Antônio Joaquim de Moura Andrade

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Antônio Joaquim de Moura Andrade
Antonio Joaquim de Moura Andrade
Outros nomes O Rei do Gado
Nascimento 22 de Dezembro de 1889
Brotas
Morte 8 de fevereiro de 1962 (72 anos)
São Paulo
Nacionalidade  Brasileiro
Ocupação empresário, pecuarista, fazendeiro
Principais interesses pecuária, pecuária bovina

Antônio Joaquim de Moura Andrade (Brotas (São Paulo), 22 de dezembro de 1889[1]São Paulo, 8 de fevereiro de 1962) foi um empresário brasileiro, fazendeiro e pecuarista.

Fundador de Andradina e de Nova Andradina. Na verdade seu nome era Antônio Joaquim de Andrade, o "Moura" era o sobrenome de seu sócio, a quem muito estimava por isso agregou ao seu próprio nome.

Filho de Joaquim Teodoro de Andrade e Maria Júlia das Dores Andrade, nasceu em família pobre num lugarejo chamado Varjão. Teve seis irmãs e um irmão — Octávio Moura Andrade, fundador de Águas de São Pedro. Era pai do senador Auro Soares de Moura Andrade.

Fundador de cidades e empresário criou o Frigorifico Mouran além de inúmeras outras empresas. Começou a vida como escriturário, foi comprador de grãos, comerciante de café e, de 1930 a 1960, o maior pecuarista do Brasil, o que lhe valeu a alcunha de "rei do gado".

Quando visitava uma de suas fazendas na cidade de Bebedouro (São Paulo), visitava a Santa Casa de Misericórdia para fazer doações. Ele doou uma valiosa tela para o acervo do MASP, em sua inauguração.

Foi homenageado na música Rei do Gado de Teddy Vieira - gravada por Tonico e Tinoco que foi tema de abertura da novela do mesmo nome. A música foi regravada por diversos cantores famoso do gênero da música caipira, como Tião Carreiro & Pardinho e Tonico & Tinoco.

Referências