Armindo Freitas-Magalhães

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Armindo Freitas-Magalhães é professor, psicólogo, fundador e atual diretor do Laboratório de Expressão Facial da Emoção, da Faculdade de Ciências da Saúde da Universidade Fernando Pessoa (UFP), no Porto, em Portugal. Recentemente foi distinguido pelo Governo do Reino Unido no âmbito do “Global Partnership Programme” (2008)[1] [2] , pelo Instituto Nokia de Tecnologia (2008)[3] [4] , pela American Psychological Association (2010)[5] , pela European Commission Network of Excellence on Research on Emotions and Human-Computer Interaction (2010)[6] [7] [8] [9] , pela Encyclopedia of Human Behavior, da Elsevier, em Oxford (2010)[10] [11] [12] e pelo Ministério da Justiça de Portugal (2010)[13] pelo pioneirismo e inovação do seu trabalho científico. Foi considerado uma das "mentes mais ilustres de Portugal no campo da ciência" (RTP, 2006)[14] [15] e um dos "Portugueses Excelentíssimos" (TSF, 2003). É fundador da International Society on Facial Expression of Emotion (ISFEE)[16] . É membro efectivo da American Psychological Association (APA), da International Society for Research on Emotions (ISRE), da International Neuropsychological Society (INS), da International Brain Research Organization (IBRO), da European Health Psychology Society (EHPS), da Sociedade Portuguesa de Neurociências (SPN) e do Fórum Internacional de Investigadores Portugueses (FIIP).

Reconhecimento e distinções[editar | editar código-fonte]

É mundialmente reconhecido como um dos especialistas no estudo da expressão facial da emoção[17] [18] [19] , particularmente na detecção da mentira [20] . É pioneiro em Portugal no estudo da Psicologia do sorriso humano e das funções e repercussões no desenvolvimento das emoções e atitudes interpessoais. Desenvolve pioneiros e inéditos trabalhos científicos na área da expressão facial da emoção com aplicações práticas nas áreas da educação, saúde e justiça. É especialista no Facial Action Coding System (FACS), desenvolvido pelo seu amigo Paul Ekman[21] , da Universidade da Califórnia, nos Estados Unidos e atual consultor do Ekman Group, a mais reputada entidade internacional que trabalha com a CIA, FBI e Scotland Yard. Foi distinguido com o "Prêmio Professor do Ano 2007"[22] [23] pelo International Biographical Centre, de Cambridge, Reino Unido, sendo a primeira vez que aquela instituição distingue uma personalidade portuguesa em mais de 40 anos de existência.

Pioneirismo e inovação[editar | editar código-fonte]

1st World Congress on Facial Expression of Emotion (1stWCFEE)[editar | editar código-fonte]

Freitas-Magalhães é o Presidente do 1st World Congress on Facial Expression of Emotion (1stWCFEE) [24] (2014).

Pós-Graduação em Expressão Facial da Emoção[editar | editar código-fonte]

Freitas-Magalhães é o autor da pioneira universitária Pós-Graduação em Expressão Facial da Emoção (PGEFE) [25] [26] (2012).

FACE[editar | editar código-fonte]

Freitas-Magalhães é o autor do projeto científico pioneiro FACE, que permitirá cartografar, ao nível neuropsicofisiológico, a expressão facial dos portugueses, com recurso a tecnologia de imagiologia e visa ser um contributo para a constituição de um banco de dados de expressão facial disponível para as mais diversas aplicações sociais, como, por exemplo, na saúde, na justiça e na educação[27] [28] (2009).

Coordena, desde 2008, o projecto universitário e científico internacional "The Brain and The Face" [29] .

A face e a memória
  • Freitas-Magalhães é o autor do projeto científico pioneiro "O Efeito da Memória na Perceção Psicológica da Face""[30] (2003-2008).

A Face da Dor[editar | editar código-fonte]

É o autor do estudo científico pioneiro "A Face da Dor"[31] (2010-2015). "Os mecanismos neuropsicofisiológicos da dor fornecem informação útil e real ao nível da face sobre o estado de saúde da pessoa que urge aproveitar na sua profilaxia e no seu tratamento", considera Freitas-Magalhães.

Psicopatia[editar | editar código-fonte]

É o autor do projeto científico pioneiro "Psicopatia e Emoções em Portugal"[32] (2010) com o objetivo de compreender os processos cerebrais envolvidos nas reacções neuropsicofisiológicas da expressão facial da emoção, conhecer a razão pela qual o padrão de emocionalidade negativa é recorrente na psicopatia, se há diferenças de gênero e idade e procurar os motivos orgânicos e ambientais envolvidos e estabelecer um padrão que permita o tratamento e a profilaxia do crime. Para verificar e analisar o cérebro dos psicopatas e a relação correspondente à expressão facial, será utilizada a imagiologia de ressonância magnética funcional (fMRI), a psicometria neurofuncional e as plataformas informáticas que estimulam os sistemas cerebrais, particularmente o límbico.

Para Freitas-Magalhães, "o conhecimento do estado da psicopatia em Portugal é um preditor indispensável para o exercício do tratamento e da prevenção da violência. A comunidade científica comprova e defende que o processamento cerebral emocional do psicopata é diferente do da pessoa normal e, por isso, a conseqüente manifestação dos movimentos faciais também o é". A identificação, o reconhecimento e a frequência das emoções permitirão a constituição de uma base de dados que poderá estar ao serviço do sistema judicial.

