Bandeira de Blumenau

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Bandeira do município de Blumenau
Bandeira do município de Blumenau
Aplicação
FIAV 110000.svgFIAV normal.svg
Proporção 7:10
Cores
  Branco
  Vermelho
  Amarelo

A bandeira municipal de Blumenau foi instituída pela Lei no 1.287, de 20 de novembro de 1964 que, juntamente com o brasão municipal adotado pela Lei nº 19, de 1º de junho de 1948, passou a ser um dos símbolos do Município.

A Bandeira consiste em campo de quatro listras vermelhas e três brancas, em sentido horizontal, tendo ao centro, sobreposto a uma esfera amarela, o brasão do Município, em suas cores oficiais.

É este o significado das cores vermelha, branca e amarela: são as cores das fitas e laços com que, em 1865, as mulheres blumenauenses enfeitaram a bandeira imperial que os 56 voluntários, que Blumenau mandou aos campos do Paraguai, levaram consigo para o teatro das lutas, em defesa da honra, do brio e da dignidade do Brasil.

O brasão ao meio do círculo amarelo compõe-se de dois tenentes, como são chamadas as figuras que suportam o escudo, representando o fundador do município Dr. Hermann Bruno Otto Blumenau e um machadeiro representando os colonos que aqui chegaram com Dr. Blumenau. O escudo em si é divido em seis partes (representando os Estados alemães que trouxeram um maior contingente de emigrações), com o acréscimo de um escudete no centro, que representa o Cruzeiro do Sul e um campos de flores à margem de um rio branco (no caso, o Rio Itajaí-Açu). Abaixo do escudo, há uma faixa em azul com a inscrição: Pro Sancta Catharina Et Brasilia ("Por Santa Catarina e Pelo Brasil"). Atrás da faixa, uma roda dentada de engrenagem de ferro, representando a grande indústria blumenauense que cresce no parque industrial brasileiro.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre vexilologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.