Baleia-branca

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaBeluga
Dl-8 beluga.jpg

Estado de conservação
Status iucn3.1 VU pt.svg
Vulnerável
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Mammalia
Ordem: Cetacea
Subordem: Odontoceti
Família: Monodontidae
Género: Delphinapterus
Lacépède, 1804
Espécie: D. leucas
Nome binomial
Delphinapterus leucas
(Pallas, 1776)
Distribuição geográfica
Cetacea range map Beluga.png
belugas bricalhonas

A beluga ou baleia-branca (Delphinapterus leucas) é um mamífero cetáceo da família Monodontidae. O seu parente mais próximo, no grupo dos cetáceos é o narval. A baleia branca habita as águas frias em torno do círculo polar ártico.

São caçadores oportunistas, e comem uma grande variedade de peixes, lulas, crustáceos e polvos.

A baleia-branca é um animal gregário que mede até 5 metros de comprimento e pesa até 1,5 toneladas. Tem entre 8 a 10 dentes em cada maxilar.

Esse belo exemplar de animal é capaz de conviver com humanos e mesmo assimilar seus hábitos se adotado ainda filhote.

Vivem entre 25 a 30 anos e as fêmeas têm no máximo cerca de oito filhotes durante a sua vida. As baleias brancas possuem dimorfismo sexual. Os machos possuem um corpo mais alongado do que o das fêmeas. As fêmeas pesam de 1,4 toneladas a 1,6 toneladas já os machos pesam de 1,7 toneladas há até 1,9 toneladas. Esses animais são bastante inteligentes, sendo capazes de se comunicar entre si através de sons agudos ou por sinais. Apesar de serem chamados de baleias, pertencem à família dos golfinhos. As baleias beluga são animais sociais que vivem em grupo de 30 a 100 indivíduos. Elas caçam as suas presas em grupo e geralmente são bem sucedidas, tendo um percentual de acerto de 76,4%, ou seja, quase sempre conseguindo obter o seu alimento. As baleias beluga não possuem nadadeira dorsal. São capazes de atingir velocidades de 55 km/h e podem mergulhar a profundidades de 425 m. As baleias beluga usam a ecoacolização para encontrar os seus alimentos ou para vagarem pelo oceano sem se perder. Esses animais vivem nas águas geladas do Oceano Ártico. Atualmente existem cerca de 150.193 baleias beluga vagando pelos oceanos, número este que chegava à casa dos milhões anteriormente. Muitas delas foram caçadas por causa de sua carne e de gordura para fazer óleo. Essa matança fez com que a população de baleias caísse de 1,5 milhão para 153.000 indivíduos. Por causa disso proibiu-se a caça de baleias beluga. Entretanto, ainda é permitido a povos do Ártico caçar essas baleias, com base na tradição de pertencerem a grupos de povos antigos. Devido a isso, ainda há muita matança de baleias beluga no Ártico, o que ainda pode colocar a espécie em risco de extinção.

Nome[editar | editar código-fonte]

O Livro Vermelho das Espécies Ameaçadas considera tanto o nome baleia branca como beluga como nomes desta espécie. Esta baleia também é chamada canário dos mares (em inglês, sea canary) por causa de seus assobios e cantos.

Curiosidade[editar | editar código-fonte]

Em um estudo realizado por um grupo de cientistas americanos na Fundação Nacional de Mamíferos Marítimos em San Diego, na Califórnia, descobriu-se que as baleias brancas ou belugas são capazes de imitar a voz humana. Esses mamíferos possuem grande inteligência. Durante o experimento, as belugas foram capazes de imitar a voz dos seres humanos sem mesmo terem sido ensinadas a falar a sua língua. Além de inteligentes, são muito brincalhonas, e, na natureza, brincam com restos de animais mortos (presas etc.). Já houve um caso de belugas terem salvado a vida de uma mergulhadora que estava se afogando devido a problemas técnicos com seu tubo de oxigênio, ao pegá-la pela boca e levá-la à superfície. Isso mostra que as belugas demostram emoção não só com elas como também com outros seres que estão à sua volta.

Características: as belugas medem cerca de 5 m de comprimento. Porém, como ocorre um dimorfismo sexual, os machos tendem a ser maiores do que as fêmeas, atingindo entre 5,7 m e 6 m e pesando entre 1,7 e 2 toneladas. Já as fêmeas são menores que os machos, medindo de 4,5m a 5,6m e pesando somente de 1,3 a 1, 5 tonelada. Esses animais possuem pelagem totalmente branca, porém, quando filhotes, nascem com uma pele negra que vai se embranquecendo à medida que o animal cresce. As belugas possuem uma espessa camada de gordura que as protege das águas geladas do Oceano Ártico. Elas possuem pele lisa e áspera e não possuem nenhum pelo. As belugas não possuem nadadeira dorsal. Possuem uma fileira de 55 dentes utilizados em sua alimentação para capturar lulas, peixes e crustáceos.