Audio (álbum)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde novembro de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Audio
Álbum de estúdio de Blue Man Group[1]
Lançamento 7 de dezembro de 1999
Gravação 1999[1]
Gênero(s) Experimental, Rock
Duração 57:29
Gravadora(s) Virgin Records[1]
Produção Todd Perlmutter
Cronologia de Blue Man Group[1]
Último
Último
The Complex
(2003)
Próximo
Próximo

Audio é o álbum debut da banda de rock experimental estadunidense Blue Man Group. Lançado pela gravadora Virgin Records em 1999. Graças ao álbum, o grupo foi apenas nomeado para o Grammy Award for Best Pop Instrumental Performance.[1]

Críticas profissionais
Avaliações da crítica
Fonte Avaliação
Allmusic 4 de 5 estrelas.Star full.svgStar full.svgStar full.svgStar empty.svg [2]
Symbol unlikely.svg Esta tabela precisa de ser acompanhada por texto em prosa. Consulte o guia.

Faixas[editar | editar código-fonte]

  1. "TV Song" – 2:08[1]
  2. "Opening Mandelbrot" – 3:13
  3. "Synaesthetic" – 5:31
  4. "Utne Wire Man" – 3:18
  5. "Rods and Cones" – 5:57
  6. "Tension 2" – 2:05
  7. "Mandelgroove" – 5:49
  8. "PVC IV" – 4:23
  9. "Club Nowhere" – 4:50
  10. "Drumbone" – 2:44
  11. "Shadows" – 2:06
  12. "Cat Video" – 2:20
  13. "Klein Mandelbrot" – 8:03
  14. "Endless Column" – 5:02

Formação[editar | editar código-fonte]

Produzido por Todd Perlmutter, editado por Andrew Schneider, masterizado por Bob Ludwig, mixado por Mike Fraser.[3]

Phil Stanton é performista com os instrumentos musicais Air Poles, Extension Cord Bull Roarer e Ribbon Crasher; percussionista com Drumbone, Tubulum, Mid-octave Pvc, Backpack Tubulum e Dumpster; faz sons de bateria com o Utne, Drum Wall e Phil Drum; e toca também Cimbalom e o Timpani.

Matt Goldman é performista com os Air Poles e o Ribbon Crasher; percussionista com o Low Octave Pvc, Drumbone, Backpack Pvc e o Dumpster; toca o Cimbalom; faz sons de baixo com o Upside Down; sons de gongo com o Shaker; e sons de bateria com o Utne.

Chris Wink é performista com os Air Poles, percussionista com o Doppler Toms, Tubulum, Drumbone, High-octave Pvc, Dumpster, Backpack Tubulum e o Piano Smasher; toca o Cimbalom; sacudidor com Utne; faz sons de bateria com o Drum Wall'; e toca cuíca.

Outros músicos participam da gravação do álbum:

  • Jamie Edwards - Performista com os Air Poles nas faixas 1, 4 e 14
  • Larry Heinemann - Toca o Chapman Stick, faz sons de baixo, faz sons de violão com o Baritone e toca cuíca
  • Ian Pai - Sons de bateria com o Drum Wall e o Phil Drum, e faz percussão com o Aronophonic e o Quellum Grill
  • Chris Bowen - Faz sons de bateria com o Drum Wall na faixa 7
  • Clem Waldman - Faz sons de bateria com o Drum Wall na faixa 5
  • Cräg Rodriguez - Faz sons de bateria com o Drum Wall na faixa 7, é percussionista com o Dumpster na faixa 12
  • Jeff Quay - Faz sons de bateria com o Right Side Double Drum Kit nas faixas 2, 4, 7, 8, 12, 13 e 14. Toca também o Drum Wall nas faixas 5 e 13
  • Byron Estep - Faz sons de violão nas faixas 5, 7 e 9
  • John Kimbrough - Faz son de guitarra na faixa 7
  • Todd Perlmutter - É percussionista, faz sons de bateria com o Drum Kit, Left Side Double Drum Kit, Drum Wall, Toy Drum e o Phil Drum
  • Bradford Reed - Toca cítara nas faixas 2, 4, 8, 13 e 14
  • David Corter - Toca cítara nas faixas 8, 9, 12, 13
  • Elvis Lederer - Toca cítara nas faixa 1. Faz sons de cítara com o Pressaphonic nas faixa 5
  • Jens Fischer - Toca cítara nas faixas 2, 4, 6, 11, 13 e 14
  • Christian Dyas - Toca cítara e baixo, faz sons de guitarra com o 12 String e sons electrónicos com o Electric Dog Toy

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c d e Heather Phares. Review (em inglês). Visitado em 16 de Setembro de 2009.
  2. Avaliação no Allmusic
  3. Audio (Blue Man Group) (em inglês). Visitado em 16 de Setembro de 2009.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]