Anexo:Lista de personagens da série Assassin's Creed

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
A página está num processo de expansão ou reestruturação.
Esta página ou se(c)ção está a atravessar um processo de expansão ou reestruturação. A informação presente poderá mudar rapidamente, podendo conter erros que estão a ser corrigidos. Todos estão convidados a dar o seu contributo e a editar esta página. Caso esta não tenha sido editada durante vários dias, retire esta marcação.

Esta página foi editada pela última vez por Marcelo Assef (D C) 21 dias atrás. (Recarregar)

Esta é uma lista de personagens notáveis que participam da série Assassin's Creed desenvolvida pela Ubisoft Montreal. Por se tratar de uma série de ficção histórica, a maior parte dos personagens são baseados em pessoas históricas, contendo alguns ficcionais.

Era Moderna[editar | editar código-fonte]

Daniel Cross[editar | editar código-fonte]

É o protagonista dos quadrinhos Assassin's Creed: The Fall. Raptado pela Abstergo em sua infância, Daniel foi transformado em um agente dormente por Warren Vidic, com o objetivo de assassinar o grão-mestre da Ordem dos Assassinos, tendo sua memória apagada, sendo abandonado pela Abstergo e criado por um casal de fazendeiros. Daniel se torna um violento alcoólatra viciado em drogas devido a alucinações frequentes sobre um assassino da era vitoriana chamado Nikolai Orelov. Porém ele muda quando encontra Hannah Mueller, uma assassina que o introduz na Ordem dos Assassinos.

Com a ajuda de Hannah, Daniel visita os esconderijos dos assassinos espalhados pelo mundo à procura do Mentor; isto, até uma noite em que um homem encapuzado invade seu apartamento e aplica algo em Daniel, fazendo-o desmaiar. Ao acordar, ele está em Dubai, no esconderijo do Mentor. Mas, ao ser presenteado com uma Lâmina Escondida, uma emblemática arma dada aos assassinos, em um impulso, ele corta a garganta do Mentor. Ao relembrar de toda sua vida, Daniel foge para uma filial da Abstergo sediada na Filadélfia. Lá, ele revela a posição de todos os acampamentos de assassinos que visitou, o que resultou em um ataque chamado de O Grande Expurgo, no qual a maior parte dos assassinos foi eliminada. Com isso, Daniel se torna um Mestre Templário e recebe a missão de matar William Miles, o novo grão-mestre da Ordem dos Assassinos.

Desmond Miles[editar | editar código-fonte]

(dublado por Nolan North)

É o protagonista dos principais jogos da série.[1] Nascido em 1987, ele cresceu em um esconderijo da Ordem dos Assassinos sitiado em Black Hills (chamado de "A Fazenda"). Lá ele cresceu isolado do mundo, recebendo treinamentos para se tornar um assassino. Porém, aos 16 anos, ele fugiu cansado de seus pais repressivos e a impossibilidade de sair da instalação, além do desejo de conhecer o resto do mundo. Com isso, ele foi para Nova Iorque, onde se tornou um barman em um clube noturno. Ele é descendente da linhagem de assassinos composta por Aquilus, Altaïr ibn-La'Ahad, Ezio Auditore da Firenze, Edward Kenway, Haytham Kenway e Connor Kenway.[2]

Lucy Stillman[editar | editar código-fonte]

(dublada por Kristen Bell)[1]

Era uma talentosa assassina estudante de ciência cognitiva que, após ser rejeitada em vários empregos, foi contratada pela Indústrias Abstergo, que desconhecia sua afiliação com a Ordem dos Assassinos. Ela aceitou o emprego a fim de ajudar a desenvolver o Projeto Animus junto com Warren Vidic e reportar as atividades dos templários aos assassinos. Depois de três anos, com a captura de Desmond Miles, a 17ª cobaia do projeto, ela se revelou uma assassina e o ajudou a fugir para um esconderijo supervisionado por ela e seus companheiros Shaun Hastings e Rebecca Crane, onde, com o uso do Animus 2.0, procuraram pela Maçã do Éden, um dos Pedaços do Éden, para impedir os templários de instaurar um Nova Ordem Mundial.[3]

Porém, os templários encontraram seu esconderijo e, com isso, eles fugiram para Monteriggioni, onde se esconderam até descobrirem a localização do artefato. Com isso, o grupo de assassinos vai para o Coliseu de Roma, onde encontram um cofre com a Maçã do Éden. Porém, Juno, uma das habitantes da primeira civilização, toma controle do corpo de Desmond e o força a esfaquear Lucy, dizendo que "a balança deve ser equilibrada". Com sua morte, ela é enterrada em um pequeno cemitério em Roma; porém, mais tarde, em um coma induzido por Juno, Desmond descobre que Lucy, na verdade, havia se tornado uma templária nos anos em que trabalhou na Abstergo e que, por isto, Juno forçou-o a matá-la.

