Lista de governadores coloniais de Moçambique

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Esta é uma lista dos responsáveis pela administração colonial de Moçambique, desde o início da administração portuguesa, em 1501, até a independência, em 1975.


Capitães-mores[editar | editar código-fonte]

Nome Início do mandato Fim do mandato
Sancho de Tovar 1501 4 de maio de 1505
Pêro de Anaia 4 de maio de 1505 março de 1506
Manuel Fernandes março de 1506 dezembro de 1506
Nuno Vaz Pereira dezembro de 1506 8 de setembro de 1507
Vasco de Abreu 8 de setembro de 1507 fevereiro de 1508
Rui de Brito Patalim fevereiro de 1508 1509
António de Saldanha 1509 24 de junho de 1512
Simão de Miranda de Azevedo 24 de junho de 1512 junho de 1512
Sancho de Tovar junho de 1512 junho de 1515
Cristóvão de Távora junho de 1515 junho de 1518
Sancho de Tovar junho de 1518 julho de 1521
Diogo de Sepúlveda julho de 1521 1525
Lopo de Almeida 1525 1528
António da Silveira de Meneses 1528 1531
Vicente Pegado 1531 1538
Alexio Chicorro 1538 1541
João de Sepúlveda 1541 1548
Fernão de Sousa de Távora 1548 1551
Diogo de Mesquita 1551 1553
Diogo de Sousa 1553 1557
Sebastião de Sá 1557 1560
Pantaleão de Sá 1560 1564
Jerónimo Barreto 1564 1567
Pedro Barreto Rolim 1567 1569

Capitães-generais[editar | editar código-fonte]

Nome Início do mandato Fim do mandato
Francisco Barreto 1569 junho de 1573
Vasco Fernandes Homem junho de 1573 1577
Fernando Monroi 1577 1577
Simão de Silveira Pedro de Castro 1577 1582
Nuno Pereira 1582 1586
Jorge Telo de Meneses 1586 1589
Lourenço de Brito 1589 1590
Pedro de Sousa 1590 1595
Nuno da Cunha Ataíde 1595 1598
Álvaro de Abranches 1598 1601
Vasco de Mascarenhas 1601 1604
Sebastião de Macedo 1604 1607
Estêvão de Ataíde 1607 1609

Governadores[editar | editar código-fonte]