ForensicPsy[editar | editar código-fonte]

É o autor do projeto científico pioneiro "ForensicPsy" (2009) no âmbito da Psicologia Forense e que consiste na avaliação e medição da expressão facial da emoção dos delinqüentes para efeitos da investigação criminal e dos processos judiciais [33] .

É o autor da proposta (2011) junto do Ministério da Justiça para a adoção no sistema judiciário português (em interrogatórios e inquirições) dos métodos e técnicas de análise e avaliação da expressão facial da emoção [34] [35] [36] .

Deteção da mentira
  • Freitas-Magalhães é o autor do projeto científico pioneiro "Deteção da Mentira: O Efeito do Olhar"[37] [38] (2008-2009)[39] [40] (2010).

Epilepsia[editar | editar código-fonte]

É o autor do projeto científico pioneiro "O Processamento das Emoções em Pessoas com Epilepsia do Lobo Temporal: Estudo Empírico com Portugueses com Recurso à F-M Portuguese Face Database (F-MPF)" (2010) no âmbito da Neuropsicologia. O objectivo é avaliar as competências emocionais em pessoas portadoras de epilepsia, estabelecendo comparação entre a identificação e o reconhecimento das emoções básicas em adultos e crianças[41] .

Autismo[editar | editar código-fonte]

É o autor do projeto científico pioneiro "Emoções e Perturbações do Espetro do Autismo: Estudo Empírico com Portugueses com Recurso à F-M Portuguese Face Database (F-MPF)" (2011) no âmbito da Neuropsicologia. O objectivo é avaliar as competências emocionais em pessoas portadoras de autismo, e validar a i-Autism (i-Aut)[42] .

O Sorriso do Feto Humano[editar | editar código-fonte]

É o autor do estudo científico pioneiro "O Sorriso no Feto Humano"[43] [44] [45] [46] (2010-2015). O objetivo do projeto é perceber "a natureza funcional daquele fenômeno", monitorizando o maior número de grávidas, com recurso a tecnologia 4D. "Já desenvolvemos linhas de investigação sobre o sorriso humano ao longo de todo o ciclo vital, desde o nascimento até à morte", relembrou Freitas-Magalhães, para quem "há uma curiosidade enorme em perceber o alcance do sorriso durante a gravidez".

O Efeito das Lágrimas[editar | editar código-fonte]

É o autor do estudo científico pioneiro "A Psicofisiologia do Choro: O Efeito das Lágrimas na Experiência Emocional"[47] (2004-2007). De acordo com a investigação, as mulheres choram mais que os homens e estes são mais intensos quando exibem as lágrimas.

Uma Década de Sorriso em Portugal[editar | editar código-fonte]

É o autor do estudo científico pioneiro "Uma Década do Sorriso em Portugal"[48] [49] [50] [51] (2003-2013).

A retribuição do sorriso em interacção social
  • Freitas-Magalhães é o autor do projeto científico pioneiro "O Sorriso Humano: Implicações e Aplicações"[52] (2008-2009).
O efeito do sorriso na afetividade
  • Freitas-Magalhães é o autor do projeto científico pioneiro "A Afetividade: A Função na Comunicação Humana"[53] (2004-2007).
O efeito do sorriso na produção publicitária
  • Freitas-Magalhães é o autor do projeto científico pioneiro "O Sorriso e a Publicidade"[54] [55] ((2007-2008).
O efeito do sorriso no tratamento da depressão
  • Freitas-Magalhães é o autor do projeto científico pioneiro "O Sorriso: Funções e Repercuções na Saúde Mental"[56] (2003-2006).
O efeito do sorriso em delinquentes
  • Freitas-Magalhães é o autor do projeto científico pioneiro "O Sorriso: Funções e Repercuções no Sistema Judiciário"[57] (2004-2006).
O efeito do sorriso na deteção da mentira
  • Freitas-Magalhães é o autor do projeto científico pioneiro "Métodos e Técnicas para Detetar Incongruências Emocionais"[58] (2006-2009).
O sorriso e a menopausa
O sorriso e o período menstrual
O sorriso e o envelhecimento
  • Freitas-Magalhães é o autor do projeto científico pioneiro "O Sorriso Humano e o Ciclo Vital"[59] [60] [61] (2003-2010).
O sorriso e os políticos
  • Freitas-Magalhães é o autor do projeto científico pioneiro "A Perceção do Sorriso e o Estatuto e Papel Sociais"[62] [63] (2003-2008).
O sorriso e o gênero
  • Freitas-Magalhães é o autor do projeto científico pioneiro "A Perceção do Sorriso e o Gênero"[64] (2003).
O sorriso e a cor da pele
  • Freitas-Magalhães é o autor do projeto científico pioneiro "A Perceção do Sorriso e a Cor da Pele"[65] (2003-2006).
O sorriso e os gêmeos
  • Freitas-Magalhães é o autor do projeto científico pioneiro "A Perceção do Sorriso em Gêmeos"[66] [67] (2003-2005).
O sorriso e os estereótipos
  • Freitas-Magalhães é o autor do projeto científico pioneiro "O Efeito do Sorriso na Perceção Psicológica dos Estereótipos"[68] (2003-2006).
O sorriso e os efeitos emocionais
  • Freitas-Magalhães é o autor do projeto científico pioneiro "O Sorriso Humano e os Efeitos Emocionais"[69] (2003-2005).