Rebecca Crane[editar | editar código-fonte]

(dublada por Eliza Schneider)

É uma alegre e otimista assassina.[1] Antes de se juntar à Ordem dos Assassinos, ela era uma assídua praticante de esportes radicais. Porém, devido a um acidente, ela abandonou os esportes, adotando os computadores como seu novo hobbie, adquirindo uma grande habilidade com programação. Pouco tempo depois de ser contactada pelo assassinos, ela foi responsável pelo recrutamento de Shaun Hastings.

Mais tarde, ela foi encarregada de ajudar Clay Kaczmarek a se infiltrar na sede da Indústrias Abstergo. Passados sete anos com a morte de Clay e fuga de Lucy Stillman e Desmond Miles da Abstergo, ela obteve acesso aos dados do Projeto Animus, usando-os para criar o Animus 2.0 - o qual ela se refere por bebê. Com isso ela entra para a equipe dos assassinos, provendo suporte técnico ao grupo.

Shaun Hastings[editar | editar código-fonte]

(dublado por Danny Wallace)

É um cínico, arrogante e pessimista assassino.[1] Originário da Inglaterra, Shaun sempre foi fascinado por história e teorias conspiratórias, o que o levou a descobrir sobre os templários modernos e a Indústrias Abstergo. Isso colocou sua vida em risco, o que levou Rebecca Crane a recruta-lo para a Ordem dos Assassinos, a fim de protegê-lo. Mais tarde, com a fuga de Desmond Miles e Lucy Stillman da Abstergo, ele se juntou à equipe dos assassinos, ficando encarregado de fazer pesquisas e fornecer informações para a base de dados do Animus.

Dr. Warren Vidic[editar | editar código-fonte]

(dublado por Philip Proctor)[1]

É um cientista templário da Indústrias Abstergo e líder do Projeto Animus, onde deve investigar a localização dos Pedaços do Éden. Para isso, ele usa membros da Ordem dos Assassinos como cobaias no Animus. Uma de suas primeiras cobaias foi Daniel Cross, mas, seu maior avanço foi com Clay Kaczmarek, a Cobaia 16. Porém, devido aos grandes períodos de tempo conectado ao Animus, este ficou louco e se suicidou. Assim, com a ajuda de Lucy Stillman, ele encontrou Desmond Miles.

Quando adquiriu a localização dos Pedaços do Éden, Warren ordenou a morte de Desmond, mas, Lucy revelou-se uma assassina infiltrada e ajudou Desmond a fugir. Quando Vidic descobre a localização do esconderijo dos assassinos, ele invade o local, mas, Desmond derrota seus capangas, o que o obriga a recuar. Com isso, Vidic se dedica a recrutar novos templários, fazendo uso de seções do Animi (plural de Animus).

William "Bill" Miles[editar | editar código-fonte]

(dublado por Nick Jameson e John de Lancie)[4]

É o atual grão-mestre da Ordem dos Assassinos, encarregado de manter contato entre os vários grupos de assassinos espalhados pelo mundo. Ele inicialmente trabalhava em um esconderijo isolado do mundo, sitiado em Black Hills, chamado de "A Fazenda", onde vivia com cerca de outros 30 assassinos, dentre eles seu filho Desmond Miles. Em 1998 ele foi escalado pela Ordem para investigar Daniel Cross, descendente do assassino russo Nikolai Orelov, mais tarde sendo introduzido na Ordem. Porém, em Novembro de 2000, Daniel assassinou o grão-mestre, revelando-se um templário e desestruturando toda a Ordem, o que levou à destruição a maior parte dos esconderijos dos assassinos, em um ataque chamado "O Grande Expurgo".

Com a Ordem em decadência, os assassinos restantes dividiram-se em pequenos grupos espalhados pelo mundo, o que acabou promovendo Bill ao cargo de grão-mestre. Em 2003, com a fuga de Desmond da "Fazenda", William saiu à procura do filho, mas, não obteve sucesso até 2012, quando Desmond foi raptado pelos templários das Indústrias Abstergo. Com a ajuda de Lucy Stillman, uma assassina infiltrada, Desmond fugiu da Abstergo e se juntou ao grupo de assassinos da Itália, com o qual William manteve contato por meio de Shaun Hastings. Quando Desmond entrou em um coma induzido por Juno, ele se juntou ao grupo dos assassinos, o que ajudou em sua recuperação.

Era Romana[editar | editar código-fonte]

Aquilus[editar | editar código-fonte]

Era um assassino galo-romano (desconhecido-259) da irmandade de Lugduno e ancestral de Desmond Miles.

