Antônimo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou se(c)ção não cita fontes fiáveis e independentes (desde maio de 2010). Por favor, adicione referências e insira-as no texto ou no rodapé, conforme o livro de estilo. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.

Antónimo (português europeu) ou antônimo (português brasileiro) é o nome que se dá à palavra que tenha significado contrário (também oposto ou inverso) à outra.

O emprego de antónimos na construção de frases pode ser um recurso estilístico que confere ao trecho empregado uma forma mais erudita ou que chame atenção do leitor ou do ouvinte.

Exemplos[editar | editar código-fonte]

Palavra Antônimo
alto baixo
bem mal
bom mau
bonito feio
mais menos
doce amargo
dentro fora
gordo magro
preto branco
seco molhado
grosso fino
duro mole
rir chorar
grande pequeno
soberba humildade
louvar censurar
bendizer maldizer
ativo inativo
simpático antipático
progredir regredir
rápido lento
sair entrar
sozinho acompanhado
concórdia discórdia
pesado leve
quente frio
presente ausente
escuro claro
inveja admiração
inadequada adequada
amor desamor
humilhação prestígio
rico pobre
forte fraco
justo injusto
certo errado

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre linguística ou um linguista é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.