Anexo:Turnês de Madonna

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Madonna apresentando "Like a Virgin" na turnê Blond Ambition World Tour durante o ano de 1990. Estas apresentações geraram polêmica por Madonna simular masturbação feminina, e fez com que o Papa João Paulo II proibisse Madonna de se apresentar na Itália com a turnê.

A artista musical estadunidense Madonna embarcou em nove turnês desde o ano de 1985, sendo que oito foram mundiais. A primeira foi a The Virgin Tour, que teve todos os ingressos esgotados, e arrecadou cinco milhões de dólares em 40 espetáculos nos Estados Unidos e no Canadá. Em 1987, ela percorreu os continentes norte-americanos, europeus e asiáticos. Foi criticamente aclamada e comercialmente bem sucedida, arrecadando mais de vinte milhões de dólares em países como Reino Unido, Japão, Estados Unidos, Canadá e Itália. Três anos depois, ela embarcou na Blond Ambition World Tour, que gerou polêmica na performance de "Like a Virgin", na qual Madonna simulava masturbação feminina. Devido a esta performance, o Papa João Paulo II impediu Madonna de se apresentar na Itália com a turnê. Foi a turnê mais bem sucedida de 1990 e arrecadou 75 milhões de dólares. Em 1993, ela se apresentou pela primeira vez na Austrália, no Brasil, em Israel e na Turquia com a turnê The Girlie Show World Tour, que causou polêmica no começo dos shows devido a serem exibidas dançarinos de pole dance em topless. Além disso, também causou polêmica em Porto Rico, onde Madonna esfregou a bandeira do países entre suas pernas. As apresentações de "La Isla Bonita", "Express Yourself" e "Like a Virgin" foram citadas como os destaques dos shows. Fora isso, a turnê foi comercialmente bem sucedida, arrecadando setenta milhões de dólares em menos de 40 shows.

Devido a gravidez de seus filhos Lourdes e Rocco em 1995 e 1999, respectivamente, Madonna retornou aos palcos apenas em 2001 com a turnê Drowned World Tour, que foi criticamente aclamada e comercialmente bem sucedida, sendo a quarta turnê com maior arrecadação do ano de 2001 com setenta e cinco milhões dólares conseguidos em quarenta e sete shows, com um público estimado em 730.000 pessoas em países da América do Norte e da Europa. Em 2004, Madonna se apresentou entre os meses de maio e setembro com a turnê Re-Invention Tour, que foi baseada a partir de um projeto dirigido pelo fotógrafo Steven Klein, chamado X-STaTIC PRo=CeSS. Arrecadou cerca de cento e vinte e cinco milhões de dólares, sendo a turnê de maior sucesso de 2004.

As outras três turnês feitas por Madonna entre os anos de 2006 e 2012 quebraram recordes mundiais. A Confessions Tour arrecadou cerca de cento e noventa e seis milhões de dólares, tornando-se até então a turnê de maior arrecadação por uma artista feminina de todos os tempos. Este recorde foi quebrado pela própria Madonna com a turnê Sticky & Sweet Tour, que percorreu o mundo entre os anos de 2008 e 2009 em 88 espetáculos. Arrecadou cerca de quatrocentos e sete milhões de dólares, tornando-se a turnê com maior arrecadação por um artista solo/artista do sexo feminino de todos os tempos, sendo a sétima turnê com maior arrecadação da história e a segunda com maior arrecadação da década de 2000. Cerca de 3.5 milhões de pessoas assistiram aos espetáculos da Sticky & Sweet Tour. A The MDNA Tour foi realizada no ano de 2012 em promoção ao disco MDNA, e arrecadou cerca de trezentos e cinco milhões de dólares, tornando-se a turnê com maior arrecadação de 2012, e a quinta com maior arrecadação da década de 2010. Todas estas turnês estavam planejadas para visitar a Austrália, mas foram canceladas de última hora, fazendo com que Madonna escrevesse três comunicados oficiais em sua página oficial na internet, fazendo da The Girlie Show World Tour a última turnê de Madonna que visitou o país. Entre os anos de 2000 e 2008, Madonna fez três turnês promocionais para seus discos Music, American Life, Confessions on a Dance Floor e Hard Candy, nomeadamente, Don't Tell Me Promo Tour, American Life Promo Tour, Hung Up Promo Tour e Hard Candy Promo Tour. Madonna também se apresentou em eventos como o Super Bowl XLVI (que se tornou o Super Bowl com maior audiência da história), Live 8, Live Aid, Live Earth e em diversas edições dos MTV Video Music Awards.

