Athenaeum

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Athenaeum foi uma revista literária publicada em Londres entre 1828 e 1921. Tinha uma reputação de incluir as crónicas e críticas dos melhores escritores da época. O seu fundador foi James Silk Buckingham.

A Athenaeum era publicada semanalmente[1] . Cresceu e expandiu-se até se converter num dos jornais mais influentes e lidos da era vitoriana. Na sua maior parte era composta por artigos, resenhas e notícias políticas e científicas. Os tópicos tratados nestes textos incluíam obras da literatura, belas artes, música e teatro, ciência e política.

Entre os que contribuíram para a Athenaeum encontram-se George Darley, Gerald Massey, Theodore Watts-Dunton e Arthur Symons. Já no século XX escreveram nela Max Beerbohm, Edmund Blunden, T. S. Eliot, Robert Graves, Thomas Hardy, Aldous Huxley, Edith Sitwell, Julian Huxley, Katherine Mansfield, e Virginia Woolf, entre outros.

Referências

  1. Projectos Athenaeum: Resumo (em inglês). Página visitada em 16 de Janeiro de 2008.


Ícone de esboço Este artigo sobre uma revista é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.