Angels in America

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Angels in America
Anjos na América (PT)
Informação geral
Formato Minissérie
Duração 352 min. aprox.
Criador(es) Tony Kushner
País de origem  Estados Unidos
 Canadá
Idioma original Inglês
Produção
Diretor(es) Mike Nichols
Produtor(es) Celia D. Costas
Elenco Al Pacino
Meryl Streep
Emma Thompson
Mary-Louise Parker
Jeffrey Wright
Patrick Wilson
Exibição
Emissora de
televisão original
Estados Unidos HBO
Transmissão original 7 de dezembro de 2003 – 14 de dezembro de 2003
N.º de temporadas 1
N.º de episódios 6

Angels in America (intitulado em Portugal Anjos na América) é uma minissérie do canal americano de televisão HBO em 2003, realizada por Mike Nichols. Foi adaptada da peça de teatro homónima de Tony Kushner.

Resumo[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

Em 1985 Ronald Reagan está na Casa Branca e a SIDA/AIDS propaga-se rapidamente, fazendo vítimas sem parar. Em Manhattan, Prior Walter (Justin Kirk) conta a Louis Ironson (Ben Shenkman), que foi seu amante por 4 anos, que está com a doença.

Isto faz Louis afastar-se, deixando o namorado doente e solitário, e isto faz sentir-se culpado. Joe Pitt (Patrick Wilson), um advogado mórmon, tem a hipótese de trabalhar em Washington, no Departamento de Justiça, e para isto basta que um influente advogado, Roy Cohn (Al Pacino), pegue no telefone.

Ambos estão contra a parede, pois Roy precisa de alguém de confiança, já que está numa situação bem embaraçosa. Joe sente vontade de aceitar o emprego, mas antes precisa falar com Harper (Mary-Louise Parker), a sua esposa, que passa os dias a tomar Valium e aprender sexo na teoria. Cohn e Pitt também tem outra coisa em comum: ambos são homossexuais, sendo que o primeiro não assume por razões profissionais e o segundo por viver um conflito interno.

No meio disto um anjo convida Prior para ser o profeta da morte.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Ficha Técnica[editar | editar código-fonte]

Título Original: Angels in America

Prémios e nomeações[editar | editar código-fonte]

  • Ganhou cinco Globos de Ouro, nas seguintes categorias:
    • Melhor Filme para TV/Mini-série
    • Melhor Actor - Filme para TV/Mini-série (Al Pacino)
    • Melhor Actriz - Filme para Tv/Mini-série (Meryl Streep)
    • Melhor Actor Secundário - Filme para TV/Mini-série/Série (Jeffrey Wright)
    • Melhor Actriz Secundária - Filme para TV/Mini-série/Série (Mary-Louise Parker)
  • Foi ainda nomeado nas categorias de:
    • Melhor Actor - Filme para TV/Mini-série (Ben Shenkman)
    • Melhor Actor Secundário - Filme para TV/Mini-série/Séries (Patrick Wilson)
  • Ganhou onze Emmy´s, nas seguintes categorias:
    • Melhor Filme/Mini-série
    • Melhor Realizador
    • Melhor Actor (Al Pacino)
    • Melhor Actriz (Meryl Streep)
    • Melhor Actor Secundário (Jeffrey Wright)
    • Melhor Actriz Secundária (Mary-Louise Parker)
    • Melhor Argumento
    • Melhor Direcção de Arte
    • Melhor Caracterização
    • Melhor Edição de Som
    • Melhor Elenco
  • Recebeu ainda outras dez nomeações, nas seguintes categorias:
    • Melhor Actriz (Emma Thompson)
    • Melhor Actor Secundário (Ben Shenkman, Patrick Wilson e Justin Kirk)
    • Melhor Fotografia
    • Melhor Guarda-Roupa
    • Melhor Corte de Cabelo
    • Melhor Design do Título
    • Melhor Edição
    • Melhor Efeitos Especiais

Referências

  • Os Melhores Filmes de Todos os Tempos, de Alan Smithee, 1995

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Angels in America