Anexo:Lista de inimigos da série El Chapulín Colorado

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este anexo ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde maio de 2013).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.

Esta é uma lista completa de vilões da série El Chapulín Colorado, no Brasil: Chapolin.

Palavra sem fonte, é a palavra magica e secreta que a bruxa Maratucha usa na serie do chapolim colorado

Vilões mais comuns[editar | editar código-fonte]

  • Tripa-Seca - Inimigo mais comum do Vermelhinho, é um bandido procurado internacionalmente. No episódio "O Estranho e Misterioso Caso do Morto que Morreu", ele forja sua própria morte para tentar sepultar o Chapolin em seu lugar e poder depois cometer seus crimes sem levantar suspeitas. Em outros, aparece junto com Nenê e Tonhão Quase-Nada. Tripa-Seca costuma vestir terno e chapéu bem combinados. Na sua infância, era um garoto rico e foi amigo de Chapolin, embora fosse exatamente o contrário do herói. Possui um estranho problema ocular, que o dificulta em ver coisas pequenas. Interpretado por Ramón Valdés.
  • Tonhão Quase-Nada - Um criminoso cruel que tem uma enorme cicatriz no olho direito. Um perigoso mafioso nos dias modernos, vestindo terno e chapéu brancos. Já fez parceria com o Tripa-Seca (Ramón Valdéz), Nenê (Ruben Aguirre) e namorou a Garota Nova-Rica (Florinda Meza). Em "A Vingança", escapou da penitenciária e invadiu uma firma de empacotamentos, onde trabalhava, para vingar-se de seu antigo patrão e colegas de trabalho, que o denunciaram às autoridades. Retorna no episódio Não seja burro, Chapolin, onde, na tentativa de matar o herói, ele provou ser bem mais burro que os seus capangas com o seu bordão Se aproveitam da minha burrice. Interpretado por Carlos Villagrán.
  • Garota Nova-Rica - Apesar de ser inimiga do Chapolin, ela é neutra. Só pensa em seus próprios objetivos, como conseguir dinheiro e jóias. Pode estar do lado do Chapolin ou dos bandidos. Apareceu em dois episódios, "O Estranho e Misterioso Caso do Morto que Morreu", em que ela ajuda os bandidos a forjarem a morte do maior inimigo do Chapolin, sendo presa junto com Tripa-Seca e Nenê, e no episódio "Não Seja Burro, Chapolin!", em que ela é traída por seus companheiros e serve de isca para atrair o Chapolin. No final deste episódio, ela é salva pelo Vermelhinho e os bandidos se dão mal, entre eles Tripa-Seca, que engole a marreta do Chapolin. Interpretada por Florinda Meza.
  • Nenê - Por vezes também chamado pela alcunha de Shory (que, por sua vez, é um antigo apelido - muito irônico - de Aguirre, uma corruptela do inglês shorty, que significa "baixinho"), é um bandido que aparece em alguns episódios junto de Tripa-Seca e Tonhão, costuma vestir roupa e chapéu pretos. É o mais forte do bando - e também o mais burro.
  • Pistoleiro Veloz - Se auto-proclama "gatilho mais rápido do Velho Oeste". Aparece no episódio "O Pistoleiro da Marreta Biônica", sendo derrotado pela super-velocidade do Vermelhinho e, no final, fingindo altruísmo, rouba as calças amarelas do herói, fazendo-o passar vergonha publicamente. Interpretado por Ramón Valdés.
  • Pirata Alma-Negra - Líder de um grupo de piratas temido pelos 7 mares. Seu braço-direito é o enorme Matadouro, com quem aparece no episódio múltiplo "Os Piratas". Seu fantasma retorna no episódio "O Tesouro do Pirata Fantasma", onde simplesmente conversava com Chapolin em algumas cenas, em outras ele "guiava" seu "tatatatatatatata...taraneto" na busca por um tesouro fabuloso, como indica o título do episódio. Interpretado por Ramón Valdés na versão clássica, porém vivido por Rubén Aguirre numa versão mais recente.
  • Bruxa Baratuxa - Uma bruxa muito malvada, que vive num bosque. Ela quer obrigar "A Camponesa Simples de Nobre Coração Que Vai Todos Os Dias Ao Bosque Para Recolher Lenha" (Florinda Meza) a se casar com seu horrível filho (Carlos Villagrán), um ogro deformado e estúpido, que acaba transformado em príncipe em um momento de inteligência da Camponesa. A palavra cabalística que controla os poderes da sua varinha é Parangaricotirimirroaro (uma alusão a cidade mexicana de Nuevo San Juan Parangaricutiro, no estado de Michoacán). Interpretada por María Antonieta de Las Nieves.
  • Racha-Cuca (ou Rasga-Bucho) - É um cruel e sanguinário pistoleiro do Velho Oeste, comparsa de Matoncísimo Kid e pai da bela e perigosa Rosa a Rumorosa. Ele monopoliza o poço de água de uma comunidade, exigindo das pessoas 5 dólares ou um saquinho de alfafa por cada balde de água retirado. Aparece em 9 episódios da série. Interpretado por Ramón Valdés.