Nome Início do mandato Fim do mandato
Nuno Álvares Pereira 1609 1611
Estêvão de Ataíde 1611 1612
Diogo Simões de Madeira 1612 1612
João de Azevedo 1612 1614
Rui de Melo Sampaio 1614 1618
Nuno Álvares Pereira 1618 1623
Lopo de Almeida 1623 1624
Diogo de Sousa de Meneses 1624 1627
Nuno Álvares Pereira 1627 1631
Cristóvão de Brito e Vasconcelos 1631 1632
Diogo de Sousa de Meneses 1632 1633
Filipe de Mascarenhas 1633 1634
Lourenço de Souto-Maior 1634 1639
Diogo de Vasconcelos 1639 1640
António de Brito Pacheco 1640 1641
Francisco da Silveira 1641 1642
Júlio Moniz da Silva 1642 1646
Fernão Dias Baião 1646 1648
Álvaro de Sousa de Távora 1648 1651
Francisco de Mascarenhas 1651 1652
Francisco de Lima 1652 1657
Manuel Corte-Real de Sampaio 1657 1661
Manuel de Mascarenhas 1661 1664
António de Melo e Castro 1664 1667
Inácio Sarmento de Carvalho 1667 1670
João de Sousa Freire 1670 1673
Simão Gomes da Silva 1673 1674
André Pinto da Fonseca 1674 1674
Manuel da Silva 1674 1676
João de Sousa Freire 1676 1682
Caetano de Melo e Castro 1682 1686
Miguel de Almeida 1686 1689
Manuel dos Santo Pinto 1689 1692
Tomé de Sousa Correia 1692 1693
Francisco Correia de Mesquita 1693 1694
Estêvão José da Costa 1694 1695
Francisco da Costa 1695 1696
Luís de Melo Sampaio 1696 1699
Jácome de Morais Sarmento 1699 1703
João Fernandes de Almeida 1703 1706
Luís de Brito Freire 1706 1708
Luís Gonçalves da Câmara 1708 1712
João Fernandes de Almeida 1712 1714
Francisco de Mascarenhas 1714 1716
Francisco de Sotomaior 1716 1719
Francisco de Alarcão e Sotomaior 1719 1722
Álvaro Caetano de Melo e Castro 1722 1723
António João Sequeira e Faria 1723 1726
António Cardim Fróis 1726 1730
António Casco de Melo 1730 1733
José Barbosa Leal 1733 1736
Nicolau Tolentino de Almeida 1736 1740
Lourenço de Noronha 1740 1743
Pedro do Rego Barreto da Gama e Castro 1743 1746
Caetano Correia da Sá 1746 1750
Francisco de Melo e Castro 1750 março de 1758
João Manuel de Melo março de 1758 abril de 1758
David Marques Pereira abril de 1758 28 de maio de 1759
Pedro de Saldanha e Albuquerque 28 de maio de 1759 março de 1763
João Pereira da Silva Barba 6 de março de 1763 1765
Baltasar Manuel Pereira do Lago 1765 junho de 1779
Junta administrativa provisória junho de 1779 1780
José de Vasconcelos e Almeida 1780 1781
Vicente Caetano da Maria e Vasconcelos 1781 4 de março de 1782
Pedro de Saldanha e Albuquerque 4 de março de 1782 21 de agosto de 1782
Junta administrativa provisória 21 de agosto de 1782 1786
António de Melo e Castro 1786 1793
Diogo de Sousa Coutinho 1793 1797
Francisco Guedes de Carvalho Meneses da Costa 1797 setembro de 1801
Isidro de Sousa e Sá setembro de 1801 agosto de 1805
Francisco de Paula de Albuquerque do Amaral Cardoso agosto de 1805 dezembro de 1807
Junta administrativa provisória dezembro de 1807 14 de agosto de 1809
António Manuel de Melo e Castro de Mendonça 14 de agosto de 1809 agosto de 1812
Marcos Caetano de Abreu e Meneses agosto de 1812 fevereiro de 1817
José Francisco de Paula Cavalcanti de Albuquerque fevereiro de 1817 setembro de 1818
Junta administrativa provisória setembro de 1818 novembro de 1819
João da Costa M. Brito-Sanches novembro de 1819 junho de 1821
Junta administrativa provisória junho de 1821 junho de 1824
João Manuel da Silva junho de 1824 março de 1825
Sebãstiao Xavier Botelho 20 de março de 1825 agosto de 1829
Paulo José Miguel de Brito agosto de 1829 março de 1832
Junta administrativa provisória março de 1832 março de 1834
José Gregório Pagado março de 1834 março de 1836
Junta administrativa provisória março de 1836 março de 1837

Governadores-gerais[editar | editar código-fonte]

