Avião experimental

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Exemplos de aviões experimentais
Douglas X-3
Douglas X-3
XFV-12A
XFV-12A

Avião experimental é uma aeronave que não está certificada para uso regular, seja militar ou civil. Geralmente implica a pesquisa de aspectos relacionados com a atitude de voo e ou a experimentação de novas tecnologias aeroespaciais. Também designados como demonstradores de tecnologia, a sua construção destina-se especificamente a um único propósito, relacionado com um ou mais programas de pesquisa usualmente de carácter militar, ou patrocinados por agências governamentais.

Tipologia[editar | editar código-fonte]

Militar[editar | editar código-fonte]

Os aviões experimentais ditos militares, regra geral são demonstradores de tecnologia e ou aviões de pesquisa, proporcionando investigação que mais tarde se reflecte também nas aeronaves de uso exclusivamente civil. Está neste caso por exemplo a tecnologia fly-by-wire, usada e testada no cancelado Avro CF-105 Arrow[1] e actualmente padrão na aviação militar, comercial e executiva e também começa a ser usada nos helicópteros militares.[2]

Civil[editar | editar código-fonte]

Mais recentemente começaram também a ser designados como aviões experimentais, aqueles de construção amadora (não industrial), destinados ao voo de recreio e conhecidos como ultraleves.[3] No entanto precisam de ser homologados pela respectiva entidade nacional responsável e a sua construção está devidamente regulamentada, nomeadamente os seus requisitos mínimos e de voo, processo de fabricação e habilitação dos pilotos:

Nos Estados Unidos (na Austrália também) existem leis mais flexíveis sobre aviões experimentais do que nos restantes países, o que induziu uma grande quantidade de aviões de montagem caseira e ex-militares aptos a voar, regulados no entanto pela Federal Aviation Administration.[6]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Whitcomb, Randall L.. Cold War Tech War: Politics of America's Air Defense (em Inglês). Burlington, Ontario, Canada: Apogee Books, 2008. 134 pp. ISBN 1894959773
  2. Fernando Valduga. Tecnologia de controle fly-by-wire está sendo implantada em helicópteros Black Hawk do Exército dos EUA. Página visitada em Outubro 2011.
  3. ABRAEX. FAQ - aeronaves experimentais. Página visitada em Outubro 2011.
  4. Governo português (02 de Maio de 1990). Portaria n.º 332/90, de 02 de Maio de 1990. Página visitada em Outubro 2011.
  5. RBHA 103A, Veículos Ultraleves. Página visitada em Outubro 2011.
  6. FAA. Advisor Circular. 26 de Setembro de 2006. Página visitada em Outubro 2011.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Avião experimental
Ícone de esboço Este artigo sobre aviação, integrado ao Projeto Aviação, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.