  • Fura-Tripa - Semelhante ao Tonhão Quase-Nada, é um perigoso bandido com o olho ferido e muitos traços similares em sua aparência e personalidade, porém atuando como um pistoleiro no velho oeste que namora a Rosa Rumorosa. Fura-Tripa está constantemente com um cigarro em sua boca, o qual aparentemente não tem fim e ele parece estar sempre mascando. Graças ao erro de dublagem, é chamado de "Quase-Nada" na versão dublada mais comum do episódio em que é o vilão central, portanto é desconhecido se Quase-Nada e Fura-Tripa são ou não a mesma pessoa, possivelmente fazendo uso de alter-egos. Também há a possibilidade de talvez serem parentes. Interpretado por Carlos Villagrán.
  • Rosa Rumorosa - Filha de Rasga-Bucho e amante de Fura-Tripa. É muito atraente, chama a atenção de todos os homens da redondeza e por se achar muito bonita, seduz os homens (inclusive Chapolin), a fim de distraí-los para seu pai cometer todos os crimes impunemente. Interpretada por Florinda Meza.
  • Garrafa - Líder de influente e bem-organizado grupo contrabandista que atua principalmente em bailes de máscaras. Atua no episódio múltiplo "Festa à Fantasia". Um de seus principais aliados é Beterraba(Roberto Gómez Bolaños). Interpretado por Edgar Vivar.
  • Mão-Negra - Um perigoso assassino que utiliza luvas de couro negras para não deixar impressões digitais. Interpretado por Ramón Valdés.
  • Matadouro (ou Matalote) - Apareceu no episódio múltiplo "Os Piratas". É o pirata mais cruel depois de Alma Negra (Ramón Valdez), a quem ele o serve. Interpretado por Rubén Aguirre em sua primeiora versão. porém numa versão mais recente do episódio "Os Piratas", é vivido por Arturo García Tenorio enquanto o próprio capitão é vivido por Aguirre.
  • Almôndega - Aparece no episódio "O Rei dos Disfarces", contratado pelo Sobrinho Mau-Caráter (Ruben Aguirre) de Dona Neves para matar sua tia para conseguir mais rapidamente a herança. Muitos acreditam que seu intérprete seja Edgar Vivar, por este tê-lo feito em sua primeira aparição no episódio, mas o verdadeiro Almôndega é interpretado por Valdés, o que pode ser notado pelo fato de que sua voz é a única coisa que ele não consegue alterar (ele ainda se disfarça como o médico (Carlos Villagrán), a enfermeira (Florinda Meza), e Dona Neves (Maria Antonieta de las Nieves), no final do episódio em que aparece). Por essa razão, ele foi dublado por Valdés (no caso da versão brasileira, Carlos Seidl) nessas situações. Interpretado por Ramón Valdés.
  • Botina - Agindo no episódio "A Ameaça do Botina", é um mafioso mexicano que tentou explodir um prédio de advocacia com duas bombas-relógio para matar o advogado Dr. Ramirez (Rubén Aguirre), que detém uma nota promissória que o criminoso assinou e queria de volta. Acabou impedido pelo Vermelhinho. Interpretado por Edgar Vivar.
  • Chinesinho - Um gângster perito em artes marciais de origens chinesas, atua tanto sozinho, como se aliando a Tripa-seca em alguns episódios. Sua principal aparição acontece no episódio "De Médico, Chapolin e Louco Todo Mundo Tem Um Pouco", no qual foi hospitalizado ao lado de Tripa-Seca(que estava à beira da morte) enquanto o próprio Chinesinho parece estar fora de perigo, mas Chapolin acaba invertendo propositalmente os prontuários médicos dos dois bandidos para salvar a vida de Tripa-Seca, mas prejudicou Chinesinho, que aparentemente morreu ao fim do episódio, apesar dele retornar em episódios posteriores, o que é deixado como mistério na série. Apesar das similaridades e de ambos serem vividos por Villagrán, Chinesinho e Quase-Nada não são a mesma pessoa, e Quase-Nada não possui nenhum traço asiático. Interpretado por Carlos Villagrán.
  • Abominável Homem das Neves ("Abominével Homem das Naves", como Chapolin o chama) - Um horrível ser, híbrido de homem e animal, que aterroriza uma região deserta. Suas características são assustadoras e uma de suas marcas são os uivos. Chapolin aparece para ajudar um casal que está sendo atacado pelo Homem das Neves. No final, descobrem que o inimigo era apenas um ator disfarçado, contratado pela empresa de turismo para atrair visitantes. Interpretado por Ramón Valdés.
  • Maria Bonita (no original Juana Gallo) - Uma louca que pensa que é a cangaceira Maria Bonita (originalmente a personagem Juana Gallo, do filme homônimo de 1961), que aprisiona um homem (Ramon Valdés) e sua filha (Maria Antonieta de Las Nieves), ameaçando afogá-los em um tanque. Ambos pedem ajuda ao Chapolin para livrar-se dela, mas o Vermelhinho faz todos caírem nesse tanque, até a própria Maria Bonita. Interpretada por Florinda Meza.
  • Lobisomem - Outro ser terrível, este híbrido de homem e lobo aterroriza uma região deserta. Suas características são assustadoras e uma de suas marcas são as presas. Chapolin aparece para ajudar um casal que está sendo aterrorizado pelo Lobisomem. No final, descobrem que a criatura era um vigarista que enganava turistas vendendo supostas fotografias do Lobisomem tiradas por ele mesmo. Interpretado por Ramón Valdés.
