos de pequenas perdas territoriais, por ajuste dos limites com a vizinha freguesia da Ajuda.
  19. A menos de alguns ganhos e perdas territoriais, por ajuste dos limites com as vizinhas freguesias de Carnide e Campolide.
  20. A menos de pequenos ganhos e perdas territoriais, por ajuste dos limites com as vizinhas freguesias de Benfica, São Domingos de Benfica e Avenidas Novas (São Sebastião da Pedreira).
  21. A menos de perdas e ganhos territoriais, por ajuste dos limites com as vizinhas freguesias de Benfica e Lumiar.
  22. A menos de uma pequena perda territorial, por ajuste dos limites com a vizinha freguesia de Alcântara.
  23. A menos de um pequeno ganho territorial, por ajuste dos limites com a vizinha freguesia da Misericórdia (São Paulo).
  24. A menos de ganhos e perdas territoriais, por ajuste dos limites com as vizinhas freguesias de Carnide, Santa Clara (Ameixoeira e Charneca) e Olivais (anteriormente Santa Maria dos Olivais).
  25. A menos de pequenos ganhos e algumas perdas territoriais, por ajuste dos limites com as vizinhas freguesias do Beato e de Alvalade (São João de Brito).
  26. A menos de um pequeno ganho territorial, por ajuste dos limites com a vizinha freguesia de Santa Maria Maior (Santa Justa).
  27. A menos de pequenos ganhos e perdas territoriais, por ajuste dos limites com as vizinhas freguesias de Santa Maria Maior (Mártires) e da Estrela (Santos-o-Velho).
  28. A alteração da designação oficial da freguesia ditará, no mínimo, mudanças no listel.
  29. Para além da grande perda territorial por desanexação do Parque das Nações, a freguesia dos Olivais sofreu menores perdas e ganhos territoriais por ajuste dos limites com as vizinhas freguesias de Lumiar e Santa Clara (Charneca).
  30. Anexa também a zona do Parque das Nações situada entre o antigo limite norte do concelho de Lisboa e a foz do rio Trancão, território anteriormente pertencente às freguesias de Moscavide e Sacavém, do vizinho concelho de Loures.
  31. A menos de pequenos ganhos e perdas territoriais, por ajuste dos limites com as vizinhas freguesias do Beato e de São Vicente (Santa Engrácia).
  32. A menos de um pequeno ganho territorial, por ajuste dos limites com a vizinha freguesia do Lumiar.
  33. A menos de alguns ganhos e perdas territoriais, por ajuste dos limites com as vizinhas freguesias do Lumiar e dos Olivais (anteriormente Santa Maria dos Olivais).
  34. A menos de uma pequena perda territorial, por ajuste dos limites com a vizinha freguesia da Misericórdia (São Paulo).
  35. A menos de uma pequena perda territorial, por ajuste dos limites com a vizinha freguesia da Misericórdia (Encarnação).
  36. A menos de uma pequena perda territorial, por ajuste dos limites com a vizinha freguesia de São Vicente (São Vicente de Fora).
  37. A menos de uma pequena perda territorial, por ajuste dos limites com a vizinha freguesia de Arroios (Pena).
  38. A menos de pequenos ganhos e perdas territoriais, por ajuste dos limites com as vizinhas freguesias de Alvalade (Campo Grande) e Campolide.
  39. A alínea j) do n.º 1 do Art.º 7.º, a alínea p) do n.º 1 do Art.º 9.º e a alínea p) do n.º 1 do Art.º 17.º da Lei n.º 56/2012 designam esta freguesia unicamente como «São Vicente». No entanto, a legenda do mapa que acompanha a referida Lei refere-se-lhe como «São Vicente de Fora».[2]
  40. A menos de um pequeno ganho territorial, por ajuste dos limites com a vizinha freguesia de Arroios (Anjos).
  41. A menos de um pequeno ganho territorial, por ajuste dos limites com a vizinha freguesia da Penha de França (São João).
  42. A menos de um pequeno ganho territorial, por ajuste dos limites com a vizinha freguesia de Santa Maria Maior (Santo Estêvão).

Referências

  1. a b c Câmara Municipal de Lisboa. Zonas de gestão (Unidades de Intervenção Territorial). Visitado em 30/12/2014.
  2. a b Diário da República, 1.ª Série, n.º 216, Lei n.º 56/2012 (Reorganização administrativa de Lisboa). Acedido a 25/11/2012.
  3. a b c d Instituto Geográfico Português (2013). Áreas das freguesias, municípios e distritos/ilhas da CAOP 2013 (XLS-ZIP) Carta Administrativa Oficial de Portugal (CAOP), versão 2013 Direção-Geral do Território. Visitado em 28/11/2013.
  4. INE (2013). Censos 2011 - População residente por freguesia, CAOP 2013 (CSV) Instituto Nacional de Estatística. Visitado em 14/05/2014. "Dados populacionais de 2011, recalculados para os limites administrativos da Carta Administrativa Oficial de Portugal (CAOP), versão 2013."
  5. a b c d IGP (2012). Áreas das freguesias, municípios e distritos/ilhas da CAOP 2012.1 (XLS-ZIP) Carta Administrativa Oficial de Portugal (CAOP), versão 2012.1 Instituto Geográfico Português. Visitado em 30/07/2013.
  6. INE (2012). Quadros de apuramento por freguesia (XLSX-ZIP) Censos 2011 (resultados definitivos) Instituto Nacional de Estatística. Visitado em 27/07/2013. "Tabelas anexas à publicação oficial; informação no separador "Q101_LISBOA""