Armando Marçal

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Armando de Souza Marçal (também conhecido como Marçalzinho) é um percussionista brasileiro. Nascido no Rio de janeiro, começou na música aos 14 anos. É filho de Mestre Marçal, um dos maiores diretores de bateria de escola de samba de todos os tempos (atuou na Portela, Unidos da Tijuca e Viradouro), e neto de Armando Marçal, compositor de sambas que juntamente com Bide formou uma das duplas mais marcantes da história do samba.

Nos EUA trabalhou com artistas como Pat Metheny, guitarrista, Paul Simon, cantor e compositor e Don Cherry, jazzista. No Brasil atuou ao lado de grandes nomes da música popular brasileira, como Gal Costa, Jorge Benjor, Caetano Veloso, João Bosco, Djavan, Vanessa da Mata, Chico Buarque, Blitz, Ivan Lins e Elis Regina. Introduziu percussão nos Paralamas do Sucesso e também foi integrante da banda de Lulu Santos, Em 2004 realizou o sonho de, mais uma vez, trazer à frente da bateria da Portela o nome da família Marçal.

Segundo o próprio Marçalzinho, ser músico "não é tocar só para você. É tocar para aquele arranjo. Não dá para ser egoísta ou querer tocar melhor do que o outro. Não é necessário usar a força para tocar. Tem que tocar com jeito, sabendo tirar o som do instrumento."

Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.