Apelo ao ridículo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Apelo ao ridículo é uma falácia lógica que apresenta o argumento do oponente sob uma forma que parece ridícula.[1]

Estrutura lógica[editar | editar código-fonte]

Esta linha de raciocínio tem a seguinte forma:[1]

  • A é um argumento ridículo.
  • Logo, A é falso.

É uma falácia porque tornar um argumento ridículo não o torna falso, por exemplo, "1 + 1 = 2! Esta é coisa mais ridícula que eu já ouvi!".[1]

O apelo ao ridículo não deve ser confundido com táticas válidas, que consistem em mostrar que o argumento realmente é ridículo, como através da reductio ad absurdum; essa técnica consiste em mostrar que uma contradição ou um resultado absurdo é consequência do argumento que se quer desmentir.[1]

Referências

  1. a b c d Nizkor Project, Fallacy: Appeal to Ridicule [em linha]


Portal A Wikipédia possui o:
Portal de Filosofia
Ícone de esboço Este artigo sobre Lógica é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.