  • Dona Carcereira - Embora bonita, é extremamente amarga, pois maltrata sem dó todos os prisioneiros de seu campo de trabalhos forçados - especialmente os mais preguiçosos e aversos ao trabalho. Ela obriga todos os prisioneiros a trabalharem 23 horas por dia. Tem como braço-direito o enorme e malévolo, mas desastrado e ininteligente, Tchípulin (Rubén Aguirre) como seu capataz. Ela aparece somente no episódio "A Dona da Ilha dos Homens", de 1976, e diz querer acabar com todos os homens do mundo por um motivo revelado ao Chapolin Colorado somente no fim do episódio: ela não teve a sorte de ter como pretendente um homem decente como o herói, e então decide libertar seus prisioneiros sob a condição de que o Chapolin se "prenda" a ela - o que ele, sendo um mulherengo inveterado, não recusa. Interpretada por Florinda Meza.
  • Severiano Miron - Espião mundialmente famoso. O problema é que sua fama é tamanha que acaba dificultando seu trabalho, devido ao fato de todos o conhecerem - o que o torna inútil na profissão, apesar de sua competência. Tentou roubar a fórmula do "Verniz Invisibilizador" no episódio de mesmo nome, sem sucesso. Interpretado por Edgar Vivar.
  • "Shory Ventrilouco" - homem que atua com um "boneco falante", o Boneco Sinforoso. Após Chapolin quebrar acidentalmente seu boneco, ele "pega" o herói para dizer que é seu boneco, fazendo com que todos acreditem na mentira. Ele é desmascarado quando Chapolin fala algo no ouvido de Horácio e pergunta ao "Ventrilouco" o que ele acabou de falar. Já que ele não sabia o que Chapolin falou.
  • Cientista Louco - Aparece no episódio "O Transplante de Cérebros", que fala sobre um grande e inteligente (porém pérfido e inescrupuloso) cientista que faz "terríveis e diabólicas experiências", como um invento que transplanta cérebros. Utiliza-se da ciência para fins malignos. Os outros cientistas não acreditam que suas invenções funcionam (e funcionam mesmo), mas ele é preso. Além disso, é mencionado neste episódio que ele já fez outros trabalhos como: economista, jogador de pólo, vendedor, ecologista e muitos outros. O mais interessante foi ser cambista de ingressos do estádio do Maracanã. Originalmente é vivido por Ramón Valdéz, porém na rregravação deste mesmo episódio, Rubén Aguirre faz o papel do cientista maligno.
  • Presidiário 24 - Único preso que se recusa a escapar, porque se dá bem com o Sargento, interpretado por Carlos Villagrán. Mas ele não resistiu à vontade e tentou recuperar os outros 11 presidiários que escaparam, mas 24 acabou indo na deles. Ele está no episódio "O Cárcere". Interpretado por Edgar Vivar.
  • Professor Baratinha - Um cientista que inventou o "Extrato de Energia Volátil", no episódio de mesmo nome, e pede a Monchito (Ramón Valdés) devolvê-lo depois de testar. Interpretado por Carlos Villagrán.
  • Porca Solta - Interpretado por Rubén Aguirre. Este perigoso louco surdo-mudo escapou do manicômio e por isso agride todos aqueles que falam (exceto por meio da linguagem de sinais) perto dele. Está no episódio "O Perigoso Porca-Solta". Obs.: Em algumas dublagens é chamado de Poucas-Trancas, outro personagem interpretado por Aguirre, por esta razão os dois são bastante confundidos um com o outro. Mas apesar de algumas similaridades, ele e Poucas-Trancas não são a mesma pessoa.
  • Búfalo Bill - Uma completa alusão ao pistoleiro homônimo. Ele ganha a vida como pistoleiro de aluguel, cobrando 5 dólares por cada búfalo morto e 10 por cada índio assassinado. Bill aparece somente no raríssimo episódio "Buffalo Bill", contratado por um fazendeiro inescrupuloso que deseja livrar-se de uma tribo de índios pele-vermelha a fim de estender sua posse de terras, mas ambos acabaram derrotados pela união dos indígenas com o Polegar Vermelho. Interpretado por Ramón Valdéz.
  • Poucas-Trancas - Interpretado por Rubén Aguirre. Um criminoso temido, que ao escapar da cadeia foi rondar na Barra Funda, seu bairro preferido, mas acabou capturado pela união de Chapolin e Super Sam. Poucas-Trancas acumula inúmeros crimes em uma longa ficha policial na qual consta que, além de ter cometido 98 delitos e matado 81 pessoas, ele também teria assaltado trens pagadores, atacou o Expresso de Chicago, roubou o Banco de Nova Iorque, destruiu o Museu de Washington, e até avançou um sinal vermelho em alta velocidade na Avenida Itaim. Ele vem do episódio que leva seu nome. Obs.: Em algumas dublagens, o nome Poucas-Trancas é dado a outro vilão do Chapolin, que é o louco surdo-mudo Porca Solta (também vivido por Aguirre). Apesar das similiaridades físicas, os dois são personagens completamente diferentes.