Lista de turnês[editar | editar código-fonte]

Ano Título Duração Número de
espetáculos
1985 The Virgin Tour 10 de abril de 1985 - 11 de junho de 1985 (América do Norte)
40
A The Virgin Tour a primeira turnê realizada por Madonna. Promoveu simultaneamente seus projetos de debute, Madonna e Like a Virgin. De acordo com Madonna, ela se inspirou nas apresentações ao vivo realizadas por Michael Jackson e Prince para a turnê.[1] Apesar de Madonna ter recebido sucesso internacional, ela se apresentou apenas na América do Norte. Os ingressos para o show realizado na Radio City Music Hall se esgotaram em apenas 34 minutos; com isso, Madonna teve de adicionar mais datas da turnê para os Estados Unidos.[2] Recebeu críticas mistas, com alguns dos críticos contemporâneos a chamando de "atraente" e deduzindo que Madonna "deixará de ser famosa em apenas seis meses".[2] A The Virgin Tour foi um sucesso comercial, arrecadando USD 5.000.000. Foi registrada no vídeo Live - The Virgin Tour, filmado na cidade de Detroit; contudo, foram excluídas as apresentações de "Angel", "Borderline" e "Burning Up".[3] [2]
1987 Who's That Girl Tour 14 de junho de 1987 - 6 de setembro de 1987 (América do Norte, Ásia e Europa)
39
Madonna percorreu a Europa, a Ásia e a América do norte em 37 shows, apresentando-se para um público estimado em 2.5 milhões pessoas. Promoveu simultaneamente seu terceiro álbum de estúdio True Blue e a trilha sonora do filme Who's That Girl.[4] A turnê teve sensação sexual e alvoroço religioso com a projeção de uma imagem do Papa João Paulo II durante um dos espetáculos da turnê.[4] Criticamente apreciada como "fashionista", "técnica" e "um teatro multimídia espetacular", a turnê arrecadou mais de 20 milhões de dólares, com Madonna batendo um recorde da época ao apresentar-se para um público estimado em 130.000 pessoas em Paris. Foi transmitido em toda a Europa diretamente da Itália um especial chamado Madonna in Concerto, que foi mais tarde comercializado mundialmente sob o nome de Ciao, Italia! - Live from Italy no ano de 1988. Outro especial, intitulado Who's That Girl - Live in Japan, foi lançado e comercializado apenas no Japão.[5] [6]
1990 Blond Ambition World Tour 13 de abril de 1990 – 5 de agosto de 1990 (América do Norte, Ásia e Europa)
57
Assim como sua antecessora, a Blond Ambition World Tour percorreu a América do Norte, a Europa e Ásia. Promoveu simultaneamente o álbum Like a Prayer e a trilha sonora I'm Breathless. Foi inspirada pelo filme de 1972 Cabaret, teve grande repercussão na mídia, principalmente por sua imagem católica e seu conteúdo sexual.[7] [8] A revista musical Rolling Stone elogiou a turnê, dizendo que era "muito bem coreografada, e sexualmente provocante e extravagante", e a proclamou de "a melhor turnê de 1990". Em 1991, foi lançado o documentário Na Cama com Madonna (também conhecida como Madonna: Truth or Dare), em promoção para a turnê. A turnê ganhou o prêmio "Most Creative Stage Production" na cerimônia Pollstar Concert Industry Awards. Foi transmitido no canal HBO intitulado Madonna – Live! Blond Ambition World Tour 90 e lançado comercialmente pela Pioneer Electronics sob o nome Live! - Blond Ambition World Tour 90. Outro lançamento, chamado Blond Ambition - Japan Tour 90, foi lançado apenas no Japão, e foi transmitido na Europa um especial da turnê direto de Barcelona.[7]
1993 The Girlie Show 25 de setembro de 1993 – 19 de dezembro de 1993 (América do Norte, América do Sul, Ásia, Europa e Oceania)
39
Feita em promoção para seu quinto disco de estúdio Erotica, a The Girlie Show World Tour percorreu quatro dos cinco continentes do planeta.[9] De acordo com Madonna, a turnê foi inspirada pela pintura "Girlie Show", de Edward Hopper. Lucrou cerca de 70 milhões de dólares em 39 espetáculos. Críticos notaram que era a melhor turnê de Madonna, reafirmando que "como cantora e apresentadora de palcos, ainda poderia agradar seu público". Foram televisionados dois especiais em 1993: Madonna Live in Japan: The Girlie Show, que foi transmitido apenas no Japão, e um especial da HBO chamado Madonna Live Down Under: The Girlie Show. A segunda citada foi lançada como o vídeo oficial da turnê um ano depois, em 1994.[10]
2001 Drowned World Tour 9 de junho de 2001 – 15 de setembro de 2001 (América do Norte e Europa)
47
