Arial

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde maio de 2011).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Arial
(Família de fontes)
Exemplo na fonte Arial
Classificação sem-serifa - neogrotesca transaccional
Ano 1982
Designer Robin Nicholas e Patricia Saunders
Empresa Monotype
Cliente IBM e posteriormente Microsoft
Licença proprietária
Embutir Instalação permitida em documentos
Optimizada para Monitor e impressão
Formatos TrueType, PostScript, OpenType
Versões 1.00 1.77 2.00(WGL4) 2.00(Win ANSI) 2.01 2.40 2.45 2.50 2.55 2.76 2.82 2.95 3.00
grafemas 1674 (versão 3.00)
PANOSE Arial Regular: 2 11 6 4 2 2 2 2 2 4
Arial Italic: 2 11 6 4 2 2 9 9 2 4
Arial Bold: 2 11 7 4 2 2 2 2 2 4
Arial Bold Italic: 2 11 7 4 2 2 9 9 2 4
Unicode 1252, 1250, 1251, 1253, 1254, 1255, 1256, 1257, 1258, OEM, 869, 866, 865, 864, 863, 862, 861, 860, 857, 855, 852, 775, 737, 708, 850, 437
Estilos Regular, Bold, Italic, Bold Italic
Variantes Arial Black, Arial Bold, Arial Condensed, Arial Extra Bold, Arial Light, Arial Light Condensed, Arial Medium, Arial Monospaced, Arial Narrow, Arial Rounded, Arial CE, Arial Narrow CE, Arial Unicode MT, Arial Unicode MS
Similares Helvetica, Grotesque
Website www.monotypeimaging.com
Lista de famílias tipográficas

Arial é uma Família tipográfica sem-serifa, ou seja, um conjunto de fontes (como Arial Bold, Arial Italic, Arial Bold Italic) derivadas da fonte "padrão" Arial (ou Arial Regular). Também pode designar uma fonte específica, a Arial Regular (normalmente não se utiliza o termo "regular" para uma fonte sem negrito, itálico, condensada ou expandida).

A Arial é conhecida entre os designers gráficos pela sua semelhança com um tipo bastante famoso na história do design moderno, a Helvetica da Linotype. No entanto, são comuns as críticas à Arial que atribuem-lhe um papel de "cópia inferior da Helvetica". De fato, porém, a Arial é inspirada no desenho de uma outra fonte, a Akzidenz Grotesk (a qual também serviu de inspiração ao desenho da Helvetica).

História[editar | editar código-fonte]

Origem[editar | editar código-fonte]

Esta fonte foi desenvolvida como uma fonte bitmap sem-serifa por Robin Nicholas e Patricia Saunders em 1982 nos escritórios da Monotype no Reino Unido, por encomenda da IBM, a qual usava uma fonte similar, a Helvetica, adquirida à Linotype, na impressora IBM 4250. Talvez tenham pedido à Monotype para desenvolver uma fonte sem serifa e metricamente igual à Helvetica, para efeitos de compatibilidade, pelos elevados custos de licenciamento cobrados pela Linotype. Esta nova fonte seria incluída numa nova série de impressoras a laser (IBM 3800). A Monotype então cria uma fonte baseada numa já existente, a Monotype Grotesk, metricamente semelhante à Helvetica, mas com sutis alterações quanto à forma e ao espaçamento entre letras, de forma a ser mais legível em monitores em várias resoluções. Nesta altura, julga-se que o nome Arial não existia, e a IBM denominou-a "Sonora Sans" (e a Times New Roman por "Sonora Serif").

Uns anos mais tarde, e de forma análoga, a Microsoft lança o Windows 1.0 em 1985. Desde essa data até ao lançamento do Windows 3.0, a Microsoft inclui nestas versões a fonte "Helv" (assim como a "TmsRmn"), sofrendo então um processo em tribunal devido à violação de marca ("Helv" é abreviação de "Helvetica", "TmsRmn" da "Times New Roman"). A Microsoft procura então uma fonte que pudesse substituir a Helvetica, de forma a evitar elevados custos de licenciamento da Linotype (tal como a IBM havia feito) para o próxima versão do Windows a ser lançada. É aqui que entra a Monotype com a fonte Sonora Serif, licenciada à IBM, mas não em exclusivo. A Microsoft lança então em 1992, o Windows 3.1 com esta família de fontes da Monotype, denominando-a Arial, e sob o formato de uma nova tecnologia desenvolvida em parceria com a Apple, o TrueType.

