Ayşe Kulin

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ayşe Kulin
Ayşe Kulin em uma livraria na Turquia.
Nacionalidade  Turquia
Data de nascimento 1941 (73 anos)

Ayşe Kulin (Istambul, 1941) é uma escritora e colunista turca.[1]

Kulin graduou-se em Literatura no Robert College, em Arnavutköy. Lançou uma coleção de pequenas histórias intitulada Güneşe Dön Yüzünü, em 1984. Um conto dessa coleção, chamado Gülizar, foi transformado no filme, que levou o título de Kırık Bebek, em 1986, cujo roteiro foi premiado pelo Ministério da Cultura da Turquia. Kulin trabalhou como roteirista, diretora de fotografia e produtora de inúmeros filmes, séries de televisão e comerciais. Em 1986, ganhou o Prêmio de Melhor Diretor de Fotografia da Associação de Roteiristas de Cinema por seu trabalho na série Ayaşlı ve Kiracıları.

Em 1996, publicou a biografia de Münir Nureddin Selçuk, intitulada Bir Tatlı Huzur. Com o conto chamado Foto Sabah Resimleri, ganhou o Prêmio Haldun Taner de Contos, no mesmo ano, e o Sait Faik Story Prize, no ano seguinte. Em 1997, foi escolhida como a "Escritora do ano" pela Faculdade de Comunicação de Istambul, por seu romance biográfico Adı Aylin. Ganhou o mesmo prêmio no ano seguinte, pelo conto Geniş Zamanlar. Em novembro de 1999, escreveu um romance chamado Sevdalinka, sobre a Guerra da Bósnia, e, em 2000, um romance biográfico denominado Füreyya. Em junho de 2001, lançou o romance Köprü, sobre dramas nas províncias orientais da Turquia e como eles compuseram a história recente do país.

Em maio de 2002, Kulin escreveu um romance chamado Nefes Nefes'e, que conta a história dos diplomatas turcos que salvaram a vida de judeus durante o Holocausto da Segunda Guerra Mundial.

Além de ter inúmeros de seus livros traduzidos para outras línguas e adaptados para o cinema, Ayşe Kulin é embaixadora honorária do UNICEF desde 2007 e vive, atualmente, em Istambul.[2]

Obras[editar | editar código-fonte]

  • Güneşe Dön Yüzünü, 1984.
  • Bir Tatlı Huzur 1996.
  • Adı: Aylin, 1997.
  • Geniş Zamanlar, 1998.
  • Foto Sabah Resimleri, 1998.
  • Sevdalinka, 1999.
  • Füreya, 2000
  • Güneşe Dön Yüzünü, 2000.
  • Köprü, 2001. .
  • Nefes Nefese, 2002.
  • İçimde Kızıl Bir Gül Gibi, 2002.
  • Babama, 2002.
  • Kardelenler, 2004.
  • Gece Sesleri, 2004.
  • Bir Gün, 2005..
  • Bir Varmış Bir Yokmuş, 2007
  • Veda , 2008
  • Sit Nene`nin Masalları,2008
  • Umut, 2008
  • Taş Duvar Açık Pencere, 2009
  • Türkan, 2009

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Opinion: A Morning with Erdogan (on Kurds and More). Página visitada em 8 de janeiro de 2011.
  2. Ayşe Kulin (Turkey) (em inglês) Internationales Literaturfestival, Berlin. Página visitada em 11 de janeiro de 2011.


Ícone de esboço Este artigo sobre a biografia de um(a) escritor(a), poeta ou poetisa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.