Accipiter[editar | editar código-fonte]

Era da Terceira Cruzadas[editar | editar código-fonte]

Al Mualim[editar | editar código-fonte]

Altaïr ibn-La'Ahad (1165–1257)[editar | editar código-fonte]

Era um assassino sírio da irmandade de Masyaf e ancestral de Desmond Miles.

Altaïr se torna mestre Assassino e vai à Jerusalém com seus irmãos Malik e Kadar para pegar um tesouro desconhecido, do qual o Grão-Mestre Assassino, Al Mualim, achava importante (a Piece of Eden). Antes de localizar a sala onde estava o tesouro, Altaïr entende que, como mestre assassino, ele poderia fazer o que quisesse, mas, acaba matando um inocente (situação que não é permitida dentro da Ordem). Quando localizaram a sala onde estava a Piece of Eden, deparam-se com alguns templários, inclusive Robert de Sablè, grão-mestre templário. Altaïr tenta atacar Robert sem êxito, com este lançando Altaïr para fora da sala. Os templários matam Kadar e deixam Malik muito machucado. Altaïr é punido e condenado à morte pelo Grão-Mestre Assassino, Al Mualim, que, porém, mais tarde, dá-lhe uma chance de se redimir, mandando-o matar 9 templários importantes que trazem guerras. Após Altaïr matar o nono, Robert de Sablè, descobre que Al Mualim fazia parte dos dez alvos. Altaïr mata Al Mualim e vira o Grão-Mestre Assassino.

Malik Al-Sayf[editar | editar código-fonte]

Maria Thorpe[editar | editar código-fonte]

Era uma Inglesa rejeitada pela família por querer se tornar uma guerreira. Foi para Jerusalém com as Cruzadas onde foi pega como refém e aprendiz de Robert de Sáble. Quando Altair vai à procura de Robert de Sáble, Maria está em seu lugar em Jerusalém; após uma longa batalha com Altair, este questiona-a onde estaria Robert De Sable e a libera para seguir sua vida. Futuramente ele a reencontra sendo traída pelo Grão-Mestre Sucessor de Robert De Sable. Algum tempo depois, Altaïr Ibn-La'Ahad apaixona-se por Maria Thorpe e esta vira sua esposa (durante a época pós cruzadas).

  • Maria tem 2 filhos com Altair.
  • Fonte: Livro -Assassins creed, A Cruzada Secreta.

Robert de Sablé[editar | editar código-fonte]

Era da Renascença[editar | editar código-fonte]

César Bórgia[editar | editar código-fonte]

Cristina Vespucci[editar | editar código-fonte]

Ezio Auditore da Firenze[editar | editar código-fonte]

Era um assassino italiano (1459 – 1524) da irmandade de Florença e ancestral de Desmond Miles, descendente de Altair e ancestral de Connor. Viveu durante o renascimento, utilizando armas ocultas e tendo a força como ponto forte, o que o fez ser conhecido como um assassino nato e de sangue frio.

Leonardo da Vinci[editar | editar código-fonte]

Lucrécia Bórgia[editar | editar código-fonte]

Manuel Palaiologos[editar | editar código-fonte]

Rodrigo Bórgia[editar | editar código-fonte]

Şehzade Ahmet[editar | editar código-fonte]

Vilão da trama de AC Revelations tio de Suleiman primeiro

Sofia Sartor[editar | editar código-fonte]

Esposa de Ezio Auditore da Firenze, tal como mostrada no curta metragen Embers.

Yusuf Tazim[editar | editar código-fonte]

Mestre da Ordem dos Assassinos em Constantinopla.

Era da Revolução Americana[editar | editar código-fonte]

Ratonhnhaké:ton[editar | editar código-fonte]

Também conhecido pelo seu nome adotivo Connor Kenway (1756-desconhecido), era um assassino ameríndio, um mestiço filho de pai Britânico (Haytham Kenway: pertencente à ordem dos Templários) e mãe Indígena, ancestral de Desmond Miles, descendente de Altair Ibn La Ahad e Ezio Auditore da Firenze.

Aveline de Grandpré[editar | editar código-fonte]

Uma notória assassina de Nova Orleans, filha de um francês com uma escrava, durante o período da revolução americana.

Haytham Kenway[editar | editar código-fonte]

Foi o pai de Connor Kenway. Era um membro da Ordem dos Templários.

Aquiles denvenport[editar | editar código-fonte]

Foi mentor de Connor (Ratonhnhaké:ton)

Era Vitoriana[editar | editar código-fonte]

Nikolai Orelov[editar | editar código-fonte]

Era Colonial[editar | editar código-fonte]

Edward James Kenway[editar | editar código-fonte]

Também conhecido como Capitão Kenway (1693-1735), foi um corsário, pirata e membro da Ordem dos Assassinos, ativo em torno do Caribe durante o início do século 18 (na Era de ouro da pirataria). Ele é o pai de Haytham Kenway e avô de Ratonhnhaké:ton.