F-M Portuguese Face Database (F-MPF)[editar | editar código-fonte]

É o autor da pioneira F-M Portuguese Face Database (F-MPF)[70] [71] (2003).

Smile Perception Scale (SPS)[editar | editar código-fonte]

É o autor da pioneira Smile Perception Scale (SPS)[72] (2003).

F-M Emotional Intelligence Scale (F-MEIS)[editar | editar código-fonte]

É o autor da pioneira F-M Emotional Intelligence Scale (F-MEIS)[73] (2004-2014).

Fear Perception Scale (SPS)[editar | editar código-fonte]

É o autor da pioneira Fear Perception Scale (FPS)[74] (2009)[75] (2011).

Pessoa Face Memory Test (PFMT)[editar | editar código-fonte]

É o autor do pioneiro Pessoa Face Memory Test (PFMT)[76] [77] (2011).

Escala de Avaliação de Liderança Emocional (F-MEALE)[editar | editar código-fonte]

É o autor da pioneira Escala de Avaliação de Liderança Emocional (F-MEALE)[78] [79] (2012).

Pain Perception Scale (i-PainFaces)[editar | editar código-fonte]

É o autor da pioneira Pain Perception Scale (i-PainFaces)[80] (2013).

PainFACS[editar | editar código-fonte]

É o autor do pioneiro PainFACS (2014).

Literacia Emocional[editar | editar código-fonte]

É o criador do projeto de literacia emocional denominado "Se às Vezes Digo que as Flores Sorriem"[81] (2008), inspirado num verso de Fernando Pessoa e lançado para comemorar o bicentenário do nascimento de Charles Darwin. Aquele inédito projeto tem o objetivo de facilitar a identificação, reconhecimento, regulação e uso das emoções em diversos contextos psicossociais, como, por exemplo, escolas (desde a pré-escola), serviços públicos e privados de saúde, instituições de acolhimento social e organismos judiciários.

Para Freitas-Magalhães "a educação assertiva dos estados emocionais, contribui, decisivamente, desde a infância, para o exercício da felicidade e de boas práticas e, por conseqüência, diminui os sintomas clínicos, a violência, o stresse, e o abuso de drogas e de álcool".

A Neuropsicofisiologia da Face[editar | editar código-fonte]

Barack Obama
  • Freitas-Magalhães é o autor do estudo científico pioneiro mundial "A Neuropsicofisiologia da Face: Os Movimentos e Linguagens em figuras Públicas. Estudo de Caso com Barack Obama"[82] (2007-2009).
Papa Bento XVI
  • Freitas-Magalhães é o autor do estudo científico pioneiro mundial "A Neuropsicofisiologia da Face: Os Movimentos e Linguagens em Figuras Públicas. Estudo de Caso com Bento XVI"[83] (2005-2010).
Cavaco Silva
  • Freitas-Magalhães é o autor do estudo científico pioneiro mundial "A Neuropsicofisiologia da Face: Os Movimentos e Linguagens em Figuras Públicas. Estudo de Caso com Cavaco Silva"[84] (2005-2010).
José Mourinho
  • Freitas-Magalhães é o autor do estudo científico pioneiro mundial "A Neuropsicofisiologia da Face: Os Movimentos e Linguagens em Figuras Públicas. Estudo de Caso com José Mourinho"[85] (2000-2010).
Campeonato do Mundo de Futebol FIFA 2014
  • Freitas-Magalhães é o autor do estudo científico pioneiro mundial "A Neuropsicofisiologia da Expressão Facial da Emoção: Estudo de Caso com Jogadores no Campeonato do Mundo de Futebol do Brasil"[86] [87] [88] (2014).
Campeonato do Mundo de Futebol FIFA 2010
  • Freitas-Magalhães é o autor do estudo científico pioneiro mundial "A Neuropsicofisiologia da Expressão Facial da Emoção: Estudo de Caso com Jogadores no Campeonato do Mundo de Futebol da África do Sul"[89] [90] [91] (2010).
Campeonato da Europa de Futebol FIFA 2012
  • Freitas-Magalhães é o autor do estudo científico pioneiro mundial "A Neuropsicofisiologia da Expressão Facial da Emoção: Estudo de Caso com Jogadores no Campeonato_Europeu_de_Futebol da Polónia e Ucrânia"[92] (2012).
Jogos Olímpicos de Londres 2012
  • Freitas-Magalhães é o autor do estudo científico pioneiro mundial "A Neuropsicofisiologia da Expressão Facial da Emoção: Estudo de Caso com Atletas nos Jogos_Olímpicos_de_Verão_de_2012"[93] [94] (2012)
Papa Francisco
  • Freitas-Magalhães é o autor do estudo científico pioneiro mundial "A Neuropsicofisiologia da Face: Os Movimentos e Linguagens em Figuras Públicas. Estudo de Caso com Papa_Francisco"[95] (2013-).
Angela Merkle
  • Freitas-Magalhães é o autor do estudo científico pioneiro mundial "A Neuropsicofisiologia da Face: Os Movimentos e Linguagens em Figuras Públicas. Estudo de Caso com Angela_Merkel"[96] (2013-).
Cristiano Ronaldo
  • Freitas-Magalhães é o autor do estudo científico pioneiro mundial "A Neuropsicofisiologia da Face: Os Movimentos e Linguagens em Figuras Públicas. Estudo de Caso com Cristiano_Ronaldo"[97] [98] (2006-2013).

