Antônio Joaquim de Moura Andrade

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Antônio Joaquim de Moura Andrade
Outros nomes O Rei do Gado
Nascimento 22 de dezembro de 1889
Brotas
Morte 8 de fevereiro de 1962 (72 anos)
São Paulo
Nacionalidade  Brasileiro
Ocupação empresário, pecuarista, fazendeiro
Principais interesses pecuária, pecuária bovina

Antônio Joaquim de Moura Andrade (Brotas, 22 de dezembro de 1889[1]São Paulo, 8 de fevereiro de 1962) foi um empresário, fazendeiro e pecuarista brasileiro, fundador de Andradina e de Nova Andradina.

Na verdade seu nome era Antônio Joaquim de Andrade, o "Moura" era o sobrenome de seu sócio, a quem muito estimava por isso agregou ao seu próprio nome. Filho de Joaquim Teodoro de Andrade e Maria Júlia das Dores Andrade, nasceu em família pobre num lugarejo chamado Varjão. Teve seis irmãs e um irmão, entre eles, Octávio Moura Andrade, fundador de Águas de São Pedro. Era pai do senador Auro Soares de Moura Andrade.

Fundador de cidades e empresário, criou o Frigorifico Mouran além de inúmeras outras empresas. Começou a vida como escriturário, foi comprador de grãos, comerciante de café e, de 1930 a 1960, o maior pecuarista do Brasil, o que lhe valeu a alcunha de "rei do gado".

Quando visitava uma de suas fazendas na cidade de Bebedouro (São Paulo), visitava a Santa Casa de Misericórdia para fazer doações. Ele doou uma valiosa tela para o acervo do MASP, em sua inauguração.

Foi homenageado na música Rei do Gado de Teddy Vieira - gravada por Tonico e Tinoco que foi tema de abertura da novela do mesmo nome. A música foi regravada por diversos cantores famoso do gênero da música caipira, como Tião Carreiro & Pardinho e Tonico & Tinoco.

Referências

  1. História Página oficial de Nova Andradina