Anexo:Lista de países com múltiplas capitais

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Países com múltiplas capitais

Alguns países têm múltiplas capitais; usualmente uma cidade é a sede de governo enquanto outra é a capital legal..

Presentemente com mais de uma capital[editar | editar código-fonte]

País Capitais Detalhes
África do Sul África do Sul Pretória Capital administrativa
Cidade do Cabo Capital legislativa
Bloemfontein Capital judicial
Alemanha Alemanha Berlim Capital oficial e sede dos órgãos executivo e legislativo
Karlsruhe Sede nacional do poder judicial
Benim Benim Porto-Novo Capital oficial
Cotonu Sede de governo de facto
Bolívia Bolívia Sucre Capital oficial (constitucional); sede do poder judicial nacional
La Paz Sede dos órgãos nacionais administrativos e legislativos
Chile Chile Santiago Capital oficial; sede dos órgãos nacionais administrativos e judiciais
Valparaíso Sede da legislatura nacional
Costa do Marfim Costa do Marfim Iamussucro Capital oficial
Abijã Sede de governo de facto
Geórgia Geórgia
Tiblíssi Capital oficial e sede do governo e presidente
Cutaisi Capital legislativa
Honduras Honduras
Tegucigalpa Capital de facto e, com Comayagüela, uma das duas cidades que formam o município do Distrito Central, que é constitucionalmente a capital oficial
Comayagüela Com Tegucigalpa, é uma das duas cidades que formam o município do Distrito Central, que é constitucionalmente a capital oficial
Malásia Malásia
Cuala Lumpur Capital oficial; sede da legislatura nacional
Putrajaia Centro administrativo e sede do poder judicial nacional
Montenegro Montenegro
Podgoritsa Capital oficial
Cetinje Capital histórica e sede da residência presidencial
Países Baixos Países Baixos
Amesterdão Capital oficial (constitucional) e real
Haia Centro administrativo, sede da legislatura nacional e do poder judicial
PalauPalau
Melequeoque Capital oficial
Ngerulmud Sede do governo
República Árabe Saaráui Democrática Saara Ocidental (República Árabe Saariana Democrática) El Aiune Capital declarada
Bir Lehlou Capital temporária
Sri Lanka Sri Lanca
Sri Jayawardenapura-Kotte Capital administrativa
Colombo Capital comercial
Suazilândia Suazilândia Mebabane Capital administrativa
Lobamba Capital real e legislativa
Tanzânia Tanzânia Dodoma Capital oficial
Dar es Salaam Sede de governo de facto

Os Açores, apesar não serem um estado soberano, tem três capitais: Ponta Delgada (principal e administrativa), Horta (legislativa) e Angra do Heroísmo (eclesiástica).

Alguns habitantes de Quioto argumentam que quer Tóquio quer Quioto são capitais do Japão.

Israel designou Jerusalém como sua capital, e é ela a sede de governo. Contudo, até se esclarecer o estatuto político de Jerusalém, a maioria dos países, bem como as Nações Unidas reconhecem a vizinha Telavive. Telavive serviu como capital temporária de facto de Israel de Maio a Dezembro de 1948. A Autoridade Nacional Palestina reclama também Jerusalém como capital do Estado da Palestina; mas presentemente a sede de governo de facto do governo palestino internacionalmente reconhecido é em Ramallah, enquanto a sede do governo do governo do Hamas se localiza na Cidade de Gaza.

Na Alemanha, os órgãos judiciais superiores (Bundesgerichtshof e Bundesverfassungsgericht) localizam-se em Karlsruhe, enquanto a capital política do país é Berlim. Alguns ministérios estão ainda localizados em Bona, a antiga capital da Alemanha Ocidental, sendo ainda referida como "cidade federal" (Bundesstadt).

A Constituição das Honduras estipula que Tegucigalpa e Comayagüela são ambas capitais do país. Contudo, todos os órgãos governamentais estão em Tegucigalpa. Comayaguëla faz atualmente parte da Área Metropolitana de Tegucigalpa.

No Peru, a cidade de Cusco foi declarada na Constituição peruana como "capital histórica", uma declaração meramente simbólica, já que os órgãos governamentais se mantém todos em Lima.

A República Sérvia (Srpska), uma entidade sub-nacional da Bósnia e Herzegovina, tem uma capital constitucional em Saraievo, a mesma capital do país, de acordo com os Acordos de Dayton; no entanto o seu governo localiza-se em Banja Luka.

Apesar de não ser considerada um Estado soberano, a União Europeia tem três centros administrativos: Bruxelas (executivo e parcialmente legislativo), Luxemburgo (judicial) e Estrasburgo (parlamentar).

Amesterdão é a capital constitucional dos Países Baixos, mas a sede de governo do país (o centro administrativo nacional, o parlamento, o poder judicial e a monarquia) estão em Haia.

Cetinje é a capital histórica, tradicial e secundária do Montenegro. O estatuto da cidade é especificamente reconhecido pela constituição. Enquanto a residência oficial do Presidente do Montenegro está localizada na cidade, o resto do governo está em Podgóritza.

A antiga capital do Império Russo, São Petersburgo é oficiosamente reconhecida como a capital setentrional da Rússia. Adicionalmente, com a mudança do Tribunal Constitucional da Rússia de Moscovo para São Petersburgo, a cidade assume algumas funções de capital.

Na África do Sul, Bloemfontein é considerada capital judicial de facto, albergando o Supremo Tribunal. O Tribunal Constitucional situa-se em Joanesburgo, e é um tribunal superior em casos constitucionais.

Mais de uma capital no passado[editar | editar código-fonte]

Muitas nações que possuem hoje em dia apenas uma capital, deram, no passado, o estatuto de capital a mais do que uma cidade.

Estes países actuais tiveram duas cidades a servir como capitais administrativas ao mesmo tempo, devido a razões várias, como guerra ou partição.

País Anos Capitais Detalhes
França 1940-1944 Paris França ocupada (Norte de França ocupado pela Alemanha)
Vichy Estado Francês
Índia 1912-1947 Déli Captial de inverno
Simla Capital de verão
Líbia 1951-1969 Trípoli Uma das duas capitais oficiais do Reino
Bengasi Uma das duas capitais oficiais do Reino
Filipinas 1910-1948 Manila Capital oficial
1948-1976 Cidade de Quezon Capital oficial
Sérvia e Montenegro 1992-2006 Belgrado Administrativa e legislativa
Podgóritza Judicial

Ver também[editar | editar código-fonte]