Nome Início do mandato Fim do mandato
António José de Melo março de 1837 outubro de 1837
João Carlos Augusto de Oeynhausen Gravenburg
marquês de Aracati
outubro de 1837 março de 1838
A. de Ramalho de Sá
(presidente do conselho de Governo)
março de 1838 25 de março de 1840
Joaquim Pereira Marinho 25 de março de 1840 maio de 1841
João da Costa Xavier maio de 1841 15 de fevereiro de 1843
Rodrigo Luciano de Abreu e Lima 15 de fevereiro de 1843 maio de 1847
Domingos Fortunato de Vale maio de 1847 outubro de 1851
Joaquim Pinto de Magalhães outubro de 1851 abril de 1854
Vasco Guedes de Carvalho e Meneses abril de 1854 setembro de 1857
João Tavares de Almeida setembro de 1857 fevereiro de 1864
Cândido M. Montes fevereiro de 1864 abril de 1864
M. António do Canto e Castro abril de 1864 outubro de 1867
António Augusto de Almeida Portugal Correia de Lacerda outubro de 1867 setembro de 1868
Manuel Nicolau de Pontes Ataíde e Azevedo setembro de 1868 fevereiro de 1869
António Tavares de Almeida fevereiro de 1869 abril de 1869
Fernão da Costa Leal abril de 1869 dezembro de 1869
Ernesto Kopke da Fonseca e Gouveia dezembro de 1869 junho de 1870
Inácio A. Alves junho de 1870 agosto de 1870
José Rodrigues Coelho do Amaral agosto de 1870 dezembro de 1873
José Manuel Crispiniano da Fonseca dezembro de 1873 agosto de 1874
José Guedes de Carvalho e Meneses agosto de 1874 dezembro de 1877
Francisco Maria da Cunha dezembro de 1877 março de 1880
Augusto César Rodrigues Sarmento março de 1880 agosto de 1881
Carlos Eugénio Correia da Silva
visconde de Paço d'Arcos
agosto de 1881 fevereiro de 1882
José de Almeida d'Ávila fevereiro de 1882 abril de 1882
Agostinho Coelho abril de 1882 abril de 1885
Henrique Real da Silva abril de 1885 julho de 1885
Augusto de Castilho julho de 1885 março de 1889
José Joaquim de Almeida março de 1889 julho de 1889
João António de Brissac das Neves Ferreira julho de 1889 julho de 1890
Joaquim José Machado julho de 1890 2 de julho de 1891
Rafael Jácome de Andrade 2 de julho de 1891 maio de 1893
Francisco Teixeira da Silva maio de 1893 13 de março de 1894
Joaquim da Graça Correia e Lança 13 de março de 1894 julho de 1894
Fernando de Magalhães e Menezes julho de 1894 março de 1895
António José Enes
comissário
março de 1895 dezembro de 1895
Joaquim da Graça Correia e Lança dezembro de 1895 março de 1896
Joaquim Augusto Mouzinho de Albuquerque março de 1896 novembro de 1897
Baltasar Freire Cabral novembro de 1897 agosto de 1898
Carlos Alberto Schultz Xavier agosto de 1898 dezembro de 1898
Álvaro António Ferreira dezembro de 1898 março de 1900
Júlio José Marques da Costa dezembro de 1898 maio de 1900
Joaquim José Machado maio de 1900 outubro de 1900
Manuel Rafael Gorjão Henriques outubro de 1900 dezembro de 1902
Tomás António Garcia Rosado dezembro de 1902 fevereiro de 1905
João de Azevedo Coutinho fevereiro de 1905 outubro de 1906
Alfredo Augusto Freire de Andrade outubro de 1906 novembro de 1910
José de Freitas Ribeiro novembro de 1910 maio de 1911
José Francisco de Azevedo e Silva maio de 1911 fevereiro de 1912
José Alfredo Mendes de Magalhães fevereiro de 1912 março de 1913
Augusto Ferreira dos Santos março de 1913 abril de 1914
Joaquim José Machado abril de 1914 maio de 1915
Alfredo Baptista Coelho maio de 1915 outubro de 1915
Álvaro de Castro outubro de 1915 abril de 1918
Pedro Francisco Massano de Amorim abril de 1918 abril de 1919
Manuel Luís Moreira da Fonseca abril de 1919 março de 1921

Altos comissários e governadores-gerais[editar | editar código-fonte]

Nome Início do mandato Fim do mandato
Manuel de Brito Camacho março de 1921 setembro de 1923
Manuel Luís Moreira da Fonseca setembro de 1923 novembro de 1924
Victor Hugo de Azevedo Coutinho novembro de 1924 maio de 1926
Artur Ivens Ferraz maio de 1926 novembro de 1926
José Ricardo Pereira Cabral novembro de 1926 abril de 1938
José Nicolau Nunes de Oliveira abril de 1938 1941
João Tristão de Bettencourt 1941 1946
Luís de Sousa e Vasconcelos e Funchal maio de 1947 dezembro de 1948
Gabriel Maurício Teixeira dezembro de 1948 1958
Pedro Correia de Barros 1958 1961
Manuel Maria Sarmento Rodrigues 1961 1964
José Augusto da Costa Almeida 1964 1968
Baltasar Rebelo de Sousa 12 de julho de 1968 1970
Eduardo de Arantes e Oliveira 1970 1972
Manuel Pimentel Pereira dos Santos 1972 27 de abril de 1974
David Teixeira Ferreira 27 de abril de 1974 11 de junho de 1974
Henrique Soares de Melo 11 de junho de 1974 17 de agosto de 1974
Jorge Ferro Ribeiro 17 de agosto de 1974 12 de setembro de 1974
Vítor Crespo 12 de setembro de 1974 25 de junho de 1975