A Neuropsicofisiologia das Emoções Básicas[editar | editar código-fonte]

Emoções básicas em toxicodependentes em tratamento
  • Freitas-Magalhães é o autor do projeto científico pioneiro "Emoções Básicas e Saúde Mental"[99] [100]

[101] [102] (2008-2010).

Medo e lesões cerebrais
  • Freitas-Magalhães é o autor do projeto científico pioneiro "O Código do Medo"[103] (2008-2011).
A perceção das emoções básicas em bebés
  • Freitas-Magalhães é o autor do projeto científico pioneiro "As Emoções em Bebés"[104] [105] (2003-2008).
Emoções básicas e deficientes mentais
  • Freitas-Magalhães é o autor do projeto científico pioneiro "As Emoções Básicas em Deficientes Mentais"[106] (2003-2006).
Emoções básicas e dependentes de álcool
  • Freitas-Magalhães é o autor do projeto científico pioneiro "As Emoções Básicas em Dependentes de Álcool"[107] [108] (2003-2010).
Emoções básicas e diferenças de gênero
  • Freitas-Magalhães é o autor do projeto científico pioneiro "As Emoções Básicas: Diferenças de Gênero"[109] (2003-2006).
Os estímulos visuais e auditivos
  • Freitas-Magalhães é o autor do projeto científico pioneiro "Emoções: O Efeito dos Estímulos Visuais e Auditivos"[110] (2008-2010).
Deformação facial
  • Freitas-Magalhães é o autor do projeto científico pioneiro "Emoções: O Efeito da Deformação Facial"[111] [112] 2008-2009).
Emoções e cores
  • Freitas-Magalhães é o autor do projeto científico pioneiro "Emoções: O Efeito das Cores"[113] [114] (2003-2006).
Emoções e música
  • Freitas-Magalhães é o autor do projeto científico pioneiro "Emoções: O Efeito da Música"[115] (2003-2006).
Emoções e músculos
  • Freitas-Magalhães é o autor do projeto científico pioneiro "A Construção Psicológica das Emoções: O Efeito do Movimento dos Músculos da Face"[116] [117] (2003-2006).
Emoções e cognição
  • Freitas-Magalhães é o autor do projeto científico pioneiro "Emoções: Identificação e Reconhecimento""[118] [119] [120] (2003-2009).
Emoções e desejo
  • Freitas-Magalhães é o autor do projeto científico pioneiro "O Desejo: O Contributo da Construção Emocional"[121] (2008-2009).
O efeito do orgulho
  • Freitas-Magalhães é o autor do projeto científico pioneiro "O Efeito do Orgulho na Experiência Emocional"[122] (2004-2008).
Emoções e atração facial
  • Freitas-Magalhães é o autor do projeto científico pioneiro "A Atração Facial: O Efeito das Emoções"[123] (2006-2007).
Emoções e crianças
  • Freitas-Magalhães é o autor do projeto científico pioneiro "A Expressão Emocional na Infância"[124] (2003-2006).

Serviço à comunidade[editar | editar código-fonte]

Porque Sou do Tamanho das Minhas Emoções[editar | editar código-fonte]

Freitas-Magalhães é o autor do projeto "Porque Eu Sou do Tamanho das Minhas Emoções" destinado a todas as crianças (desde a pré-escola e 1º ciclo), adolescentes e jovens (ensino básico e secundário) e que visa possibilitar o contacto direto com os métodos e técnicas de análise e interpretação da expressão facial da emoção. O projecto é definido como uma "aventura exploratória pelo mundo das emoções, desde a sua origem até à sua função ao longo da vida, com a possibilidade, única, de trabalhar, de mexer, em todos os instrumentos científicos que permitem o estudo científico das mesmas, desde os circuitos neurocerebrais até à configuração esquelético-muscular.Numa sociedade que manifesta, todos os dias, exemplos concretos de ausência de exercício adequado das emoções (principalmente das emoções básicas), aquele projeto é um contributo para uma educação pela emoção" [125] (2009).

Põe o Quanto És no Mínimo que Fazes[editar | editar código-fonte]

Freitas-Magalhães é o autor do projeto "Põe o Quanto És no Mínimo que Fazes". Inspirado num verso de Fernando Pessoa, aquele projecto pretende desenvolver competências nas áreas da motivação emocional e contribuir para o saudável desenvolvimento psicossocial.[126] (2009).

Consigo pela Vida[editar | editar código-fonte]

É o autor do projeto pioneiro em Portugal "Consigo Pela Vida" no âmbito da humanização emocional em unidades hospitalares e terá uma duração de 5 anos (2010-2015). A intervenção será feita aos níveis de todos os agentes de saúde e da própria estrutura do hospital. A ideia central é fazer do hospital um centro emocional onde as pessoas se sintam, de fato, pessoas e que se sintam envolvidas e reflectidas numa "face emocional" num serviço de prestação de cuidados de saúde. [127] (2010-2015).

FACE Science Movies[editar | editar código-fonte]

É o autor do projeto inovador "FACE Science Movies", com o objectivo de produzir e difundir filmes científicos sobre a expressão facial da emoção para fins de investigação, da prática educacional e da acção social em geral[128] (2010).

i-Janus[editar | editar código-fonte]

É o autor do projeto inovador i-Janus (i-J), um centro de investigação em decisões emocionais. O objectivo é estudar o comportamento humano em todo o processo organizacional e, ao mesmo tempo, promover a formação e treino de todos aqueles que fazem da tomada de decisão um exercício diário [129] (2010-2015).