Promovendo seus álbuns Ray of Light e Music, Madonna se apresentou com a Drowned World Tour em 47 espetáculos apenas na América do Norte e na Europa, e foi criticamente apreciada por sua reinvenção, com as apresentações de "Frozen", "Holiday" e "Music" sendo citadas como os "destaques" da turnê.[11] [12] Arrecadando cerca de 75 milhões de dólares, com um público estimado em 730.000 pessoas, a turnê ficou na quarta colocação entre as de maior arrecadação do ano de 2001. Foi transmitido na HBO um especial chamado Madonna Live! Drowned World Tour 2001, que foi mais tarde lançado em DVD. No entanto, o lançamento exclui algumas cenas do espetáculo, que podem ser vistas em um vídeo promocional lançado em 2002, que apresenta Madonna interpretando "Holiday" neste show.[13]
2004 Re-Invention Tour 24 de maio de 2004 - 14 de setembro de 2004 (América do Norte e Europa)
56
Assim como em sua antecessora, Madonna se apresentou com a Re-Invention Tour apenas na América do Norte e na Europa, promovendo seu nono disco de estúdio American Life. Criticamente apreciada por sua originalidade, a turnê foi a de maior arrecadação do ano de 2004, lucrando cerca de 125 milhões de dólares, com Madonna se apresentando para um público estimado em 900 mil pessoas. Venceu o prêmio Top Tour nos Billboard Touring Awards.[14] [15] The tour was chronicled in the 2005 documentary I'm Going to Tell You a Secret and a live album/DVD set was released in 2006.[16]
2006 Confessions Tour 21 de maio de 2006 – 21 de setembro de 2006 (América do Norte, Ásia e Europa)
60
Madonna's seventh concert tour Confessions supported her tenth studio album Confessions on a Dance Floor. The tour garnered positive appreciation from critics and achieved commercial success.[17] Tickets were completely sold as soon as dates and venues for the concert were announced, prompting the organizers to add more dates. It was the highest earning tour ever for a female artist, grossing over US $194.7 million from 60 shows and 1.2 million audience.[18] The tour also received the "Most Creative Stage Production" at the Pollstar Concert Industry Awards as well as "Top Boxscore" from the Billboard Touring Awards.[19] Madonna's performance of the song "Live to Tell", while hanging on a giant mirrored cross wearing a crown of thorns, was met with strong negative reaction from religious groups. A TV special The Confessions Tour: Live from London was broadcast on NBC and Channel 4 in 2006 and a live album/DVD set was released in 2007.[20]
2008–09 Sticky & Sweet Tour 23 de agosto de 2008 – 2 de setembro de 2009 (América do Norte, América do Sul, Ásia e Europa)
85
The Sticky & Sweet Tour was the eighth worldwide concert tour by Madonna and promoted her eleventh studio album, Hard Candy. It began in August 2008 and was Madonna's first concert tour from her new recording and business deal with Live Nation. The tour was extended in 2009, by adding previously unventured European dates.[21] The Sticky & Sweet Tour broke many records in terms of its ticket sales, commercial gross and audience attendance. After the first leg, it became the highest grossing tour by a solo artist, earning $282 million, breaking the previous record Madonna herself held with the Confessions Tour. Overall, Madonna performed to over 3.5 million fans in 32 countries, grossing a total of US$408 million, making it also the second highest grossing tour of all time and the highest grossing tour by a solo artist. A TV special Madonna: Sticky & Sweet Tour was broadcast in the UK on Sky in July 2009 on the opening night of the 2009 leg of the tour. A commercial music video of the tour was released in 2010 including Madonna's first Blu-ray disc format.[22]
2012 The MDNA Tour 31 de maio de 2012 – 22 de dezembro de 2012 (América do Norte, América do Sul, Ásia e Europa)
88
The MDNA Tour was the ninth worldwide concert tour by Madonna, to promote her twelfth studio album, MDNA. It was Madonna's second tour under her long-term multi-rights deal with promoter, Live Nation Entertainment. The tour was officially announced by Billboard on February 7, 2012, two days after Madonna's performance at the Super Bowl XLVI halftime show.[23] The MDNA Tour was named the highest-grossing tour of 2012 and grossed $305 million, becoming the tenth highest-grossing tour of all time and surpassing Celine Dion's Taking Chances World Tour as the second highest-grossing tour among female artists, behind Madonna's own Sticky & Sweet Tour. Madonna also broke the record for occupying the top two highest-grossing female tours of all time.[24] [25] A concert special, Madonna: The MDNA Tour, was broadcast on Epix in the United States on June 22, 2013.[26] It featured the November 19 and 20, 2012, shows at the American Airlines Arena in Miami including footage from other concert dates.[27] A video album, MDNA World Tour, was released in September 2013.[28]

