Aporte

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém uma ou mais fontes no fim do texto, mas nenhuma é citada no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações. (desde junho de 2013)
Por favor, melhore este artigo introduzindo notas de rodapé citando as fontes, inserindo-as no corpo do texto quando necessário.

O Aporte em Parapsicologia designa o alegado Fenômeno da passagem da Matéria através da matéria. Estritamente refere-se a um objeto material, nunca de grande tamanho (meio tijolo já é caso extremo), que atravessa a barreira física, sem aberturas, como a saída ou entrada de objetos pequenos em receptáculos fechados ou selados, como as paredes ou o teto de um recinto.

Na realidade é um efeito da Telergia. É um dos mais frequentes entre os fenômenos parapsicológicos, tantas e tantas vezes verificado em observações indiscutíveis de Casos Espontâneos e mesmo de Experiências Qualitativas. O Aporte é uma característica quase geral nos casos de Poltergeist, também sendo frequentes os Aportes de agulhas sob o tecido epitelial e no tecido adiposo, que a Superstição considera efeito de Feitiço.

A essência do Aporte é a passagem da matéria através da matéria. Todos os objetos do Aporte têm que estar e não vão mais longe do que a poucos metros do Psíquico (O Desafio da Parapsicologia concretiza: a menos de 50 metros). A Telergia influindo na velocidade de rotação dos Eletrons dos Átomos que compõem o objeto consegue que se transforme em energia, e assim atravessa qualquer obstáculo, depois pelo processo inverso a energia transforma-se novamente em objeto.

Está demonstrado, por exemplo na desintegração do núcleo dos Átomos etc., que a Massa pode transformar-se em energia. Se a velocidade de um objeto supera a velocidade molecular (27.000km/s), então esse objeto se desintegra, porque vence a força de atração das partículas que o constituem. Na teoria da Relatividade de Einstein, energia cinética é igual à massa vezes o quadrado da velocidade da luz: Ec = M . C². Pela velocidade a massa supostamente transforma-se em energia. Por outro lado todo corpo é permeável para qualquer forma de energia e velocidade superiores à sua.

Críticas à teoria do aporte[editar | editar código-fonte]

A "telergia" é apenas uma possibilidade interpretativa para a "ação da mente sobre a matéria". Se soubéssemos como essa ação sé dá, ganharíamos o Prêmio Nobel. Teoria: esse é o problema em PP. Ao considerar a telergia, há que se avaliar as suas bases empíricas/dados. Assim, quem propõe tal interpretação tem que demonstrar sua validade apresentando estudos que se valham de metodologia científica aceita; resultados que sejam suficientes para a criação e manutenção dessa interpretação; replicação dos estudos por terceiros; publicações idôneas em que tais estudos/dados tenham sido publicados. A comunidade psi internacional não aceita a telergia/ou outra "substância física qualquer" para explicar a "ação da mente sobre a matéria" pela carência/insuficiência/falha nos dados apresentados. A fisica moderna não oferece elementos teóricos para explicar o fenômeno. Existem interpretações pouco convincentes, a partir de fenômenos quânticos, mas que são francamente rejeitadas pela comunidade científica. A parapsicologia continua sendo exclusivamente um artigo de fé.

Aportar significa encaminhar ou levar a algum lugar.

Referência bibliográfica[editar | editar código-fonte]


Links[editar | editar código-fonte]

Refutação à teoria do aporte

Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.