Um Mês, Uma Emoção[editar | editar código-fonte]

É o autor do projeto inovador “Um mês, uma emoção”, o qual pretende, em acções multidisciplinares, apresentar os estudos sobre a expressão facial da emoção, com a particularidade de, durante um mês, estar em discussão uma única emoção básica [130] (2009).

Museu da Emoção[editar | editar código-fonte]

Freitas-Magalhães é o autor do pioneiro "Museu da Emoção", o qual, embora global, privilegiará a mostra da "emocionalidade portuguesa ao longo da história até aos nossos dias". "Será um museu cheio de emoção e que se poderá ver na face das pessoas, de todas as pessoas", enfatizou o Professor Doutor Freitas-Magalhães, para concluir que "o recurso contribuirá para um retrato emocional vivo de Portugal ao longo da história". [131] (2013-).

Livros recentes[editar | editar código-fonte]

Freitas-Magalhães, A. (Ed.). (2014). Emotional Expression: The Brain and The Face (Vol. 5). Porto: Edições Universidade Fernando Pessoa. ISBN 978-989-643-120-4

Freitas-Magalhães, A. (2014). O Código do Medo. Porto: FEELab Science Books. ISBN 978-972-99700-7-8

Freitas-Magalhães, A. (Ed.). (2013). Emotional Expression: The Brain and The Face (Vol. 4). Porto: Edições Universidade Fernando Pessoa. ISBN 978-989-643-117-4

Freitas-Magalhães, A., Bluhm, C., & Davis, M. (Eds.) (2013). Handbook on Facial Expression of Emotion. Porto: FEELab Science Books. ISBN 978-989-98524-6-4

Freitas-Magalhães, A. (2013). Dez Anos, Dez Faces: Porque Sou do Tamanho das Minhas Emoções. Porto: FEELab Science Books. ISBN 978-972-99700-9-2

Freitas-Magalhães, A. (2013). The Face of Lies. Porto: FEELab Science Books. ISBN 978-989-98524-0-2

Freitas-Magalhães, A. (2013). O Poder da Face (Vol. 1). Porto: FEELab Science Books. ISBN 978-972-997-008-5 

Freitas-Magalhães, A. (2013). O Poder do Sorriso: Origens, Funções e Teorias. Porto: FEELab Science Books. ISBN 978-972-997-006-1

Freitas-Magalhães, A. (2013). Por Que Me Mentes? Ensaio Sobre a Face da Mentira. Porto: FEELab Science Books. ISBN 978-972-997-004-7

Freitas-Magalhães, A. (2012). A Face Humana: Paradigmas e Implicações. Porto: FEELab Science Books. ISBN 978-972-997-005-4

Freitas-Magalhães, A. (Ed.). (2011). Emotional Expression: The Brain and The Face (Vol. 3). Porto: Edições Universidade Fernando Pessoa. ISBN 978-989-643-083-2

Freitas-Magalhães, A. (2011). O Código de Ekman: O Cérebro, a Face e a Emoção. Porto: Edições Universidade Fernando Pessoa. ISBN 978-989-643-067-2 - ISBN 978-989-985-242-6 (2ª Ed., 2013).

Freitas-Magalhães, A. (2011). Facial Expression of Emotion: From Theory to Application. Porto: FEELab Science Books. ISBN 978-972-99700-3-0 - 978-989-98524-1-9 (2ª Ed. 2013).

Freitas-Magalhães, A. (Ed.). (2010). Emotional Expression: The Brain and The Face (Vol. 2).Porto: Edições Universidade Fernando Pessoa. ISBN 978-989-643-061-0

Freitas-Magalhães, A. (Ed.). (2009). Emotional Expression: The Brain and The Face (Vol. 1). Porto: Edições Universidade Fernando Pessoa. ISBN 978-989-643-034-4

Freitas-Magalhães, A. (2007).A Psicologia das Emoções: O Fascínio do Rosto Humano. Porto: Edições Universidade Fernando Pessoa. ISBN 972-8830-84-7 - ISBN 978-989-643-031-3 (2ª Ed., 2009)- ISBN 978-989-643-075-7 (3ª Ed., 2011) - ISBN 978-989-985-243-3 (4ª Ed., 2013)..

Freitas-Magalhães, A. (2006). A Psicologia do Sorriso Humano. Porto: Edições Universidade Fernando Pessoa. ISBN 972-8830-59-9 - ISBN 978-989-643-035-1 (2ª Ed., 2009).

Referências adicionais[editar | editar código-fonte]

Freitas-Magalhães, A.(2014). When the brain and the face meet to talk about themselves. In A. Freitas-Magalhães (Ed.), Emotional expression: The brain and the face (Vol. 5, pp. vii-xii). Oporto: University Fernando Pessoa Press. ISBN 978-989-643-120-4

Correia, A., & Freitas-Magalhães, A.(2014). Autism Spectrum Disorders: Competence in the recognition of the facial expression of emotion. In A. Freitas-Magalhães (Ed.), Emotional expression: The brain and the face (Vol. 5, pp. 03-31). Oporto: University Fernando Pessoa Press. ISBN 978-989-643-120-4

Freitas-Magalhães, A. (Ed.). (2013). The anatomy of lies: The brain, face, voice and emotion . In A. Freitas-Magalhães (Ed.), Emotional expression: The brain and the face (Vol. 4, pp.3-52). Porto: Edições Universidade Fernando Pessoa. ISBN 978-989-643-117-4

