Anrão

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

No livro do Êxodo, Anrão (em hebraico: עַמְרָם, hebraico moderno:Amram, tiberiano: ʻAmrām; Amigo do mais alto/O povo é exaltado)em árabe عمران Imran, é o pai de Arão, Moisés e Miriam e o marido de Joquebede.

No Alcorão[editar | editar código-fonte]

Anrão é arabicizado para Imran. No Alcorão, o nome Imran é usado para duas pessoas diferentes. O primeiro é Anrão, pai de Moisés, e o segundo é São Joaquim o pai de Maria, a mãe de Jesus. Anrão, pai de Moisés e Arão, é um patriarca reverenciado do Islã. O Alcorão diz:

Deus escolheu Adão e Noé, a família de Abraão, e a família de Anrão acima de todos os povos, -
-Alcorão, sura 3 (A Casa de Imran), versículo 33.

Apesar dos os estudiosos muçulmanos freqüentemente debaterem sobre quem este versículo refere-se, a maioria dos comentaristas clássicos e modernos tradutores tomaram a opinião de que ele se refere a Anrão, pai de Moisés e Aarão. Através dele viriam muitos outros sacerdotes e profetas, incluindo Santa Ana, Isabel (Bíblia), Visão islâmica de Maria, João Batista e Jesus.

Família[editar | editar código-fonte]

Segundo a Bíblia[1] [2] , esta é a sua família:

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Levi
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Gérsom
 
Coate
 
Merari
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Joquebede
 
 
 
 
 
Anrão
 
Izar
 
Hebrom
 
Uziel
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Miriam
 
Aarão
 
Moisés
 
 
 

Referências

  1. Êxodo 6, versículos 16 (Levi pai de Gérsom, Coate e Merari), 18 (Coate pai de Anrão, Izar, Hebrom e Uziel) e 20 (Joquebede tia de Anrão, Anrão e Joquebede pais de Aarão e Moisés)
  2. Êxodo 15:20 (Míriam irmã de Aarão)