Baidu

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa


Baidu
百度
Fundação 2000
Sede Pequim,  China
Pessoas-chave Robin Li, Presidente e CEO
Shawn Wang, CFO
David Zhu, COO
Empregados 20.000 (2013)
Facturação Green up.png 109,357 milhões (2006)
Página oficial br.baidu.com
Baidu
百度
Página inicial em chinês
Requer pagamento? Não
Gênero motor de busca
País de origem  China
Idiomas Multilíngue
Posição no Alexa Estável 5º (setembro de 2012)[1]
Proprietário Baidu, Inc.
Página oficial br.baidu.com

A Baidu (Chinês: 百度; Pinyin: Bǎidù) é o terceiro maior motor de busca do mundo e o dominante na República Popular da China, ultrapassando inclusive o Google e o Yahoo!. Detém também, entre outros serviços, o Baidu Baike (que ultrapassa o número de artigos de todas as Wikipédias existentes, excepto a anglófona).

Em Setembro de 2007, ficou em 18º lugar nos rakings da Alexa[2] . Em Dezembro de 2007, as suas acções começaram a negociar na NASDAQ, no índice NASDAQ-100.[3] Esta foi a primeira empresa tecnológica chinesa a registar-se neste índice.

A Baidu oferece um índice de mais de 740 milhões de páginas, 80 milhões de imagens e 10 milhões de ficheiros multimédia.[4]

Em maio de 2011 lançou um serviço de busca de música licenciada, o Baidu. O serviço permite que os usuários transmitam, baixem e criem acervos de música licenciada, e terá também recursos de rede social[5] .

Em 09/10/2014 a Baidu, empresa chinesa, compra o site brasileiro Peixe Urbano. [6] [7]

Etimologia[editar | editar código-fonte]

O nome Baidu originou-se do poema homónimo de Xin Qiji, escrito durante a Dinastia Song.[8]

Serviços e Produtos[editar | editar código-fonte]

A Baidu começou com um motor de busca para música chamado MP3 Search e o seu Baidu 500 (um ranking da Baidu baseado no número de downloads de uma música). Consegue encontrar músicas em formatos como MP3, WMA e SWF. A ferramenta é utilizada principalmente para pesquisas de Música Pop Chinesa. Quando tais músicas estão protegidas sob a lei chinesa de Copyright, a Baidu diz não estar a violar quaisquer leis, conforme a sua interpretação apresentada no site.

O governo chinês e outras fontes afirmam que a Baidu teria recebido autorização para fazer no seu site um canal de notícias. A Baidu diz ter o seu canal de notícias quase pronto a ser publicado. O Baidu é o primeiro motor de busca chinês a receber tal licença.[9]

  • O MP3 Search da Baidu recebeu críticas do Gabinete do Comércio Externo dos EUA por afirmar que o Baidu, como o maior de uns estimados sete ou oito motores de busca de MP3 criados na China, oferece links para fazer download dos arquivos ou para download em streaming.[10]
  • Baidu Antivirus é um software antivírus gratuito.

Carro e bicicleta de condução autônomos[editar | editar código-fonte]

A Baidu anunciou que vai lançar muito em breve um automóvel com condução autônoma para fazer frente ao surpreendente carro que guia sozinho da Google. Este carro, de concessão e fabrico chinês, utilizará um sofisticado sistema de radares, lasers, câmaras e GPS para se orientar. Os testes terão início antes do final do ano, altura em que a empresa prevê lançar uma bicicleta que conduz sozinha.[11]

Censura[editar | editar código-fonte]

Em conformidade com a política chinesa de censura, o motor de busca da Baidu filtra material controverso dos seus resultados de pesquisa. Isto não se aplica ao portal da Baidu no Japão, que desvia 60% do seu tráfego antes de chegar à China continental.[carece de fontes?]


Notas e referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]