Automat (álbum)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Automat
LP de Romano Musumarra e Claudio Gizz
Lançamento 1978
Gênero(s) Música Eletrônica, Disco
Duração 33:52
Gravadora(s) Harvest Records
Produção EMI (Itália)


Automat é um álbum de música eletrônica instrumental cuja autoria e produção são dos músicos italianos Romano Musumarra e Claudio Gizzi, foi gravado entre novembro e dezembro de 1977 e lançado em 1978 pela EMI da Itália e sob o selo da Harvest Records.

Os temas foram executados com oMCS70, um sintetizador analógico monofônico desenhado, construído e programado pelo engenheiro italiano Mario Maggi. Luciano Toroni foi o engenheiro de som.

Faixas[editar | editar código-fonte]

Lado A (por Claudio Gizzi):

  • 01. Automat
(The) Rise
(The) Advance
(The) Genus

Lado B (por Romano Musumarra):

  • 02. Droid
  • 03. Ultraviolet
  • 04. Mecadence

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

  • O famoso músico francês Jean Michel Jarre foi a primeira pessoa a obter uma cópia de Automat. Jarre lançou seu primeiro álbum intitulado Oxygene durante a produção de Automat. Mario Maggi fez uma visita a Jean Michel Jarre em seu estúdio em Paris, intermediada por Claude Cavagnolo. Na ocasião Jarre entregou uma cópia autografada de Oxygene a Maggi e que em seguida lhe deu uma cópia de Automat.
  • O disco foi lançado somente na Itália e no Brasil.
  • Na contra-capa do disco além dos créditos da produção, havia também um pequeno texto enigmático:
In the beginning there was the "MACHINE"
the survival and the organization of the planet depend upon the "MACHINE"
the future and the past depend upon the "MACHINE"... the past?
but who wanted the "MACHINE" ?

Esse texto foi inserido pela EMI, sendo que os artistas não tem nenhuma relação com ele.

  • O tema "Droid" foi amplamente utilizado pela TV Globo em aberturas de jornais e vinhetas nos anos 80.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]