Surgiu assim, pela necessidade que a IBM tinha para concorrer com a fonte Helvetica, criada pela empresa Linotype em 1957, e muito popular desde então. Evitando assim o uso dessa fonte, devido aos elevados custos de licença por parte da Linotype e também da Adobe Systems, esta última detentora da tecnologia PostScript que a fonte Helvetica utilizava. Quanto à tecnologia, a Microsoft recorreu ao TrueType, desenvolvida em conjunto com a Apple Computer. O Windows 3.1 foi o primeiro programa a implementar esta tecnologia, com um conjunto de outras fontes (Arial, Bookman Oldstyle, Book Antiqua, Corsiva, Century Schoolbook, Century Gothic, e Times New Roman). Esta surgiu também com o intuito de ser uma alternativa economicamente viável em relação ao PostScript da Adobe Systems. Actualmente O último padrão PostScript Type 3, para além da Helvetica e outras fontes, inclui agora também a Arial.

Presença[editar | editar código-fonte]

A fonte Arial é incluida nos sistemas operativos Microsoft Windows desde a versão 3.1 . As versões mais recentes do Windows também incluem uma variante, a Arial Unicode MS, que inclui mais grafemas do padrão Unicode para ser utilizada em várias línguas, como o Grego, Turco, Cirílico, entre outras. A Arial Unicode MS é a fonte mais completa em termos de fontes mais difundidas. No entanto existem outras fontes que cobrem um número maior de grafemas, como as Bitstream Cyberbit e Code2000.

Aplicações[editar | editar código-fonte]

  • Logotipo do canal televisivo de Nova Iorque WCBS-TV, mais conhecido por CBS 2 (entre 1986 e 2000)

Versões[editar | editar código-fonte]

  • 1.00 - (1992) fornecida com o Windows 3.1 e o Windows for Workgroups 3.11.
  • 2.00 (WGL4) - Versão WGL4 fornecida com o Windows 95 e Windows NT 4.0. Esta versão não contém o símbolo do euro (€).
  • 2.00 (Win ANSI) - Versão Win ANSI fornecida com o Windows 95.
  • 2.01 - Esta versão especial é fornecida apenas na versão beta do Windows 98 euro update patch.
  • 2.45 - Versão Win ANSI fornecida com o Windows 98 dos Estados Unidos.
  • 2.50 - Fornecida com as versões europeias do Windows 98. Os utilizadores norte-americanos podem adicioná-la instalando o suporte multi-línguas (multilanguage support).
  • 2.55 - Versão WGL4 fornecida com a versão final do "Windows 95 euro update" lançada a 4 de Novembro de 1998.

Classificação[editar | editar código-fonte]

Classificação da Arial conforme os vários tipos de classificações adaptados pelas empresas ou tipógrafos:

Exemplo de Arial

O parágrafo seguinte está escrito em Arial, caso esteja instalada no seu computador, senão é utilizada o tipo de letra monospace.

Design é um termo da língua inglesa que se refere a um determinado esforço criativo, seja bidimensional ou tridimensional, segundo o qual se projetam objetos ou meios de comunicação diversos para o uso humano. Por este fato, ela pode ser traduzida como "desenho", mas não se refere diretamente ao ato de desenhar. Devido à dificuldade de tradução, costuma-se adotar nos países de língua portuguesa a palavra original, de forma que o profissional que trabalha na área de design é chamado designer.

ABCDEFGHIJKLMNOPQRSTUVWXYZ
abcdefghijklmnopqrstuvwxyz
1234567890

Exemplos de caracteres
IPA: /ɪgˈzɑːmpəl əv aɪpiːˈeɪ tɹɑːnˈskɹɪpʃən/.
Caracteres árabes: العربية.
Caracteres hebraicos: עברית.
Caracteres cirílicos: Кирилица.
Caracteres gregos: Ελληνικά.

Similares[editar | editar código-fonte]

Como nos Estados Unidos o grafismo das fontes não está consagrado no registo de patentes como trabalho artístico, outras empresas podem comercializar fontes semelhantes

. Apenas se podem patentear as marcas das fontes, assim como algumas tecnologias utilizadas, como o PostScript, TrueType, OpenType, e certos detalhes das fontes.

A Arial é comercializada pela Monotype como Arial Monotype ou Arial MT, já as da Microsoft denominam-se Arial ou Arial MS. Já a variante Arial Unicode MS, licenciada também pela Monotype à Microsoft, é comercializada pela Monotype sob a designação Arial Unicode MT (de MonoType), podendo usar o termo Arial já que a Monotype possui a patente.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]