  • Riacho Molhado - O fantasma deste perigoso índio aparece para assombrar uma cabana num lugar deserto. Chapolin aparece para ajudar um homem e sua filha, que estão apavorados com a presença do tal fantasma. No final, descobrem que o fantasma é um ator. Contracenou no episódio "O Fantasma de Riacho Molhado".
  • Diaba - Uma atraente mulher com fantasia de diaba que aparece no episódio "Festa à Fantasia", faz parte da gangue do contrabandista Garrafa, juntamente com Baixinho, Coelho e o Falso Chapolin. Interpretada por Florinda Meza.
  • Agente Carlitos - Agente executivo de Sr. Oracles(Horacio Gómez Bolaños), o empresário que contrata os serviços do ventrilouco Shory(Rubén Aguirre), por este ser conhecido como um grande ventríloco. Apesar de Oracles apostar alto no artista, Carlitos não se anima com as tentativas deste e está sempre duvidando das habilidades de Shory ou criticando o mesmo. Quando desconfia de que o Chapolin usado por Shory(que na verdade é o próprio Chapolin Colorado se passando por um boneco de ventríloco) é uma farsa, ele logo entra em atrito com o vermelhinho quando os dois se encontram sozinhos. Carlitos é um típico nerd crítico, possivelmente mais um dos personagens de Villagrán inspirados em Jerry Lewis.
  • Conde Terra-Nova (Versão 1972) - namorado da filha(Maria Antonieta) do Coronel(Edgar Vivar). Na verdade é um bandido perigoso que queria refúgio da polícia. Ao contrário de vários casos, quem pega o vilão é o Coronel e não Chapolin, sendo que ele termina com as honrarias. O ator que o interpreta é desconhecido.
  • Conde Terra-Nova (Versão 1974) - Um conde muito respeitado, que faz uma visita a um milionário que coleciona selos raríssimos de grande valor financeiro (Carlos Villagrán). Após o sumiço de vários selos, o milionário culpa sua empregada quando, na verdade, o ladrão era o próprio Conde (que sofre de cleptomania e inclusive chegou a roubar também a bolsa da empregada). Versão vivida por Ramón Valdez.
  • Conde Terra-Nova (Versão 1976) - Única versão do Conte Terra-Nova que não se trata de um vilão, mas sim de um notável e talentoso pianista italiano bastante emotivo que pretende se casar com sua noiva(Florinda Meza), mas é impedido pelo pai desta(Edgar Vivar), que pensa que o conde está apenas interessado no dinheiro de herança da família, mesmo que o esquentado italiano se mostre alguém bem intencionado. Esta versão é interpretada por Rubén Aguirre.
  • Louco da Cabana - Um louco que aparece no episódio "O Louco da Cabana". Interpretado por Carlos Villagrán.
  • Homem Nuclear - Outro louco perigoso que escapou do manicômio. Aparece no episódio especial "Chapolin em Acapulco". Ele acredita ser um super-herói que luta contra os marcianos, mas no final foi vencido pelo Chapolin. Na história, é conhecido como Seu Trocadeiro, um ator fracassado que ficou louco após perder um papel que julgava importante, e durante o episódio é procurado pela enfermeira responsável por ele (interpretada por Angelines Fernández) enquanto vaga pelo hotel de Acapulco (o mesmo hotel que hospedou Chaves e sua turma) e invade a gravação de um filme. Interpretado por Carlos Villagrán.
  • Secretária Bandida - Ela apareceu em um episódio como uma secretária que pretende roubar documentos confidenciais do seu chefe, um alto oficial do Estado-Maior, e vendê-los para bandidos - inclusive chegou a colocar no oficial e no Chapolin um relógio que controla indevidamente o movimento da mão - mas acaba presa no final. Ela Interpreta a vilã nas versões de 1975 (com Carlos Villagrán, inédita no Brasil) e 1979 (com Ruben Aguirre, comum no Brasil e lançado no DVD Volume 3 da Amazonas Filmes. Episódio refilmado nos anos 80 e 90). Interpretada por Florinda Meza.
  • Beterraba - Bandido aliado ao contrabando de Garrafa(Vivar) e principal parceiro de Peterete(Valdez). Beterraba é chamado de baixinho por alguns de seus aliados devido á sua baixa estatura. É bastante veloz e sempre com um jeito sarcástico, porém não muito inteligente e bastante atrapalhado, geralmente sendo punido por Peterete(ou por Garrafa) através deste tirar seu gorro, pentear seu cabelo e logo em seguida lhe diferir uma bofetada no rosto. É um dos poucos personagens secundários vividos por Roberto Gómez Bolaños.
  • O Coelho e o Falso Chapolin - Ambos pertencem à gangue do contrabandista Garrafa (Edgar Vivar) e aparecem no episódio "Festa à Fantasia". Interpretados por Horacio Gómez Bolaños. O Falso Chapolin ainda aparece no episódio "Chapolin em Acapulco", porém não se trata de um bandido, e sim do ator Chato Resto(Paródia a Charlton Heston) interpretando o Chapolin.