Ele tem uma personalidade áspera e um pouco gananciosa. Nasceu em 10 de março de 1693 na Inglaterra e seu pai era Bernard Kenway e sua mãe era Linette Hopkins. Ele se casou com uma mulher chamada Caroline Scott, a qual o deixou devido à sua obsessão em obter riqueza.

Ele não era originalmente um assassino, porém, quando um corsário galês foi até um compromisso com seu navio, o HMS Intrigue que estava levando o assassino Duncan Walpole para Havana, Cuba, a tripulação de Edward atacou-o em uma tempestade. Edward e sua equipe conseguiram afundar o HMS Intrigue depois de ter sido enfraquecido por relâmpagos. No entanto, Duncan consegue embarcar no navio de Edward e matar alguns membros de sua tripulação, mas, a pólvora do navio explode, destruindo-o. Tanto Edward quanto Walpole conseguem sobreviver, embora Walpole tenha ficado bastante ferido. Precisando chegar à Havana, Walpole tenta recorrer à ajuda de Edward, mas, o temperamento ganancioso deste faz-o ameaçar Walpole, fazendo-o correr para dentro da selva de Cabo Bonavista, com Edward correndo atrás dele. Edward encontra Walpole e os dois se enfrentam, com Edward matando o assassino ferido. Edward decide personificar a identidade de Walpole para enganar os contatos deste a fim de tentar enganá-los, sem saber que Walpole, em seu caminho, havia desertado a Irmandade dos Assassinos para se tornar um Templário para o fim de aprender a localização do Observatório que guarda uma relíquia que possui o poder de localizar qualquer ser humano no planeta, um poder que os Templários têm. Edward também desenvolve o desejo de encontrá-lo, esperando que a tal relíquia possa dar-lhe a riqueza que ele sonha. Apesar de não ser um assassino treinado, sua vida como um pirata fez dele ágil e um lutador capaz. Um dos Templários, Julien Du Casse, presenteia-o com um par de lâminas ocultas tomadas a partir de um assassino caído. Ele também possui a "Eagle Vision", sexto sentido que está presente nos descendentes de sua linhagem, como seu filho e neto, o que é bastante útil para encontrar o tesouro; após, aprende com James Kidd (Mary Read disfarçada como o filho bastardo do pirata William Kidd) a chave para resolver o enigma Maia, que lhe permite obter mais Pedras Maias. Embora ele ajude os Templários na primeira metade de Assassin's Creed IV: Black Flag fingindo ser Walpole e até matando vários assassinos, ele não tem lealdade a eles ou à sua causa. Eventualmente, os Templários descobrem a verdade sobre seu golpe e, apesar de Edward os ter ajudado, eles o prendem a bordo de um navio do tesouro espanhol. Ele escapa com a ajuda de outro prisioneiro, Adewale, um ex-escravo que virou pirata. Juntos, eles libertam os outros prisioneiros e conseguem roubar um navio da classe brigue. Voltando à pirataria, Edward se torna o capitão do navio roubado e o nomeia como "O Gralha", pois, ele tinha um pássaro quando criança desta espécie, sendo que Adewale decide se tornar imediato do "Gralha" e de Kenway. Tentado pela riqueza que ele pode ganhar por encontrar o Observatório e por qualquer outra coisa de valor que ele pode encontrar ao longo do caminho, Edward sai à procura do misterioso homem conhecido como "sábio", o qual diz saber a localização do Observatório. Depois de matar Julien De Casse, Kenway toma posse da ilha de Great Inagua (Grande Inagua) e a faz como seu esconderijo, tornando-se a base do Gralha e toma a mansão de De Casse como sua própria casa. Kenway sai à procura do Observatório por todo o Caribe, fazendo amizades e inimigos e se tornando um pirata famoso, marcante em sua época. Trabalha ainda com piratas de renome como Edward "Barba Negra" Tatch, Charles Vane, John Rackham, Anne Bonny, Mary Read, Stede Bonnet, Bartholomew "Black Bart" Roberts. Foi traído por alguns destes que depois foram assassinados por ele, como os casos de Vane, Rackham e Roberts; porém, outros foram fiéis e ajudaram Kenway, como Bonnet, Barba Negra, Read e Anne Bonny. Foi dublado por Matt Ryan.

Primeira civilização[editar | editar código-fonte]

Juno[editar | editar código-fonte]

Júpiter[editar | editar código-fonte]

Minerva[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]