Azul da prússia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Prussian blue
Alerta sobre risco à saúde
Prussian blue.jpg
Fe(II)(CN)6.svg
Nome IUPAC Iron(II,III) hexacyanoferrate(II,III)
Outros nomes Ferrocianeto férrico, ferrocianeto de ferro(III), hexacianoferrato(II) de ferro(III), hexacianoferrato férrico (em alemão: Preußischblau e Berliner Blau), azul de berlim, azul de paris.
Identificadores
Número CAS 14038-43-8
Número RTECS V03AB31
Código ATC V03AB31
Propriedades
Fórmula molecular Fe4[Fe(CN)6]3
Massa molar 859.23 g/mol
Aparência Sólido azul.
Densidade 1,9 g·cm-3[1]
Ponto de fusão

Decompõe-se >140 °C[1]

Solubilidade em água insolúvel[1]
Riscos associados
MSDS MSDS prussian blue
Índice UE Não listado.
Frases R -
Frases S S24/25
Ponto de fulgor Não inflamável.
LD50 > 8000 mg·kg?1 (Camundongo, per os)[2]
Compostos relacionados
Compostos relacionados Ferrocianeto de sódio
Ferrocianeto de potássio
Ferricianeto de potássio
Exceto onde denotado, os dados referem-se a
materiais sob condições normais de temperatura e pressão

Referências e avisos gerais sobre esta caixa.
Alerta sobre risco à saúde.
Azul Prússia
Coordenadas espectrais
Comprimento de onda 590–620 nm
Frequência 505–480 THz
Coordenadas de cor
Tripleto hexadecimal #003153
sRGB (r, g, b) (0, 49, 83)
CMYK (c, m, y, k) (63, 35, 14, 72)
HSV (h, s, v) (205.º, 100%, 33%)

O azul da prússia ou azul prussiano (em alemão: Preußisch Blau ou Berliner Blau - azul berlinês) é um pigmento de cor azul escura muito empregado em pintura, tingimento de tecidos e no processo de impressão fotográfica de plantas conhecido como blueprint. Sua produção, no entanto, pode vazar cianeto.[3]

Possui diversos nomes químicos, alguns deles são: ferrocianeto de ferro (III), ferrocianeto férrico, hexacianoferrato (II) de ferro (III), e hexacianoferrato férrico. É muito comum que se denomine abreviadamente como PB.[4] Possui uma fórmula abreviada como: Fe7N18C18.

História[editar | editar código-fonte]

Um exemplo da coloração azul da prússia

O azul da prússia foi descoberto por acidente.[5] Em 1704, em Berlim, o químico e pintor Heinrich Diesbach tentava produzir um pigmento vermelho, mas devido ao uso de uma porção impura de carbonato de potássio o pigmento tornou-se azul.[6]

A porção contaminada foi cedida da Diesbach por Johann Conrad Dippel. Ambos trabalharam mais na receita do pigmento azul e se mudaram para Paris, onde produziram o pigmento sobre o nome de azul parisiense. A receita era um segredo de negócio, mas em 1724 tornou-se conhecida. Químicos ingleses passaram a produzir o produto e vendê-lo sob o nome de Prussian blue, isto é, "azul da Prússia"[6] por ser o colorante empregado no tingimento dos tecidos dos uniformes militares prussianos.[7]

Produção[editar | editar código-fonte]

PB, tal como usado em tintas, é preparado por adição de uma solução contendo cloreto de ferro (III) a uma solução de ferrocianeto de potássio. Durante o curso da adição, a reação é visível e a solução muda de cor imediatamente para a tonalidade característica do PB.

  • Uma metodologia laboratorial de produção de azul da prússia.
Colocar em um tubo de ensaio ou noutro recipiente de vidro adequado, solução de cloreto férrico em água (por exemplo, a 10% em peso), e adicionar igual quantidade de ferrocianeto de potássio dissolvido em água. Filtrar em papel de filtro, lavar com água destilada e colocar numa estufa para secar.

Na Cultura Popular[editar | editar código-fonte]

A banda nazi-teen Prussian Blue adotou este nome, segundo algumas versões, baseada em negadores do Holocausto, que se justificam pela ausência deste pigmento nas câmaras de gás nazistas.

Referências

  1. a b c Registo de Eisen(III)-hexacyanoferrat(II) na Base de Dados de Substâncias GESTIS do IFA, accessado em 2 de Setembro de 2007
  2. (en) « Azul da prússia » em ChemIDplus
  3. Terra: "Acidente" leva químico a produzir um novo tom de azul
  4. Dunbar, K. R. and Heintz, R. A., "Chemistry of Transition Metal Cyanide Compounds: Modern Perspectives", Progress in Inorganic Chemistry, 1997, 45, 283-391.
  5. The Accidental Discovery of Prussian Blue - painting.about.com (em inglês)
  6. a b Parisian or Prussian Blue - Historical Paint for Miniatures (HTML) (em inglês). Visitado em 29 de fevereiro de 2008.
  7. Military Miniatures Magazine
Ícone de esboço Este artigo sobre cor é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ícone de esboço Este artigo sobre um composto inorgânico é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.