Army Black Knights

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Army Black Knights
Universidade Academia Militar dos Estados Unidos
Conferências Independent (football)
Patriot League
Atlantic Hockey
Sprint football
Eastern Intercollegiate Gymnastics League
Eastern Intercollegiate Wrestling Association
National Intercollegiate Women's Fencing Association
NCAA Divisão I
Diretor dos atletas Kevin Anderson
Local West Point, Nova Iorque
Estádio de futebol Michie Stadium
Arena de basquetebol Christl Arena
Estádio de beisebol Johnson Stadium no Doubleday Field
Outras arenas Tate Rink
Mascote Mula
Apelido Black Knights
Hino On Brave Old Army Team
Cores preto e dourado
         
Site GoArmySports.com

Army Black Knights é o nome das equipes Atléticas da Academia Militar dos Estados Unidos. Elas participam da Divisão I-A, da National Collegiate Athletic Association (NCAA) como membro não futebol da Patriot League, a Divisão I da Subdivisão Football Bowl das escolas independentes, e membro das conferências Atlantic Hockey, Sprint football (masculino), Eastern Intercollegiate Gymnastics League (masculino), Eastern Intercollegiate Wrestling Association, e da National Intercollegiate Women's Fencing Association. O Exército é também um dos cerca de trezentos membros da Eastern College Athletic Conference (ECAC).

As três principais academias militares (Exército, Aeronáutica, e Marinha) disputam o Commander-in-Chief's Trophy, que é concedido para a academia que vencer as outras no futebol daquele ano (ou mantido pelo vencedor anterior no caso de disputa por cara ou coroa).

História[editar | editar código-fonte]

Desde 1899, a mascote do Exército tem sido oficialmente uma mula devido à importância histórica do animal em operações do exército.[1] [2] A equipe de futebol americano da academia foi apelidada de "Os Cavaleiros Negros do Hudson" devido à cor negra de seus uniformes.[3] [4] Os Army Black Knights também inspiraram um livro The Black Knight's God: Horror Anthology.

A mídia esportiva dos Estados Unidos usa "Army" como sinônimo para a academia. O On Brave Old Army Team é o hino da equipe.[5] A principal rival do Exército nos esportes é a Academia Naval, devido à sua rivalidade de longa data no futebol americano e da rivalidade inter-serviços com a Marinha em geral. Os cadetes da quarta classe verbalmente cumprimentam as classes superiores de cadetes e professores com a frase "Beat Navy" (Derrote a Marinha), enquanto o túnel que cruza sob a Washington Road é chamado de o túnel "Beat Navy". Na primeira metade do século XX, os times de futebol americano do Exército e da Universidade de Notre Dame eram rivais, mas aquela rivalidade atualmente não existe mais.[6] [7]

Programa esportivo[editar | editar código-fonte]

Os Black Knights participam das seguintes modalidades esportivas:

Notas

  1. Army Mules. GoArmySports.com.
  2. Army Mules. The Historical Marker Database.
  3. Edson, James (1954). The Black Knights of West Point. New York: Bradbury & Sayles.
  4. Army plans games for home gridiron. The New York Times (15 de janeiro de 1947).
  5. On Brave Old Army Team. GoArmySports.com.
  6. Crowley and Guinzburg, pp. 243–245.
  7. Lapointe Joe (8 de setembro de 2005). Notre Dame and Army to Wake Up the Echoes. New York Times.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Army Black Knights