Anexo:Lista de personagens de Chrono Trigger

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este anexo ou se(c)ção não cita fontes fiáveis e independentes (desde junho de 2008). Por favor, adicione referências e insira-as no texto ou no rodapé, conforme o livro de estilo. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.

Esta lista contém personagens de Chrono Trigger, um RPG eletrônico lançado em 1995 pela Square Enix para o Super Nintendo Entertainment System.

Com o tema de viagem no tempo do enredo do jogo, os personagens viajam em diferentes eras da história, indo da pré-história ao futuro após o apocalipse.

O design dos personagens foi feito por Taizo Inukai, Fumi Nakashima, Akira Toriyama, e Hiroshi Uchiyama.

Protagonistas[editar | editar código-fonte]

Chrono[editar | editar código-fonte]

Crono (クロノ, Kurono?) é o protagonista do jogo. Mora com sua mãe em Truce, um vilarejo governado pelo reino de Guardia, em 1000 a.C. O encontro acidental que tem com Marle inicia sua aventura para salvar o mundo. Em 12.000 d.C., quando o grupo confronta-se com Lavos em um palácio subterrâneo do reino de Zeal, Crono sacrifica-se para salvar seus amigos. Mais tarde, o grupo pode revivê-lo. Suas falas nunca são exibidas, apenas sugeridas através de gestos e reações do personagem. Crono utiliza uma katana como arma, e após adquirir habilidade mágica, suas técnicas tornam-se orientadas ao uso de raios eléctricos. Seu nome pode querer significar "Chrono", com o "h" faltando devido à restrição de no máximo 5 letras para os nomes dos personagens.

Lucca[editar | editar código-fonte]

Lucca (ルッカ, Rukka?) é uma genial inventora, habitante de Truce em 1000 A.D. e amiga de Crono. Valendo-se de sua inteligência e criatividade, e com o auxílio de seu pai, Lucca inventou um teletransportador de curto alcance. Ela culpa-se pelo acidente que paralisou sua mãe em 990 A.D., evento que a motivou a estudar o campo das ciências. Mais tarde ela tem a oportunidade de revisitar o incidente e mudar os acontecimentos. Em uma feira milenar no reino, seu teletransportador aparentemente falha e envia Marle de volta no tempo, fazendo com que Crono e Lucca partam em sua busca. Lucca combate com uma pistola e um martelo e, quando aprende a usar magias, se vale de técnicas baseadas em fogo.

Marle[editar | editar código-fonte]

Marle (マール, Māru?) é a princesa rebelde de Guardia. Seu nome verdadeiro é Nadia (Marudia na versão japonesa), e ela vive em pé-de-guerra com seu pai, o rei, no ano de 1000 A.D. Entediada da vida no castelo, ela foge para uma feira comemorativa em Truce. Lá, encontra Crono e experimenta o teletransportador de Lucca, que a envia ao ano de 600 A.D., onde ela é confundida com a desaparecida Rainha Leene (sua ancestral). Isso faz com que a busca pela verdadeira rainha termine, criando um paradoxo que destrói a existência de Marle até que Crono e Lucca revertam-no, ao encontrar e salvar a verdadeira rainha. Ela usa uma besta como arma, e após adquirir habilidades mágicas, aprende a utilizar técnicas de gelo e de cura.

Frog[editar | editar código-fonte]

Frog (カエル, Kaeru?) é reino de Guardia em 600 A.D., cujo verdadeiro nome é Glenn. Ele era escudeiro de Cyrus, um "Cavaleiro da Tavola Quadrada" ("Cavaleiro de Guardia" na versão DS). Glenn testemunhou o assassinato de Cyrus por Magus e foi transformado em um sapo antropomórfico. Frog dedica sua vida a proteger a rainha Leene e deseja vingar Cyrus, matando Magus. Ele é o verdadeiro portador da Masamune, uma antiga e lendária espada, maior fraqueza de Magus. Frog pode posteriormente dar descanso ao fantasma de Cyrus, e tem a oportunidade tanto de vencer Magus quanto de se aliar a ele. Se Frog combate e vence Magus, ele se tornará humano novamente ao fim do jogo. Frog usa uma espada larga e pode aprender a usar magias de água.