Freitas-Magalhães, A. (Ed.). (2013). Before the wind, the face and time. In A. Freitas-Magalhães (Ed.), Emotional expression: The brain and the Face (Vol. 4, pp.vii-xii). Porto: Edições Universidade Fernando Pessoa. ISBN 978-989-643-117-4

Freitas-Magalhães, A. (2013). The science of reading human face: history, theory, research and assessment. In A. Freitas-Magalhães, C. Bluhm, & M. Davis (Eds.), Handbook on facial expression of emotion (pp.19-65). Oporto: FEELab Science Books. ISBN 978-989-98524-6-4

Freitas-Magalhães, A. (2012). Facial expression of emotion. In V. S. Ramachandran (Ed.), Encyclopedia of Human Behavior (Vol. 2, pp.173-183). Oxford: Elsevier/Academic Press. ISBN 978-008-088-575-9

Freitas-Magalhães, A. (2011). Face to face and emotion as a compass. In A. Freitas-Magalhães (Ed.), Emotional expression: The brain and the face (Vol. 3, pp. vii-xiii). Oporto: University Fernando Pessoa Press. ISBN 978-989-643-084-9

Freitas-Magalhães, A. (2011). Emotion: From the brain to the face and back. In A. Freitas-Magalhães (Ed.), Emotional expression: The brain and the face (Vol. 3, pp. 01-40). Oporto: University Fernando Pessoa Press. ISBN 978-989-643-084-9

Leal, J., Castro, E. & Freitas-Magalhães, A. (2011). The sex offender and the facial expression of emotion: A brief overview and the portuguese scientific context. In A. Freitas-Magalhães (Ed.), Emotional expression: The brain and the face (Vol. 3, pp. 149-170). Oporto: University Fernando Pessoa Press. ISBN 978-989-643-089-9

Freitas-Magalhães, A. (2010). Always emotional. In A. Freitas-Magalhães (Ed.), Emotional expression: The brain and the face (Vol. 2, pp. xiii-xvi). Oporto: University Fernando Pessoa Press. ISBN 978-989-643-061-0

Freitas-Magalhães, A., & Castro, E. (2010). Fear perception scale: First study of development and validation among the Portuguese population. In A. Freitas-Magalhães (Ed.), Emotional expression: The brain and the face (Vol. 2, pp. 67-81). Oporto: University Fernando Pessoa Press.ISBN 978-989-643-061-0

Freitas-Magalhães, A., & Castro, E. (2010). Facial expression: The reciprocation of the smile in social interaction. Empirical study with Portuguese subjects. In A. Freitas-Magalhães (Ed.), Emotional expression: The brain and the face (Vol. 2, pp. 135-144). Oporto: University Fernando Pessoa Press.ISBN 978-989-643-061-0

Santos, C., Freitas-Magalhães, A., & Castro, E. (2010). The emotions and facial expression as communication facilitators in drug addicts. In A. Freitas-Magalhães (Ed.), Emotional expression: The brain and the face (Vol. 2, pp. 239-256). Oporto: University Fernando Pessoa Press.ISBN 978-989-643-061-0

Santos, C., Freitas-Magalhães, A., & Castro, E. (2010). Emotional literacy in health services: Functions, applications and implications. In A. Freitas-Magalhães (Ed.), Emotional expression: The brain and the face (Vol. 2, pp. 285-299). Oporto: University Fernando Pessoa Press.ISBN 978-989-643-061-0

Freitas-Magalhães, A. (2009). The Ekman code or in praise of the science of the human face. In A. Freitas-Magalhães (Ed.), Emotional expression: The brain and the face (Vol. 1, pp. ix-xvii). Oporto: University Fernando Pessoa Press. ISBN 978-989-643-034-4.

Freitas-Magalhães, A., & Castro, E. (2009). The neuropsychophysiological construction of the human smile. In A. Freitas-Magalhães (Ed.), Emotional expression: The brain and the face (Vol. 1, pp. 1-18). Oporto: University Fernando Pessoa Press. ISBN 978-989-643-034-4.

Batista, J., & Freitas-Magalhães, A. (2009). The recognition of basic emotions in temporal lobe epilepsy. In A. Freitas-Magalhães (Ed.), Emotional expression: The Brain and The Face (Vol. 1, pp. 24-56). Oporto: University Fernando Pessoa Press. ISBN 978-989-643-034-4.

Freitas-Magalhães, A., & Castro, E. (2009). Facial expression: The effect of the smile in the treatment of depression. Empirical study with Portuguese subjects. In A. Freitas-Magalhães (Ed.), Emotional expression: The brain and the face (Vol. 1, pp. 127-140). Oporto: University Fernando Pessoa Press. ISBN 978-989-643-034-4.

Freitas-Magalhães, A., & Castro, E. (2009). Facial expression: The recognition of basic emotions in heroin addicts. Empirical study with Portuguese subjects. In A. Freitas-Magalhães (Ed.), Emotional expression: The brain and the face (Vol. 1, pp. 157-166). Oporto: University Fernando Pessoa Press. ISBN 978-989-643-034-4.

Freitas-Magalhães, A., & Castro, E. (2009). Facial expression: The recognition of basic emotions in cocaine addicts. Empirical study with Portuguese subjects. In A. Freitas-Magalhães (Ed.), Emotional expression: The brain and the face (Vol. 1, pp. 249-258). Oporto: University Fernando Pessoa Press. ISBN 978-989-643-034-4.

