Arnaldo Momigliano

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde fevereiro de 2014).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.

Arnaldo Momigliano (Piemonte, 5 de setembro de 1908 - Londres, 1 de setembro de 1987) foi um historiador italiano, especialista em judaísmo antigo e em historiografia antiga.

Tornou-se professor da Universidade de Turim em 1936, mas foi proibido de lecionar em 1938 por conta da política anti-semita de Mussolini. Exilou-se na Inglaterra, onde atuou pelo resto da carreira, a princípio na Universidade de Oxford e depois no University College de Londres, de 1951 a 1975.

Momigliano se especializou em estudos sobre historiografia antiga, tanto clássica quanto judaica e oriental.

Obras[editar | editar código-fonte]

  • Os limites da helenização. Rio de Janeiro: Zahar, 1991.
  • De paganos, judíos e cristianos. Cidade do México: Fondo de Cultura Economica, 1996.
  • As raízes clássicas da historiografia moderna. Bauru: EDUSC, 2004.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre História ou um historiador é um esboço relacionado ao Projeto História. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.