António Sampaio da Nóvoa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
António Sampaio da Nóvoa em 2013.

António Manuel Seixas Sampaio da Nóvoa GCIP (Valença, 12 de dezembro de 1954[1] ) é um professor universitário português, atualmente professor catedrático do Instituto de Educação da Universidade de Lisboa e reitor honorário da mesma universidade.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Filho de Alberto Sampaio da Nóvoa, Doutor em Ciências da Educação (Universidade de Genebra) e em História (Universidade de Paris IV), tem-se dedicado a estudos de história da educação e de educação comparada. Professor catedrático do Instituto de Educação da Universidade de Lisboa, leccionou também em diversas universidades estrangeiras, nomeadamente Genebra, Paris V, Wisconsin, Oxford, Columbia (Nova Iorque) e Brasília. É autor de mais de 150 publicações (livros e artigos), publicados em 12 países. Entre 1996 e 1999 foi consultor para a Educação da Casa Civil do Presidente da República, Jorge Sampaio.

Sampaio da Nóvoa exerceu, entre maio de 2006 e julho de 2013, o cargo de reitor da Universidade de Lisboa. A 15 de Novembro de 2008, quando exercia o seu primeiro mandato, apresentou a demissão do cargo[2] no contexto da reforma estatutária da Universidade de Lisboa, tendo sido reeleito a 12 de março de 2009, conforme os novos requisitos legalmente estabelecidos.

Em 2012 promoveu com o reitor da Universidade Técnica de Lisboa, António da Cruz Serra, a fusão de ambas as universidades, com o intuito assumido de obter a dimensão crítica para competir no mercado globalizado do ensino superior e da ciência[3] . É reitor honorário da Universidade de Lisboa, desde fevereiro de 2014.

Organizou o Dia de Portugal em 10 de junho de 2012, tendo proferido um discurso em que expõe a sua visão sobre o país e as vias que se abrem [4] .

Foi agraciado com a grã-cruz da Ordem da Instrução Pública a 4 de Outubro de 2005.[5] É membro do Conselho das Ordens Honoríficas de Mérito Civil[6] e académico correspondente da Academia das Ciências de Lisboa, na classe de Letras. Recebeu o Prémio Universidade de Coimbra 2014, no dia 1 de março de 2014, durante a sessão solene do 724.º aniversário da Universidade de Coimbra.

Entre 2013 e 2014 esteve em Brasília, numa missão internacional da UNESCO junto do Governo brasileiro e como Professor Visitante na Universidade de Brasília. É diretor da iniciativa Politicas Públicas ULisboa, desde setembro de 2014.

É candidato anunciado às eleições presidenciais de 2016, agregando vários apoios à esquerda, nomeadamente do LIVRE/Tempo de Avançar e de vários membros do PS.[7]

Condecorações[8] [5] [editar | editar código-fonte]

Referências

  1. António Nóvoa Academia das Ciências de Lisboa.
  2. Lusa: Reitor da Universidade de Lisboa demite-se, acusando Governo de prejudicar as instituições SAPO.
  3. Uma Nova Universidade de Lisboa.
  4. Procurar em Youtube "Sampaio da Nóvoa - o melhor discurso que ouvi na minha vida".
  5. a b Cidadãos Nacionais Agraciados com Ordens Portuguesas Presidência da República Portuguesa. Visitado em 2015-03-05. "Resultado da busca de "António Manuel Seixas Sampaio da Nóvoa"."
  6. Ordens de Mérito Civil Presidência da República Portuguesa. Visitado em 2015-03-05.
  7. Sampaio da Nóvoa avança a 29 de Abril no Teatro da Trindade, i, 17 de Abril de 2015. Vista em 17 de Abril de 2015.
  8. Cidadãos Nacionais Agraciados com Ordens Estrangeiras Presidência da República Portuguesa. Visitado em 2015-03-05. "Resultado da busca de "António Sampaio da Nóvoa"."


Precedido por
José Barata-Moura
Reitor da Universidade de Lisboa
2006-2013
Sucedido por
António Cruz Serra (fusão da Universidade
na nova Universidade de Lisboa)