Avalancha

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Wikcionário
O Wikcionário possui o verbete avalanche.
Uma avalancha
Forte avalancha no Himalaia, próximo ao Monte Everest.

Uma avalancha, avalanche (do francês suíço AFI[a.va.lɑ̃ʃ]) ou alude é um fenômeno que se verifica quando uma massa acumulada de neve repentinamente se movimenta de forma rápida e violenta e se precipita em direção ao vale. Durante a descida, a massa carrega cada vez mais neve e pode arrastar árvores, rochas e construções humanas, atingindo até 160 quilômetros por hora. Este destacamento de massas de neve pode ser provocado por diversas causas, como a passagem de esquiadores, a ação de fortes ventos, propagação do som etc.

Proteção[editar | editar código-fonte]

A alta periculosidade das avalanchas faz com que em zonas de risco criem-se específicas unidades de prevenção, que observam e analisam as condições meteorológicas e da neve para avaliar o risco. Nos locais mais expostos, é necessário provocar o deslizamento controlado das massas de neve instáveis por meio de cargas explosivas. O sistema mais vulgar para diminuir os efeitos da avalanches é a colocação de barras metálicas dispostas verticalmente, para "partir" as massas de neve ou os muros de desvio [1] .

Para permitir a circulação do transito ferroviário e/ou automóvel, nas zonas de montanha utiliza-se as chamadas protecções para-avalanche se bem que a finalidade não seja a de as parar, mas sim as proteger da avalanche. São como que um "telhado", uma galeria aberta, que cobre a via e permite que a neve possa passar por cima sem portanto provocar a paragem do tráfego. Nas zonas onde as avalanches são frequentes fala-se de corredores de avalanche [1] .

Outros tipos[editar | editar código-fonte]

Por extensão de sentido, hoje uma avalancha pode também significar a rápida precipitação de rochas ou lama. No caso de avalancha de rochas, as causas normalmente são terremotos e pequenos abalos sísmicos. Já quando há uma avalancha de lama, esta pode ser causada pelo derretimento da neve e conseqüente mistura com a terra ou mesmo em encostas sem neve e atingida por fortes chuvas. De forma geral, as avalanchas de lama estão ligadas à erosão do terreno e desmatamento de bosques e matas nas zonas mais íngremes de montanhas e morros.

Em montanhas cobertas por manto nevoso, o risco de avalanchas é muito baixo em encostas com menos de 25 ou mais de 60 graus de inclinação. O risco maior se encontra em encostas com inclinação entre 35 e 45 graus, atigindo o mais alto risco com 38 graus. É justamente a esta inclinação que a prática do esqui se vê mais favorecida, levando a tragédias que ocorrem anualmente tanto no hemisfério Norte como no Sul.

Tabela europeia de risco de avalanchas[editar | editar código-fonte]

Na Europa, o risco de avalanchas é aferido utilizando-se a seguinte escala, adotada desde abril de 1993, substituindo esquemas anteriores não padronizados. Em maio de 2003 a tabela foi atualizada para aumentar sua uniformidade e precisão [2] .

Nível de risco Estabilidade da massa de neve Risco de avalancha
1 - Baixo A neve é muito estável. A ocorrência de avalanchas é muito improvável, exceto quando grandes massas caem em encostas extremas. Avalanchas espontâneas têm conseqüências menores, normalmente em segurança.
2 - Limitado Algumas encostas têm alguma instabilidade, enquanto que na maioria delas há estabilidade da massa de neve. Avalanchas podem ocorrer quando há uma forte precipitação ou abalo mecânico em uma zona específica. Grandes avalanchas espontâneas são muito raras.
3 - Médio Em algumas encostas a neve pode estar moderadamente instável. Avalanchas podem ocorrer em algumas encostas mesmo com leves precipitações de neve ou abalos mecânicos. Avalanchas de tamanho médio o ligeiramente grande podem ocorrer espontaneamente.
4 - Alto Na maioria das encostas a neve é instável. Avalanchas devem ocorrer mesmo com pequenas precipitações de neve ou abalos mecânicos. Em alguns lugares, avalanchas de tamanho médio e grande são esperadas.
5 - Altíssimo A neve é em sua generalidade instável. Até mesmo em encostas de pouca inclinação podem ocorrer avalanchas espontâneas.

Na Física[editar | editar código-fonte]

Na física é o processo ocorrente num gás em que há um campo elétrico, e que consiste na multiplicação do número de íons e elétrons formados num evento ionizante, graças aos choques inelásticos sucessivos dos íons acelerados pelo campo com as moléculas do gás.

Na Eletrônica[editar | editar código-fonte]

Em eletrônica, existe o fenômeno da avalanche térmica que é a autodestruição de componentes que ocorre devido ao aumento de uma corrente parasita chamada corrente de fuga, que descontrolada aumenta a temperatura do componente, e em função do aumento da temperatura, aumenta a corrente de fuga, formando um sistema autoalimentado até a autodestruição.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b Ver Galerie photos com "galerie paravalanche", "râteliers" e "murs déflecteurs"
  2. Tabela de risco de avalanche (em francês) - Jul. 2012
  • Avalanches (em francês) - Jul. 2012
  • Avalanches.fr do Ministère de l'Ecologie et du Développement Durable francês, é "o sítio web" sobre tudo que tem a ver com avalanches, como dados sobre avalanches nos Alpes franceses ou, e por departamento, sítios sensíveia avalanches provocado pela chuva.