Robo[editar | editar código-fonte]

Robo (ロボ, Robo?) é um robô criado para auxiliar humanos em Proto Dome. Ele é encontrado desativado e danificado, e é consertado por Lucca. Após reativação, une-se à equipe. Seu nome real é Prometheus. Ele usa seu braço robótico como arma e não utiliza magia (embora seja equipado com armas laser, cujo dano é similar ao de magias do tipo "sombra"). O alter-ego de Robo, Prometeu, é uma referência ao deus grego que foi punido por Zeus por dar o fogo ao homem. Em uma aventura opcional, Robo é punido por sua criadora, Mother Brain, por ter simpatia pelos humanos. Ele descobre então que, na verdade, foi criado para ajudar a destruí-los, mas renega sua função original e destrói seus criadores. Em Chrono Cross, Robo aparece como o "Circuito Prometheus" pertencente ao computador FATE, mas é destruído por ele, por não desempenhar funções contra os humanos.

Ayla[editar | editar código-fonte]

Ayla (エイラ, Eira?) é a chefe da tribo Ioka em 65.000.000 B.C. Seu povo está em guerra constante com uma raça evoluída e inteligente de répteis antropomórficos da era pré-histórica. Depois que Lavos atinge o planeta, a poeira do choque lançada na atmosfera bloqueia o sol, o que causa o surgimento de uma era glacial e a extinção dos Reptites. Após o ocorrido, passa a acompanhar o grupo de Crono. Ayla não pode usar magias porque nasceu antes do surgimento do reino de Zeal. Ao invés disso, ela utiliza seus punhos como armas e se vale de habilidades físicas como técnicas. O nome "Ayla" pode ser uma referência à série Earth's Children de Jean Auel, cuja protagonista também é uma garota alta, loira e de olhos azuis chamada Ayla.

Magus[editar | editar código-fonte]

Magus (魔王, Maō?) é o líder dos Mystics em 600 A.D. Antagonista da equipe por uma grande parte do jogo, Magus mais tarde se revela como a versão adulta de Janus, o jovem príncipe de Zeal de 12,000 B.C. Após um encontro com Lavos quando criança, ele é enviado através de um portal para 600 A.D., onde é adotado pelos Mystics e se torna seu líder. Após a destruição de Zeal, o jogador pode escolher entre matar Magus ou poupá-lo, deixando que o mesmo se junte ao grupo. No lançamento para DS do jogo, uma versão de Magus é encontrada, dizendo que o grupo pode ou não ser da mesma dimensão que ele. Ele encontra Schala em Time's Eclipse, fundida com Lavos e formando a criatura Time Devourer. Ele não consegue salvá-la e é enviado para longe por ela, descartando suas memórias em um ato de desespero. Mesmo sem suas memórias, ele sente que deve se lembrar do que gostaria de encontrar.

Magus luta usando uma foice, assim como uma combinação de todos os tipos de magia. Ao contrário dos outros personagens, ele não aprende técnicas em conjunto com outros e precisa de amuletos para isso.

Personagens importantes[editar | editar código-fonte]

Schala[editar | editar código-fonte]

Schala (サラ, Sara?) é a princesa do Reino de Zeal, no ano de 12.000 B.C., filha da Rainha Zeal e irmã de Janus. Tem uma índole muito humilde e generosa e é uma das poucas que não discrimina os habitantes de Algetty por sua incapacidade de manipular magias.

Num incidente envolvendo Lavos, para salvar os heróis do jogo, ela desaparece sem deixar vestígios.

No jogo Chrono Cross, o destino de Schala é revelado. Ela foi enviada à "escuridão além do tempo, onde nesse jogo se funde a Lavos. A fusão gera uma nova forma de vida chamada Time Devourer, a qual tem como objetivo devorar todo o espaço e tempo.

Antes que sua mente seja totalmente corrompida por Lavos, Schala ouve os prantos de Serge, uma criança prestes a morrer. Comovida, ela salva Serge e ainda cria uma clone de si mesma, que envia de volta à Terra. Sua esperança é a de que Serge e sua clone, posteriormente chamada Kid, ajudem a libertá-la de sua fusão com Lavos.

Os Gurus[editar | editar código-fonte]

Os Gurus da Vida, Melchior, do Tempo, Gaspar, e da Razão, Belthasar, são três figuras de status que viviam originalmente no Reino de Zeal em 12000 B.C. Na tradução para o inglês, os três gurus receberam os nomes dos Três Reis Magos, mas na versão original, em japonês, Belthasar é chamado de Gasch (ガッシュ, Gasshu), Gaspar de Hash (ハッシュ, Hasshu) e Melchior de Bosch (ボッシュ, Bosshu).