Referências

  1. http://www.ukinvest.gov.uk/Feature/4012532/en-GB.html
  2. http://exameinformatica.clix.pt/noticias/mercados/998095.html
  3. http://www.indt.org.br
  4. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=98780&Itemid=222
  5. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=102379&Itemid=359
  6. http://emotion-research.net/
  7. http://feelab2010.blogspot.com/2010/10/prof-freitas-magalhaes-considerado.html
  8. http://emotion-research.net/Members/ArmindoFreitas
  9. http://emotion-research.net/projects/humaine/aboutHUMAINE
  10. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=102306&Itemid=336
  11. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=101972&Itemid=336
  12. http://sol.sapo.pt/inicio/Sociedade/Interior.aspx?content_id=44941
  13. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=100887&Itemid=337
  14. http://www.companhiadeideias.com/index.php?article=36&visual=2&id=2
  15. http://viveraciencia.org/index.php?option=com_content&task=view&id=176&Itemid=46
  16. http://www.isfee.org
  17. http://emotion.nsma.arizona.edu/Emotion/PlacePeople/People.html
  18. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=100910&Itemid=337
  19. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=102522&Itemid=336
  20. http://sic.sapo.pt/Programas/boatarde/2014/04/01/verdade-ou-mentira
  21. http://fm.ufp.pt/fmpe270308.swf
  22. http://www.educare.pt/educare/Actualidade.Noticia.aspx?contentid=38D4078EA6144D70E04400144F16FAAE&opsel=1&channelid=0
  23. http://canais.sol.pt/PaginaInicial/Interior.aspx?content_id=52809
  24. http://www.wcfee2014.pt
  25. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=106628&Itemid=336
  26. http://ingresso.ufp.pt/pos-graduacao-em-expressao-facial-da-emocao/
  27. http://sic.aeiou.pt/online/noticias/vida/estudo.htm
  28. http://www.tendencias21.net/Desarrollan-un-programa-de-reconocimiento-facial-de-la-emocion_a1344.html
  29. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=99546&Itemid=359
  30. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=98737&Itemid=182
  31. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=100630&Itemid=359
  32. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=100403&Itemid=359
  33. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=99166&Itemid=217
  34. http://www.pt.cision.com//O4kPTWebNewLayout/ClientUser/GetClippingDetails.aspx?id=9d5bd302-1dc0-41c1-af8f-30036d846eb9&analises=1
  35. http://www.ionline.pt/portugal/inqueritos-judiciais-poderao-vir-contar-analise-das-expressoes-faciais
  36. http://www.publico.pt/Sociedade/inqueritos-judiciais-poderao-vir-a-contar-com-analise-das-expressoes-faciais-1516908
  37. http://psycnet.apa.org/psycextra/601542009-001.pdf
  38. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=98277&Itemid=359
  39. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=102522&Itemid=336
  40. www.policechiefmagazine.org/magazine/index.cfm?fuseaction=display_arch&article_id=2268&issue_id=122010
  41. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=100975&Itemid=364
  42. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=102569&Itemid=279
  43. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=100553&Itemid=359
  44. http://www.alert-online.com/pt/news/health-portal/sorriso-do-feto-vai-ser-estudado
  45. http://noticias.universia.pt/destaque/noticia/2011/05/31/831226/ciencia-laboratorio-expresso-facial-da-emoco-estuda-sorriso-no-feto-humano.html
  46. http://www.tvi24.iol.pt/tecnologia/feto-sorriso-laboratorio-de-expressao-facial-da-emocao-universidade-fernando-pessoa-estudo-tvi24/1256683-4069.html
  47. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=33338&Itemid=336
  48. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=98944&Itemid=217
  49. http://tv1.rtp.pt/noticias/?t=Portugueses-estao-a-sorrir-menos.rtp&headline=20&visual=9&article=309309&tm=8
  50. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=101151&Itemid=336
  51. http://canais.sol.pt/PaginaInicial/Vida/Interior.aspx?content_id=74027
  52. https://bdigital.ufp.pt/dspace/bitstream/10284/1289/3/420-426_FCS_06_-2.pdf
  53. https://bdigital.ufp.pt/dspace/bitstream/10284/453/1/276-284FCHS04-19.pdf
  54. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=98149&Itemid=217
  55. http://www.ecp2009.no/abstractview.cfm?PMODE=Abstract&pStartRow=1001
  56. https://bdigital.ufp.pt/dspace/bitstream/10284/526/1/28-37FCS2006-3.pdf
  57. http://www.hbes.com/conference/pdf/conference_18.pdf
  58. http://www.ecp2009.no/abstractview.cfm?PMODE=Abstract&pStartRow=1001
  59. http://www.ordinepsicologi.piemonte.it/DocsImgs/docs/Congresso%20Praga/files/all-abstracts.html
  60. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=17973&Itemid=336
  61. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=102038&Itemid=301
  62. http://www.affective-sciences.org/system/files/page/1503/Abstracts.pdf
  63. http://www.levante-emv.com/comunitat-valenciana/2009/10/13/sonrisa-ansiosa-preocupada-camps/641074.html
  64. http://www.uc.pt/fpce/publicacoes/psychologica/ind33
  65. http://www.uc.pt/fpce/publicacoes/psychologica/ind41
  66. http://www.alert-online.com/pt/news/health-portal/consegue-distinguir-os-gemeos
  67. http://www.facial-expression.org/p2005.pdf
  68. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=16865&Itemid=82