  • Peterete - Um dos líderes da quadrilha de Garrafa(Vivar) que geralmente é quem substitui o mesmo em sua ausência. Principal companheiro de roubos de Beterraba, Peterete tem o pavio bem curto e geralmente é entregue sem querer a polícia graças as burradas de seu parceiro, o qual sempre pune penteando seus cabelos e lhe dando uma bofetada no rosto. Se disfarça de Pantera Cor-de-Rosa durante um assalto a uma festa á fantasia. Beterraba e Peterete nem sempre aparecem como vilões do Chapolin, sendo que a maioria de suas histórias mostram as tentativas frustradas de latrocínio da dupla, que costuma ser pega pelo guarda noturno(Villagrán). Interpretado por Ramón Valdéz.
  • Pancho - É um robô criado para serviços domésticos, mas é um robô louco pois seu criador esqueceu de colocar os parafusos em sua cabeça. Seu vocabulário resume-se apenas a gritar: "Beep-beep!". Interpretado por Rubén Aguirre.
  • Louca dos Dinossauros - Uma velha louca que engana Chapolin, dizendo que há dinossauros e espíritos em uma casa abandonada. Aparece na versão de 1974 do episódio "A Casa Mal-Assombrada", que era comum no Brasil até 2003. Interpretada por Angelines Fernández.
  • Bruxa do Anel de Brilhante - uma empregada bruxa que rouba o anel de brilhante de seu patrão. Interpretada por Florinda Meza.
  • Mordomo Zumbi - Um mordomo malvado, que quer assustar um casal que ganha como herança a casa que ele trabalha e quer para ele. Diz ter morrido em 1620 e é um fantasma, mas é preso pelo Chapolin, junto com a Louca dos Dinossauros (ambos aparecem no episódio "A Casa Mal-Assombrada"), pois não eram fantasmas, mas uma dupla de trapaceiros. Interpretado por Ramón Valdez.
  • Pança Louca - Um dos piratas do bando de Alma Negra, que depois se torna aliado do Chapolin. Está no episódio múltiplo "Os Piratas". Interpretado por Edgar Vivar.
  • Sr. Paranormal - Um golpista que diz ter capacidades telepáticas e quer comprar de volta a casa que vendeu dias antes para um casal. Assim ele aplica um golpe nos compradores vendendo a casa a um preço alto para depois tentar comprá-la de volta quase de graça. Ele aparece no episódio "A Mansão dos Duendes", e com ajuda do Chapolin e dos moradores, ele é levado à justiça. Interpretado por Ramón Valdéz.
  • Lagoa Seca - Um dos piratas do bando de Alma Negra, torna-se mais tarde aliado de Chapolin. Está no episódio múltiplo "Os Piratas". Interpretado por Horacio Gómez Bolaños.
  • Tchípulin - Um homem enorme e cruel - mas pouco inteligente e desajeitado - que trabalha para a amarga e impiedosa Dona Carcerária (Florinda Meza) no episódio "A Dona da Ilha dos Homens" (1976). Fala com sotaque tipicamente interiorano e diverte-se fuzilando prisioneiros preguiçosos. Interpretado por Rubén Aguirre.
  • Pepe - Trabalha para o Cientista Louco (tanto Ramón Valdés ou Ruben Aguirre em ambas versões do episódio "O Transplante de Cérebros"), ele era encarregado de abrir as portas das passagens secretas no laboratório após ser dita a famosa frase "Pepe, já tirei a vela!". Interpretado por Horacio Gómez Bolaños.
  • Chefe Índio - Apareceu no episódio "A tribo Discoteca". É o líder dos Discotecas que quer sacrificar um grupo de exploradores para seus deuses. Mas é detido pelo Chapolin depois de este ter derrotado seu filho primogênito, como diz na tradição de sua tribo em que "somente pode-se deixar as pessoas a serem sacrificadas irem embora se o primogênito do imperador for derrotado". Mas no final tudo isso não passa de ser fruto da imaginação dos exploradores. Interpretado por Ramón Valdez.
  • Mata-Fácil - Aparece em "O Bandido Mata-Fácil" de 1972, ele tenta matar um homem(Ramón Valdez) e sua filha (Maria Antonieta de Las Nieves) mas foi impedido pelo Chapolin Colorado. Possui características semelhantes ao Pistoleiro Veloz. Interpretado por José Luiz Fernandéz.
  • Rajá Kara Ra-Shada - Um criminoso barato com ares místicos, vindo do Oriente Médio, que costuma aplicar truques de hipnose nas pessoas através de sua bola de cristal para assim obrigá-las a revelar coisas que sejam de seu interesse. Atuando no episódio raro "A Bola de Cristal", ele queria roubar um diamante valiosíssimo que estava escondido no subsolo de uma mansão, mas Chapolin o detém com a ajuda dos donos da casa. Interpretado por Ramón Valdez.
  • Symbato Yamasaki - Um artista marcial muito habilidoso, versado em karate que quer se casar com a gueixa(Florinda) filha do samurai(Valdéz), que se vê obrigado a entregar a filha ao vilão caso este derrote o "Honorável Medidor de Luz"(Villagrán), que é empregado do samurai e também apaixonado pela gueixa. É enfrentado pelo Chapolin numa das mais árduas batalhas vividas pelo polegar vermelho. Interpretado por Edgar Vivar na primeira versão(1973) e por Rubén Aguirre na segunda versão(1976).
  • Líder dos Marcianos: Um habitante do planeta Marte, que aparece no episódio "Aventuras em Marte", transformado em filme. Interpretado por Arturo García Tenorio.
