Bagel

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes confiáveis e independentes (desde julho de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Um bagel.

O bagel é um produto de pão tradicionalmente feito de massa de farinha de trigo fermentada, na forma de um anel, feito sob-medida à mão e que primeiro é fervido em água e depois assado. O resultado é um interior denso, elástico e meio-cru com um exterior acastanhado e às vezes estaladiço. Os bagels são muitas vezes cobertos com sementes, cozidas sobre a crosta do pão, sendo as mais tradicionais as sementes de sésamo ou papoila. Alguns têm sal salpicado.[1]

O bagel é um pão popular nos Estados Unidos, Canadá e Reino Unido especialmente em cidades com grandes populações judaicas, como Nova York, Montreal, Toronto e Londres, cada uma com a sua maneira diferente de fazer o bagel.[1] É tipicamente consumido ao pequeno-almoço, partido ao meio transversalmente, torrado e servido com queijo-creme.

Os bagels distinguem-se dos doughnuts (ou donuts) que têm a mesma forma por estes serem fritos.

Os bubliks russos são muito semelhantes aos bagels, sendo um pouco maiores e têm um buraco mais largo, e são mais secos. Os pretzels, especialmente os grandes e macios, parecem-se também muito aos bagels.[1] As excepções principais são a forma e o banho de água alcalina que faz a sua superfície escura e brilhante.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Bagel