Referências

  1. Taraborrelli 2002, p. 177
  2. a b c Taraborrelli 2002, p. 332
  3. Sherman, Heidi. (7 de julho de 2001). "Madonna "The Virgin Tour" 1985". Spin 17 (7). ISSN 0886-3032.
  4. a b Taraborrelli 2002, p. 199
  5. Bego 2000, p. 190
  6. Bassets, Lluis (31 de agosto de 1987). Madonna convocó en París a 130.000 personas (em espanhol) El País. Jesús de Polanco. Página visitada em 12 de maio de 2010.
  7. a b Voller 2002, p. 32
  8. Metz & Benson 1999, p. 220
  9. Taraborrelli 2002, p. 231
  10. Hadden, Brian. (10 de outubro de 1993). "Madonna: She's back again". Time 142. ISSN 0040-781X. Página visitada em 12 de maio de 2010.
  11. McAlley, John (22 de junho de 2001). Reign In Spain Entertainment Weekly. Time Inc.. Página visitada em 30 de dezembro de 2009.
  12. Pareles, Jon (27 de julho de 2001). "". The New York Times 90 (31). ISSN 0362-4331.
  13. Caulfield, Keith. . "The Year in Touring". Billboard 113 (52): 44. ISSN 0006-2510.
  14. Singer, Thea. "Music; Belle of the Kabbalah; Madonna brings Jewish mysticism on tour", Boston Herald, The New York Times Company, 2004-06-25. Página visitada em 2009-10-30.
  15. Silverman, Stephen M.. "Madonna Boasts Top-Grossing Show of Year", People, Time Inc., 2004-06-01. Página visitada em 2009-10-30.
  16. Garfield, Simon. "Looks good on the dancefloor", The Guardian, Guardian Media Group, 2005-11-20. Página visitada em 2009-10-30.
  17. Chareunsy, Don. "Feisty Madonna mixes themes with Bush bashing", The San Diego Union-Tribune, Platinum Equity, 2006-05-23. Página visitada em 2009-10-14.
  18. Erro de citação: Tag <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs chamadas sets_record
  19. Conception, Mariel. "Billboard Announces Winners of the 2006 Touring Awards" (PDF), Billboard, Nielsen Business Media, Inc, 2006-11-09. Página visitada em 2009-10-15.
  20. Press, Associated. "Madonna's Rome show crosses religious leaders", CBC News, Canadian Broadcasting Corporation, 2006-08-07. Página visitada em 2009-03-18.
  21. Waddell, Ray. "Madonna Resuming Sticky & Sweet Tour This Summer", Billboard, Nielsen Business Media, Inc, 2009-01-30. Página visitada em 2009-11-09.
  22. Waddell, Ray. "Madonna Closes Tour In Tel Aviv; 2nd Highest Grossing Trek Of All Time", Billboard, Nielsen Business Media, Inc, 2009-09-02. Página visitada em 2009-11-09.
  23. Waddell, Ray (2012-02-06). Madonna Sets 2012 World Tour Dates Billboard. Prometheus Global Media. Página visitada em 2012-02-10.
  24. Top 25 Tours of 2012 Billboard. Prometheus Global Media (2013-01-03). Página visitada em 2013-06-06.
  25. Randy Lewis (2012-12-28). Madonna, Springsteen, Roger Waters were tops on tour in 2012 LA Times. Página visitada em 2012-12-28.
  26. MDNA Tour To Premiere On Epix On June 22 Madonna.com (2013-05-10). Página visitada em 2013-05-10.
  27. Madonna: The MDNA Tour Epix HD. Página visitada em 2013-05-10.
  28. MDNA World Tour To Be Released In Multiple Formats September 10th Madonna.com (2013-08-08). Página visitada em 2013-08-08.