Eles são sábios e conselheiros de Zeal e estavam entre os poucos que não discriminavam os habitantes de Algetty, que não possuíam o dom da magia. Quando a Rainha Zeal se tornou seduzida pela energia de Lavos, os Gurus tentaram impedi-la, o que levou Lavos a enviar cada um deles para uma era diferente no futuro: Melchior para 1000 A.D., Belthasar para 2300 A.D., e Gaspar para o End of Time.

Os anos dourados de Zeal chegam ao fim quando a Rainha Zeal busca dominar uma fonte poderosa e aparentemente eterna de energia que emana do fundo do oceano. Essa energia vem nada menos que do parasita alienígena Lavos, que caiu no planeta em 65.000.000 B.C e vem ficando cada vez mais forte. Sob a influência de Lavos, a rainha começa a ficar cruel e ambiciosa; obcecada com a construção de um palácio perto dessa fonte de energia, e manipulando-a, via Mammon Machine. Os gurus temem que a Mammon Machine faça Lavos despertar, e tentam fazer a rainha desistir de seus planos.

Como previsto, a Mammon Machine acaba por despertar Lavos, que destrói Crono e o reino mágico de Zeal e bane os três gurus, Janus e Schala para épocas diferentes. Nesse ponto, fica evidente que a Rainha Zeal considerava os três gurus (e também os filhos dela) um entrave a seu poder, e o banimento deles para diferentes eras foi uma forma de silenciá-los.

Lavos[editar | editar código-fonte]

Lavos (ラヴォス Ravosu) é um parasita alienígena que caiu do espaço no ano 65.000.000 B.C. Seu impacto sobre o planeta resultou numa era glacial e resultará no acontecimento do apocalipse.

Lavos influenciou diretamente toda a tecnologia e forma de vida no planeta, evoluindo todas as formas de vida do planeta, para cultivá-las depois, e fazê-lo assim mais forte. Não se sabe muito sobre a origem de Lavos. Depois de colidir com o planeta, ele fica sob o subsolo do mesmo, ganhando forças em milhões de anos devorando o planeta. O nome Lavos foi criado por Ayla, que ao ver Lavos entrando na atmosfera, pegando fogo, o chamou de "Grande Fogo" ("La" significa fogo e "vos" significa grande).

Pelos anos 12.000 B.C., o Reino de Zeal começa a tornar-se poderoso utilizando a energia de Lavos com uma máquina conhecida como Mammon Machine. O poder de Lavos é utilizado para tornar a rainha mais poderosa e manter tal reino flutuando. A Rainha Zeal começa a se tornar muito ambiciosa com o poder de Lavos, e ordena a construção de uma espécie de usina de energia no fundo do oceano, para se captar melhor o poder de Lavos. Isso deixa aparentemente Lavos nervoso, e ele emerge do fundo da terra e ataca a superfíce, voltando a imergir para o fundo do planeta logo em seguida.

Em 1.999 A.D., no "Dia de Lavos", ele emerge novamente e faz ocorrer uma chuva de fogo em todo o mundo, e sobe ao alto da montanha Death Peak, gerando descendentes que colonizarão outros planetas. No ano 2.300 A.D., os poucos humanos sobreviventes vivem em ruínas, sobre o solo queimado.

Depois que a turma de aventureiros descobre a viagem no tempo e o destino da humanidade, começa a viajar pelas eras a fim de destruir Lavos e criar um novo futuro.

Uma vez Lavos destruído, o jogo acaba, e um dos múltiplos finais do jogo é mostrado, que depende do que foi feito pelo jogador no jogo.

Rainha Zeal[editar | editar código-fonte]

Zeal (ジール, Jīru?) é uma rainha sedenta por poder de 12000 B.C. que tentou controlar Lavos e absorver seus poderes. Apesar da devoção de Zeal a seu plano beirar a obsessão e a insanidade, certos diálogos do jogo sugerem que antes de descobrir o potencial de Lavos, ela era uma pessoa justa. Isso se reflete pelo amor incondicional de Schala pela mãe e pelos gurus, que a vêem como uma vítima e não como vilã. Ela torna-se a comandante do próspero Reino de Zeal depois que seu marido morre e a deixa com dois filhos: sua filha Schala (a mais velha) e seu filho Janus. Com o tempo, ela começa a ficar corrupta e ambiciosa devido à influência de Lavos. Ela usa sua filha para controlar a Máquina Mammon, que é usada para se extrair energia de Lavos do fundo do oceano. Esse poder de Lavos a domina por completo, fazendo-a agir em prol de Lavos. Depois do evento nomeado Queda de Zeal, a Rainha Zeal passa a morar no misterioso Black Omen, uma espécie de castelo-montanha flutuante, e passa a ser eterna.