  • Gigante - Um homem enorme que aparece na encosta do precipício da cabana para pegar o Chapolin (em sonho quando a porta da cabana cai por cima do herói e este acaba dormindo) no episódio "O Gigante". Interpretado por Rubén Aguirre.
  • Bebê Jupteriano: Um bebê extraterrestre que veio do planeta Júpiter em um disco voador de brinquedo, que aparece muito pequeno, mas depois cresce rapidamente e acaba se transformando em um bebê gigante. Existe no episódio "O Bebê Jupiteriano". Interpretado por Arturo García Tenorio.
  • Vampiro - Aparece no episódio "O Vampiro" de 1972. Interpretado por José Luiz Fernandéz.

Inimigos de menor destaque[editar | editar código-fonte]

  • Barbeiro - É um barbeiro ambicioso que só quer saber de ganhar dinheiro fácil. Ele aparece somente no episódio "A Corneta Paralisadora", junto com o arrogante Cliente Milionário (Carlos Villagrán). Interpretado por Ramón Valdez.
  • Falso Detetive - Aparece no episódio "O Anel de Brilhantes", no qual é contratado por um milionário (Ramón Valdés) para achar um anel perdido. O milionário antes havia culpado sua governanta (Florinda Meza) pelo sumiço, porém é comprovado que o anel foi perdido por um descuido do milionário, porém o Chapolin aparece para ajudar, mas em um flashback o Vermelhinho se lembra e descobre que o detetive é um bandido que fugiu da cadeia e que conseqüentemente já tenha esbarrado no herói, faz os dois ficarem presos para roubar a casa, mas é vencido pela união do Chapolin e do milionário. Interpretado por Carlos Villagrán.
  • Falsa Múmia - Um homem inescrupuloso que aparece no episódio "A Múmia do Museu", acompanhado do Bandido de Aluguel (Ramón Valdés) e do Bandido Barato (Villagrán), entrando sorrateiramente no museu e se disfarçando de múmia para dar um susto na guia de visitantes, como vingança por esta romper o noivado. Com a ajuda da respectiva, Chapolin manda os três bandidos à prisão. Interpretado por Rubén Aguirre.
  • Espião - Um espião que quer roubar uma fórmula experimental de um cientista que desarranja a estrutura atômica de objetos sólidos e os torna frágeis, mas acaba derrotado pelo Chapolin. Na verdade, todos os objetos do lugar foram embebidos na fórmula e quando ele tenta acabar com o Chapolin, os objetos se quebram nele, com isso fica espantado e corre com medo da "força" do Polegar Vermelho. Interpretado por Rubén Aguirre.
  • Bandido de Aluguel - Um bandido de aluguel que é contratado junto com o seu colega Bandido Barato(Carlos Villagrán) para ajudar um homem disfarçado de múmia a dar um susto em sua ex-noiva, que rompeu com ele meses antes. Mas no final é preso junto com o Bandido Barato pelo Chapolin. Sempre que ele e o Bandido Barato começam a andar para algum lugar eles gritam: "Ih!". Aparecem como vilões do episódio "A Múmia do Museu". Interpretado por Ramón Valdez.
  • Comparsa - É uma golpista do episódio "Os Documentos Confidenciais", ela aparece roubando documentos confidenciais, junto com seu aliado, interpretado por Aguirre. Ela engana Chapolin dizendo que os bandidos eram os detetives que os investigavam do outro quarto em um hotel, mas no final acaba presa com o aliado. Interpretada por Florinda Meza.
  • Cliente Milionário - Um arrogante cliente de barbearia que se apaixona pela atendente (Florinda Meza). Ele aparece somente no episódio "A Corneta Paralisadora", junto com o Barbeiro (Ramón Valdes) - nesse episódio, o Chapolin chega a tirar a barba de uma capa de revista que o cliente lia. Interpretado por Carlos Villagrán.
  • Proprietário - Ele é um proprietário mau e não quer arrumar a casa de uma família que sofre com goteiras em seu telhado. Ele aparece no episódio "Goteiras". Interpretado por Edgar Vivar.
  • Traidor da Prisão - Um presidiário que era amigo do outro preso (Ramón Valdés) porém, no desenrolar da trama, é revelado que é um traidor e faz seu companheiro trabalhar mais ainda. Aparece nos episódios semelhantes "Para Fugir da Prisão" e "A Dona da Ilha dos Homens" - sendo que no primeiro o personagem não tinha nenhum nome e no segundo recebeu o nome de "Marlombríssimo Kid", numa alusão dupla a Marlon Brando e Billy the Kid -, onde ambos os atores exercem os mesmos papéis. Interpretado por Carlos Villagrán.
  • Mulher Alienígena - Apareceu em um episódio, como uma alienígena que estava vasculhando a terra para iniciar uma invasão; Junto com outro ET (interpretado por Ruben Aguirre), ela chega a colocar uma pulseira em Chapolin para controlá-lo, mas no final é derrotada dentro do seu disco-voador junto com seu comparsa. Ela interpretou a vilã nas versões de 1974 (com Carlos Villagrán, inédito no Brasil) e 1977 (com Ruben Aguirre, comum no Brasil e o primeiro episódio da temporada de 77). Interpretada por Florinda Meza.
