Augusto Álvaro da Silva

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Augusto Álvaro da Silva
Cardeal da Santa Igreja Romana
Arcebispo de Salvador
Primaz do Brasil

Título

Cardeal-presbítero de Santo Ângelo em Pescheria
Ordenação e nomeação
Ordenação presbiteral 5 de março de 1899
Ordenação episcopal 22 de outubro de 1911
Bispo de Floresta e Bispo de Barra
Nomeado arcebispo 17 de dezembro de 1924
Cardinalato
Criação 12 de janeiro de 1953 por Pio XII
Brasão
Coat of arms of Augusto Alvaro da Silva.svg
Lema PER CRUCEM AD LUCEM
Dados pessoais
Nascimento Flag of Empire of Brazil (1870-1889).svg Recife
8 de abril de 1876
Morte Brasil Salvador
14 de agosto de 1968 (92 anos)
Cardeais
Categoria:Hierarquia católica
Projeto Catolicismo

Dom Augusto Álvaro da Silva (Recife, 8 de abril de 1876Salvador, 14 de agosto de 1968) foi um cardeal brasileiro.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Nascido em Recife, estudou no Seminário Diocesano de Olinda, sendo ordenado padre em 5 de março de 1899. Eleito bispo de Floresta, diocese recém erecta, em 12 de maio de 1911, sendo consagrado em 22 de outubro, por Luís Raimundo da Silva Brito, arcebispo de Olinda, assistido por Francisco de Paula e Silva, CM, bispo de São Luís do Maranhão, e por Joaquim Antônio de Almeida, bispo de Natal. Foi transferido para a diocese de Barra do Rio Grande em 25 de junho de 1915. Promovido a sé metropolitana de São Salvador da Bahia em 18 de dezembro de 1924. Em agosto de 1935, recebeu o título de conde do papa Pio XI[1] e foi assistente no Trono Pontifício em 22 de fevereiro de 1936.

Foi criado cardeal-presbítero no consistório de 12 de janeiro de 1953, recebendo o barrete cardinalício e o título de Santo Ângelo em Pescheria, diaconia elevada pro illa vice a título em 15 de janeiro. Frequentou a Primeira Conferência Geral do Episcopado Latino-Americano, no Rio de Janeiro, entre 25 de julho e 4 de agosto de 1955. Frequentou o Concílio Vaticano II, entre 1962 e 1965.

Faleceu em 14 de agosto de 1968, em Salvador. Foi sepultado na Catedral-Basílica Primacial de São Salvador. Na sua morte, ele era o mais antigo membro do Colégio dos Cardeais.

Conclaves[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Subsídios para um Catálogo dos Títulos de Nobreza Concedidos pela Santa Sé aos Brasileiros - Colégio Brasileiro de Genealogia

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Precedido por
Ereção da Diocese
Brasão episcopal
Bispo de Floresta

1911 - 1915
Sucedido por
Dom José Antônio de Oliveira Lopes
Precedido por
Ereção da Diocese
Brasão episcopal
Bispo de Barra

1915 - 1924
Sucedido por
Dom Adalberto Accioli Sobral
Precedido por
Dom Jerônimo Tomé da Silva
Brasão arquiepiscopal
Arcebispo de Salvador

1924 - 1968
Sucedido por
Dom Eugênio Cardeal de Araújo Sales
Precedido por
Dom Pietro Cardeal Boetto, S.J.
Cardeal
Cardeal-presbítero de Santo Angelo em Pescheria

1953 - 1968
Sucedido por
Elio Cardeal Sgreccia