  69. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=15940&Itemid=336
  70. http://ciberia.aeiou.pt/gen.pl?p=stories&op=view&fokey=id.stories/5229
  71. http://feelab.ufp.pt/fmpf.swf
  72. http://fm.ufp.pt/fmsps300408.swf
  73. http://noticias.universia.pt/mobilidade-academica/noticia/2006/12/27/214430/escala-inteligncia-emocional.html
  74. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=99744&Itemid=359
  75. http://forms.apa.org/convention/viewabstract.cfm?id=112805
  76. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=103445&Itemid=365
  77. http://noticias.universia.pt/destaque/noticia/2011/04/14/811116/feelabufp-cria-inovador-pessoa-face-memory-test-(pfmt).html
  78. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=106558&Itemid=337
  79. http://www.cienciahoje.pt/index.php?oid=54410&op=all
  80. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=100630&Itemid=359
  81. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=99104&Itemid=217
  82. http://www.tvi24.iol.pt/sociedade-nacional/iol/1060398-4555.html
  83. http://tv1.rtp.pt/noticias/?t=Estudo-universitario-revela-que-expressao-facial-de-Bento-XVI-e-consistente-e-verdadeira.rtp&article=341026&visual=3&layout=10&tm=72
  84. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=100130&Itemid=360
  85. http://www.tvi24.iol.pt/desporto/maisfutebol-mourinho-investigacao-real-madrid-jose-mourinho/1166036-4062.html
  86. http://www.ionline.pt/artigos/desporto-mundial-2014/mundial-2014-colera-foi-expressao-mais-vista-nos-jogos
  87. http://desporto.sapo.pt/futebol/mundial/brasil_2014/artigo/2014/07/14/c-lera-foi-a-express-o-facial-mais-vista-nos-jogos-revela-estudo
  88. http://www.tsf.pt/PaginaInicial/Desporto/Interior.aspx?content_id=4025779
  89. http://www.human.pt/noticias/jul_2010/13_07_10noticia1.htm
  90. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=101079&Itemid=359
  91. http://desporto.sapo.pt/mundial2010/artigo/2010/07/22/c_lera_tristeza_e_alegria_foram.html
  92. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=106774&Itemid=359
  93. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=107140&Itemid=359
  94. http://www.maissuperior.com/2012/09/13/emocoes-olimpicas/
  95. http://sicnoticias.sapo.pt/programas/jornaldanoite/2013/03/17/edicao-de-17-03-2013-1-parte-1
  96. http://www.jn.pt/multimedia/galeria.aspx?content_id=3436689
  97. http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/sport/desporto/expressao-facial-de-cristiano-ronaldo-e-intensa-e-verdadeira
  98. http://cmtv.sapo.pt/atualidade/detalhe/expressao-facial-de-ronaldo-e-verdadeira.html
  99. http://www.actassnip2010.com/conteudos/actas/Neuro_2.pdf
  100. https://bdigital.ufp.pt/dspace/bitstream/10284/945/3/296-301.pdf
  101. https://bdigital.ufp.pt/dspace/bitstream/10284/458/1/314-319%20REVISTA_FCS_04-5.pdf
  102. http://www.ciep.uevora.pt/eps/com19.html
  103. http://www.actassnip2010.com/conteudos/actas/Neuro_1.pdf
  104. http://ciberia.aeiou.pt/gen.pl?p=stories&op=view&fokey=id.stories/4006&sid=id.sections/32
  105. http://www.noticias.universia.pt/vida-universitaria/noticia/2008/01/16/211190/bebes-quatro-e-oito-meses-no-distinguem-alegria-e-colera.html
  106. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=17139&Itemid=194
  107. http://www.alert-online.com/pt/news/health-portal/dependencia-do-alcool-diminui-capacidade-de-identificar-emocoes-basicas-nos-outro
  108. http://www.ehps-cluj2010.psychology.ro/files/poster_programme_30_2.pdf
  109. http://www.alert-online.com/pt/news/health-portal/mulheres-sentem-emocoes-mais-intensamente
  110. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=blogcategory&id=183&Itemid=337&limit=9&limitstart=90
  111. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=98626&Itemid=337
  112. http://canais.sol.pt/PaginaInicial/Vida/Interior.aspx?content_id=73562
  113. http://diariodigital.sapo.pt/news.asp?section_id=13&id_news=249790
  114. http://canais.sol.pt/PaginaInicial/Sociedade/Interior.aspx?content_id=8491
  115. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=18138&Itemid=336
  116. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=18469&Itemid=336
  117. http://canais.sol.pt/PaginaInicial/Sociedade/Interior.aspx?content_id=11167
  118. http://www.researchcafe.net/content/view/626/2/
  119. http://www.cienciahoje.pt/index.php?oid=1611&op=all
  120. http://ase.tufts.edu/psychology/documents/conf2009Program.pdf
  121. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=99575&Itemid=359
  122. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=98163&Itemid=359
  123. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=1702&Itemid=336
  124. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=16763&Itemid=336
  125. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=100698&Itemid=337
  126. http://www.mundouniversitario.pt/artigos.php?art=3636
  127. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=100419&Itemid=359
  128. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=99660&Itemid=359
  129. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=99238&Itemid=359
  130. http://www.cienciapt.net/pt/index.php?option=com_content&task=view&id=38853&Itemid=336
  131. http://local.pt/feelabufp-cria-pioneiro-museu-da-emocao/

Ligações externas[editar | editar código-fonte]