  • Bandido Barato - O parceiro do Bandido de Aluguel(Valdez) e da falsa múmia (Ruben Aguirre) no episódio "A Múmia do Museu". É bem menos inteligente que seus dois amigos. No final, todos os três criminosos são presos pelo Chapolin. Interpretado por Carlos Villagrán.
  • Alienígena - Rubén Aguirre interpreta este personagem juntamente com Florinda Meza (a outra E.T.).
  • Rainha Má - Apareceu em somente um episódio, no qual Chapolin narra a saga de Branca de Neve. Interpretada por Maria Antonieta de las Nieves.
  • Ladrão - Um simples ladrão que causa muita confusão no episódio "O Ladrão Do Museu", ao roubar a bolsa de uma mulher que fala ao telefone. Interpretado por Ramón Valdez.
  • Milionário - É um milionário que quer a mão da filha(Florinda) do Mau Pai (Ramón Valdés), mas, no final, pela tática de Chapolin, acaba desistindo e se dando muito mal. Aparece no episódio "A Volta da Corneta Paralisadora". Na versão de 1973 onde a pretendente era a Maria Antonieta de Las Nieves ele não desistiu e acaba se tornando um vilão amargo, mas foi vencido pelo Chapolin como sempre. É interpretado por Carlos Villagrán nas versões comuns do episódio, e interpretado por Edgar Vivar numa versão mais recente do mesmo. Em cada uma das versões de Villagrán, possui características e personalidade diferentes: Em 1976(quando Florinda é a pretendente), o milionário é simplesmente um nerd certinho(como muitos outros personagens de Villagrán com esta característica) e negocia com um golpista(Rubén Aguirre) para assim convencer seu futuro sogro(vivido por Valdéz em todas as versões) a entregar a mão de sua filha. Na versão de 1973(quando Maria Antonieta é a pretendente), o milionário é o próprio golpista, sendo sádico e oportunista(bem o oposto do nerd da versão de 1976), e o golpista vivido por Aguirre não se faz presente. Na versão de 1979(Onde o milionário é vivido por Edgar Vivar), a história é idêntica á versão de 1976, e contando com os mesmos papéis(exceto por Villagrán ser trocado por Vivar nesta versão).
  • Mendigo Ladrão - Um mendigo que aparece no episódio "O Mendigo na Praça". Pega o dinheiro que todos que passam e matou um homem por não pagar. Mas, no final, termina detido pelo Chapolin. Interpretado por Ramón Valdez.
  • Mau Proprietário - O dono de uma casa velha, que está praticamente caindo aos pedaços de tão velha, e recusa-se a reformá-la para a família que mora nela. Ele aparece no episódio "A Casa Velha". Interpretado por Carlos Villagrán.
  • Mau Pai - O pai de uma garota(Florinda), que por dinheiro deu sua mão para um milionário(Villagrán). No final aprende a lição e fica bom. Está no episódio "A Volta da Corneta Paralisadora". Interpretado por Ramón Valdez.
  • Boxeador Valentão - Um alto, forte e arrogante campeão de boxe que se muda para um condomínio com seu pai(Ramón Valdéz), onde paquera uma bela e simples jovem(Florinda Meza) que é noiva de um rapaz bondoso, porém covarde(Carlos Villagrán). O boxeador vive intimidando o pobre rapaz que é deixado de lado por sua noiva e chama o Chapolin, que o motiva a enfrentar o vilão numa luta de boxe. Interpretado por Rubén Aguirre.
  • Mendiga - Ela é filha do Mendigo Ladrão (Valdés). Aparenta ser boa-gente e despretensiosa, mas no final fica com o dinheiro roubado por seu pai. Vem do episódio "O Mendigo na Praça". Interpretada por Florinda Meza.
  • Árabe - Na verdade um simples guia turístico, ele se vale de uma suposta lenda da múmia que amaldiçoa aqueles que ousam entrar em sua pirâmide, com isso assustando grupos de arqueólogos para então poder saquear os tesouros sagrados do Egito (ele chegou a roubar a múmia verdadeira e usou o ambicioso personagem de Carlos Villagrán como múmia substituta). Em cada aparição ele exclama: "Uaaah!". Foi o único inimigo do Chapolin interpretado por Ruben Aguirre a ser dublado no Brasil por Potiguara Lopes, no episódio "A Pirâmide da Múmia".
  • O menino mentiroso - É um menino muito travesso que adorava jogar fora os seus brinquedos velhos e mentia para seus pais(Villagrán e Florinda) dizendo que um bandido os roubou só pra conseguir mais brinquedos novos, os mesmos tem de recorrer a um detetive particular que é praticamente um Sherlock Holmes moderno(Aguirre), mas este não encontra provas nas mentiras do garoto. Porém quando o ladrão dos brinquedos(Valdéz) aparece de verdade, o menino se arrepende de suas mentiras e jurou nunca mais mentir e dividir os seus brinquedos com o filho do ladrão. Interpretado por Maria Antonieta de las Neves.
  • Treinador - Um arruaceiro que treina seu filho(Aguirre) a lutar boxe. Os dois se mudam para um condomínio onde atormentam a vida de um tímido rapaz(Villagrán) que não tem coragem para defender sua noiva(Florinda) dos desaforos dos mesmos. Interpretado por Ramón Valdéz.
