Anta de Pendilhe

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Anta de Pendilhe
Nomes alternativos Orca de Pendilhe
Casa da Moira
Construção 2900 - 2640 a.C. (provável)
Função inicial Funerária (Anta)
Património Nacional
Classificação  Imóvel de Interesse Público
Data 2002
DGPC 73159
SIPA 4256
Geografia
País Portugal
Cidade Vila Nova de Paiva

A Anta de Pendilhe ou Casa da Moira ou Orca de Pendilhe ou Orca da Moira está localizada na freguesia de Pendilhe, no concelho de Vila Nova de Paiva, distrito de Viseu.

Este dólmen é um monumento megalítico que terá sido edificado por volta do final do quarto milénio a.C. ou início do terceiro milénio a.C..

Foi classificado pelo IPPAR como Imóvel de Interesse Público, pelo decreto nº 5/2002, DR 42, de 19 de Fevereiro de 2002.[1]

Constituição do monumento[editar | editar código-fonte]

  • Câmara funerária - constituída por nove esteios, formando uma planta poligonal, que é coberta por uma lage granítica.
  • Corredor - formado por diversos esteios, atingindo um comprimento de cerca de quatro metros. Dos esteios existentes, só dois são originais.

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Commons Imagens e media no Commons
Commons Categoria no Commons
Ícone de esboço Este artigo sobre Património de Portugal é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.