Archaeospheniscus wimani

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaArchaeospheniscus wimani
Taxocaixa sem imagem
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Subfilo: Vertebrata
Classe: Aves
Ordem: Sphenisciformes
Família: Spheniscidae
Género: Archaeospheniscus
Espécie: A. wimani
Nome binomial
Archaeospheniscus wimani
(Marples, 1953)
Sinónimos
Notodyptes wimani Marples, 1953

Archaeospheniscus wimani é uma espécie extinta de pinguim. Foi a menor espécie do género Archaeospheniscus, possuindo aproximadamente 75–85 cm de altura, ou cerca do tamanho de um pinguim-gentoo.

Era também a mais antiga espécie conhecida do seu género, visto os seus restos terem sido encontrados em estrtos do Eocénico médio ou tardio, da formação La Meseta, na Ilha Seymour, na Antártida.

O nome da espécie é em honra de Carl Wiman, um pesquisador do início do século XX que propôs as fundações para a classificação dos pinguins pré-históricos.

Referências[editar | editar código-fonte]

  • Jadwiszczak, Piotr (2006): Eocene penguins of Seymour Island, Antarctica: Taxonomy. Polish Polar Research 27(1): 3–62. PDF fulltext
  • Marples, Brian J. (1953): Fossil penguins from the mid-Tertiary of Seymour Island. Falkland Islands Dependencies Survey Scientific Reports 5: 1–15. PDF fulltext (zipped)
  • Myrcha, Andrzej; Jadwiszczak, Piotr; Tambussi, Claudia P.; Noriega, Jorge I.; Gaździcki, Andrzej; Tatur, Andrzej & Del Valle, Rodolfo A. (2002): Taxonomic revision of Eocene Antarctic penguins based on tarsometatarsal morphology. Polish Polar Research 23(1): 5–46. PDf fulltext
Ícone de esboço Este artigo sobre Aves, integrado no Projeto Aves é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.