Atilio García

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Atilio García
Atilia garcia.jpg
Informações pessoais
Nome completo Atilio Ceferino García Pérez
Data de nasc. 26 de agosto de 1914
Local de nasc. Junín,  Argentina
Falecido em 12 de dezembro de 1973 (aos 59 anos)
Local da morte Montevidéu, Uruguai
Apelido Bigote, Junín
Informações profissionais
Posição Atacante
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos/gols)
1936
1937
1938–1951
1952
1953
Argentina Platense
Argentina Boca Juniors
Uruguai Nacional
Uruguai Racing Montevidéu
Uruguai Miramar Misiones
023 000(12)
007 0000(6)
210 00(208)
00? 0000(?)
00? 0000(?)
Seleção nacional
Flag of Uruguay.svg Uruguai 011 000(10)

Atilio Ceferino García Pérez (Junín, 26 de agosto de 1914Montevidéu, 12 de dezembro de 1973) foi um futebolista argentino naturalizado uruguaio que jogava como atacante. É o segundo maior goleador do Campeonato Uruguaio com 208 gols em 210 partidas e o maior artilheiro da história do Nacional, com 486 gols.

Apelidado de Bigote, começou no club Moreno de sua cidade natal em 1935, e logo jogou no Platense e Boca Juniors. Em 1938, foi jogar no Uruguai, mais precisamente no Nacional, clube do qual é uma verdadeira lenda.

Recordes[editar | editar código-fonte]

  • Segundo maior goleador da história do Campeonato Uruguaio, com 208 gols.
  • Jogador que mais fez gol em uma temporada no futebol uruguaio: 52 gols em 1938
  • Maior goleador do clássico Nacional vs. Peñarol, com 34 gols
  • Em 1939, marcou quatro gols contra o Peñarol (récorde em clássicos) e todos de cabeça.
  • Durante os 13 anos que esteve no Nacional, disputou 449 partidas e marcou 486 gols, com um média de 1,08 gols por partida (um gol a cada 83 minutos).

Títulos[editar | editar código-fonte]

Nacional

Prêmios individuais[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Bandeira de ArgentinaSoccer icon Este artigo sobre um futebolista argentino é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.