  • Mercenário - Um homem que quer 500 mil para casar um homem rico, mas pouco inteligente (Villagrán) com uma mulher simples (Florinda Meza) que não o ama, e para isso, os dois se passam por tio(mercenário) e sobrinho(milionário) e assim tentam também manipular o pai da moça (Ramón Valdés). Ele aparece no episódio "A Volta da Corneta Paralisadora". Interpretado por Rubén Aguirre. Ele apenas não aparece na versão de 1973, onde a história é bastante diferente, a pretendente é vivida por Maria Antonieta e o próprio milionário é um mercenário cruel(totalmente oposto ao nerd certinho da versão de 1976, e que é vivido por Edgar Vivar em 1979).
  • Ladrão de Brinquedos - Aparecendo no episódio triplo "O Menino Mentiroso", é um ladrão que invade uma casa para roubar os brinquedos de um menino mentiroso (Maria Antonieta de Las Nieves). Porém ele não queria machucar o Chapolin Colorado, ele só roubava os brinquedos apenas pra dar pro seu filho que não tinha nenhum brinquedo. Interpretado por Ramón Valdez.
  • Sobrinho Mau-Caráter - Atua no episódio "O Rei dos Disfarces" ao lado de Almôndega (Ramon Valdés), criminoso perito em disfarces, ele deseja matar sua própria tia (Maria Antonieta de las Nieves), a fim de obter logo sua herança milionária. Ambos acabam presos pelo Chapolin com a ajuda do detetive do hospital (Carlos Villagrán), que fingia ser um médico atrapalhado e burro. Interpretado por Rubén Aguirre.
  • Marido Burro - Apareceu somente no episódio "Morte ao Chapolin Colorado". Não é exatamente um vilão, mas um completo imbecil que se vê obrigado a tentar matar o Polegar Vermelho sob a pressão dos bandidos Nenê (Ruben Aguirre) e Tripa-Seca (Ramon Valdés), que mantinham sua esposa (Florinda Meza) refém no banheiro da casa. Pelo fato de ser um total idiota, o Marido Burro acabou cloroformizado pelos criminosos e, de quebra, ainda engoliu a Marreta Biônica, após o Chapolin tomar sua Pastilha Encolhedora. Isso não impediu o herói de capturar os bandidos e salvar os reféns - e o Marido ainda ficou com a Marreta Biônica horizontalmente "entalada" em seu estômago, tal como aconteceu a Tripa-Seca no episódio "Não Seja Burro, Chapolin!". O marido burro é chamado de Carlos, assim como o Carlos que geralmente aparece com sua esposa(Vivida por Florinda Meza, cujo nome é desconhecido, uma vez em que ele sempre a chama de "querida") em muitos episódios, como personagens vítimas. Interpretado por Carlos Villagrán
  • Gerente do Hotel - Um homem sem escrúpulos, que cobra cinco vezes mais dos seus fregueses no episódio "Há Hotéis tão Limpos que Limpam até a Carteira". Interpretado por Rubén Aguirre.
  • Bruxa da Branca de Neve - Na 3ª Parte da saga de Branca de Neve, de 1978, inédito no Brasil, ela interpreta a madrasta disfarçada de bruxa para se vingar de Branca de Neve.. Interpretada por Angelines Fernández.
  • Marciano - Um extraterrestre do planeta Marte que aparece para roubar animais da fazenda de um rico fazendeiro(Edgar Vivar) e sua filha(Florinda Meza), mas é impedido pelo Chapolin colorado com a sua buzina paralisadora. Interpretado por Rubén Aguirre.
  • Criminoso Anónimo - Aparece no episódio "Não Se Enrugue Couro Velho Que Te Quero Pra Tambor " disfarçado de uma mulher (disfarce interpretado pela Florinda Meza) e se aproveitou da confiança e da nobreza do Chapolin mas o disfarce é revelado no final do episódio. Interpretado por Horacio Gómez Bolaños.

Vilões Sem Interpretações ou com Atores Desconhecidos[editar | editar código-fonte]

  • Duendes - aparecem numa casa, são pequenos e um grande grupo.
  • Disco Voador - aparece em alguns episódios como um vilão objeto, assustando todos os personagens. Chegou a ser um brinquedo de um menino ("O Bebê Jupiteriano"), e até ser um disco voador real ("O Extraterrestre" e "Os Marcianos").
  • Rato do Encanamento - rato real que atrapalha Chapolin quando está tentando recuperar um relógio.
  • Carcereiro - Ele aparece no episódio "Para Fugir da Prisão", que fala sobre um carcereiro que maltrata os detentos de uma prisão, obrigando-os a trabalhar 23 horas diárias. Foi dublado por Nelson Batista.
  • Esqueleto Voador - não é claramente um vilão, pois aparece apenas uma vez no final do episódio. Mas, aparece como uma assombração fantasma, pois se move sozinho voando numa vassoura.
  • Louro - papagaio da casa abandonada que perturba Chapolin, pois ele não para de falar.
  • Ladrão de Comida - um ladrão que rouba comida de dois idosos.
  • Fantasma - Mumía disfarçada de Fantasma aparece no episódio "Nós e os Fantasmas".