Arquipélago Malaio

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Arquipélago Malaio, ou Insulíndia, ou Insulásia
Location Malay Archipelago.png
Localização do Arquipélago Malaio
Geografia física
País Indonésia
 Brunei
Timor-Leste
 Malásia
Filipinas
 Singapura
Localização Sudeste Asiático, Oceania
Arquipélago >20 000 ilhas, sendo as maiores Bornéu, Java, Luzon, Mindanau, Nova Guiné, Celebes, Samatra
Ponto culminante Pirâmide Carstensz - 4884 m
Área >2 000 000  km²
Geografia humana
População 350 milhões[1] (2006)
MalayArchipelago.jpg
Mapa do Arquipélago Malaio, excluindo a região da Nova Guiné.

O arquipélago Malaio, também conhecido como Insulíndia e Insulásia, é um vasto e numeroso grupo de ilhas situado entre o continente do Sudeste Asiático e a Austrália, na região da Austronésia. Localizado entre os oceanos Índico e Pacífico, este grupo de mais de 20 000 ilhas é o maior arquipélago do mundo por área. As ilhas dividem-se por territórios da Indonésia, Filipinas, Singapura, Brunei, Malásia, Timor-Leste e a maior parte da Papua-Nova Guiné.[2] Há, entretanto, argumentos para excluir o último país por razões culturais e geográficas: a Papua-Nova Guiné é culturalmente completamente diferente dos outros países da região, e a ilha de Nova Guiné geologicamente não faz parte do continente asiático, como as ilhas de Sonda[2] ao passo que a Malásia peninsular também é incluída no Sudeste Asiático Marítimo[3] .

O arquipélago é alguma vezes conhecido como Índias Orientais, mas algumas autoridades aplicam um significado muito mais amplo a este termo para incluir a Indochina e o subcontinente indiano. A região conhecida como Sudeste Asiático Marítimo é mais ou menos de extensão igual ao Arquipélago Malaio. Atualmente, o topônimo Insulíndia está em desuso.

Geografia[editar | editar código-fonte]

O arquipélago Malaio inclui muitos grupos que podem ser considerados como arquipélagos por si próprios. Os maiores são:

A área do arquipélago é de mais de 2 milhões de km², e a população presente é de mais de 300,000,000 habitantes. As maiores ilhas são: Nova Guiné (quando incluída), Bornéu, e Samatra. A mais densamente povoada é a ilha de Java.

Geologicamente o arquipélago é a região do mundo com mais atividade vulcânica. O clima, por se encontrar na imediações do Equador, é tropical.

O arquipélago Malaio é atravessado pela chamada Linha de Wallace, uma zona de fronteira entre as diferentes regiões zoogeográficas da Ásia e da Australásia. A oeste e a norte da linha estão os organismos relacionados ao ecossistema asiático; a leste e a sul, os relacionados às espécies australo-asiáticas ou oceânicas. A linha foi identificada pelo naturalista Alfred Russel Wallace, em cuja homenagem foi batizada. Ele foi o primeiro a notar a divisão entre os dois ecossistemas durante suas viagens pelas Índias Orientais no século XIX. A linha atravessa o arquipélago Malaio, entre Bornéu e Celebes, e entre Bali (a oeste) e Lombok (a leste). Evidências da divisória já haviam sido notadas 300 anos antes por Antonio Pigafetta nos contrastes biológicos entre as Filipinas e as Ilhas das Especiarias, durante a viagem de Fernão de Magalhães em 1521.

Referências

  1. "[1]".
  2. a b "Malay Archipelago." Encyclopedia Britannica. 2006. Chicago: Encyclopedia Britannica, Inc.
  3. "Maritime Southeast Asia." Worldworx Travel. Acesso em 26 de maio de 2009.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Wallace, Alfred Russell (1869) - The Malay Archipelago vol. 1 [2] e vol. 2 [3]

Ver também[editar | editar código-fonte]