Prémio de melhor diretor (Festival de Cannes)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O Prêmio de Melhor Diretor ( francês: Prix de la mise en scène) é um galardão atribuído no Festival de Cannes ao melhor diretor de cinema. É escolhido pelo júri da secção oficial de filmes no festival. Foi concedido pela primeira vez em 1946.

Foram apenas duas ocasiões em que o vencedor também ganhou o Palme d'Or, o maior prêmio no festival: em 1991, quando Joel Coen ganhou por Barton Fink e em 2003, quando Gus van Sant ganhou o prêmio por elefante (filme).

Os vencedores[editar | editar código-fonte]

1946

1949

1951

1952

1955

1956

1957

1958

1959

1961

1965

1966

1967

1969

1970

1972

1975

1976

1978

1979

1982

1983

1984

1985

1986

1987

1988

1989

1990

1991

1992

1993

1994

1995

1996

1997

1998

1999

2000

2001

2002

2003

2004

2005

2006

2007

2008

2009

2010

2011

2012


Vencedores repetidos[editar | editar código-fonte]

Joel Coen (com Ethan Coen, não-creditado) (1991, 1996, 2001) René Clément (1946, 1949) Sergei Yutkevich (1956, 1966) Robert Bresson (1957, 1983) John Boorman (1970, 1998) Fontes:Wikipedia