Arcipreste

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Arcipreste (do latim tardio archipresbyter) é o decano entre os presbíteros de um arciprestado, responsável pela correta execução dos deveres eclesiásticos e pelo estilo de vida daqueles que estão sob sua autoridade. O Arcipreste tem no Arciprestado as mesmas funções que o Vigário Forâneo tem na Vigararia. O termo é geralmente referido a um dignitário de um cabido (conjunto de cónegos).

Na antiga legislação eclesiástica, era um presbítero que atuava como assistente ou substituto do bispo em algumas de suas principais funções. No Brasil, os arciprestados tiveram uma função relevante à época do Império, dado o número insuficiente de bispados. Os arciprestados permitiram conservar unidas grandes áreas, facilitanto o trânsito dos padres seculares de uma região para outra, equilibrando a distribuição do clero no território. O arcipreste ocupava uma posição regional na diocese, coordenando os Vigários da Vara (ou Forâneos), que por sua vez coordenavam os vigários das paróquias ou freguesias. A natureza dos poderes do arcipreste, no entanto, dependia das concessões dos bispos. [1]

Igrejas Orientais[editar | editar código-fonte]

Nas Igrejas orientais, sejam elas ortodoxas ou católicas, arcipreste é um título honorífico dado a sacerdotes casados, seja por relevantes serviços prestados, quanto por maturidade etária. Para os sacerdotes celibatários, há o título de arquimandrita.

Notas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Catolicismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.