Bandeirantismo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes confiáveis e independentes. (desde fevereiro de 2011). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Organização Escoteira
Scouting
Dados da Organização WikiProject Scouting fleur-de-lis transparent.png
Nome Movimento Bandeirante
País 147 países
Sede Londres, Inglaterra
Data de Fundação 1909
Local de Fundação Inglaterra
Fundador Baden-Powell
Membros 10 milhões
Scouting
O Bandeirantismo é um alegre e grande jogo ao ar livre, com o qual os jovens e os adultos conservam o espírito juvenil e podem entregar-se em grupo ao prazer da aventura (...) adquirindo saúde e alegria, conhecimentos práticos e aptidões para ir avante em qualquer circunstância.

Bandeirantismo ou guidismo(Em Portugal), é um movimento educacional que tem como missão de ajudar crianças e jovens a alcançarem o ápice do seu pontencial como responsáveis cidadãos do mundo, uma organização apolítica, sem fins lucrativos, com a participação de adultos voluntários, vivência do Código e da Promessa Bandeirantes, convivência e trabalho em equipe, aprender fazendo, auto-progressão, vida ao ar livre, expressão e simbolismo, convivência entre jovens e adultos e serviço na comunidade.

Promessa[editar | editar código-fonte]

O ato de se comprometer com a promessa, é um incentivo ao auto-desenvolvimento, fazendo com que o jovem e o adulto voluntário se torne cada vez mais integro.

Promessa Bandeirante: Prometo, sob a minha palavra de honra,
Que farei o melhor possível para:
Ser leal a Deus e à minha Pátria,
Ajudar o próximo em todas as ocasiões e
Obedecer ao Código Bandeirante.

E para os pequenos, há a Promessa da Fada e do Mago, uma promessa especial para o ramo Ciranda: Promessa da Fada e do Mago: Prometo esforça-me sempre para: 1. Ser amigo(a) de Deus e da minha Pátria, obedecendo às leis da Fada e do Mago 2. Fazer todos os dias uma Boa Ação a alguém.

Código[editar | editar código-fonte]

O Código é o guia de conduta, nele contém os valores institucionais. Os códigos retêm os princípios morais, a postura em relação à sociedade e consigo mesmo.

Ser Bandeirante
  1. É merecer confiança
  2. É ser leal e respeitar a verdade
  3. É servir ao próximo em todas as ocasiões
  4. É valorizar a estima e a amizade
  5. É ser amável e cortês
  6. É ver Deus na Criação e preservar a natureza
  7. É saber obedecer
  8. É enfrentar alegremente todas as dificuldades
  9. É usar os recursos com sabedoria
  10. É agir, pensar e ser coerente com os valores éticos.

No Brasil[editar | editar código-fonte]

A 30 de maio de 1919 foi realizada a primeira reunião para divulgar a carta de 'Lady Baden-Powell. A reunião foi realizada na residência da Srª Adele Lynch e contou com a presença de vários membros da sociedade carioca, entre estas Srª Eugenio de Barros, May Mackenzie, Clara Santos, Jerônima Mesquita. Esta última recebeu a responsabilidade de preparar moças e líderes para desenvolver o Bandeirantismo no Brasil.

D. Jerônima Mesquita era mulher de grande presença na sociedade pelos trabalhos como enfermeira na Primeira Guerra Mundial e por acreditar que a mulher deveria ter um papel mais atuante na sociedade.

Com a liderança de D. Jerônima Mesquita foi iniciada a preparação das 11 primeiras "chefes" das Girl Guides, que fizeram a promessa no dia 13 de agosto, na residência de Lady Mackenzie, na Av. Atlântica, RJ.

Em 1920, como o movimento iniciava um processo de expansão, buscou-se uma denominação em português, e Jonathas Serrano, professor, sugeriu o nome de Bandeirantes, por lembrar os desbravadores das terras brasileiras. A partir desta data o Movimento Bandeirante foi se organizando e se estendendo por todo o país.

No início da década de 1960, perdeu a exclusividade da condução do guidismo brasileiro em virtude da implementação do programa de co-educação mista elaborado pela UEB - União dos Escoteiros do Brasil. A partir dali meninos poderiam participar do movimento bandeirante, assim como meninas poderiam ser escoteiras, diferenciando-se da separação de gênero que ocorre em outros lugares do mundo.

Datas de Fundação das Regiões no Brasil[editar | editar código-fonte]

  • 1919: Rio de Janeiro
  • 1933: Bahia, Espírito Santo
  • 1934: Pará
  • 1937: Minas Gerais (hoje em recesso)
  • 1942: Ceará, São Paulo
  • 1944: Rio Grande do Sul
  • 1946: Amapá (hoje em recesso)
  • 1949: Amazonas, Pernambuco
  • 1950: Paraná, Santa Catarina
  • 1951: Paraíba
  • 1953: Alagoas
  • 1955: Rio Grande do Norte
  • 1958: Piauí (hoje em recesso)
  • 1959: Maranhão
  • 1961: Brasília
  • 1965: Sergipe, Mato Grosso (hoje em recesso)
  • 1966: Roraima

Programa Bandeirante[editar | editar código-fonte]

O programa bandeirante tem como base 6 pilares:

1.Conhecimentos bandeirantes e desenvolvimento de habilidades;
Desenvolver as habilidades físicas, mentais e a espiritualidade, através dos ensinamentos bandeirantes.
2.Cultura e atualidades;
Incentivar o conhecimento de novas culturas, estabelecer um senso crítico, e proporcionar um desenvolvimento criativo.
3.Saúde e proteção ao meio ambiente;
Elucidar aspectos saudáveis, hábitos saudáveis, aos jovens. E criar responsabilidade sobre os elementos naturais.
4.Serviço comunitário;
Estimular a participação do bandeirante nas atividades sociais, incentivando a integração social, e a assimilação dos princípios sociais.
5.Convivência e amizade;
Incentivo a vida social, a interação social, promovendo a fraternidade e a ampliação das relações de amizade.
6.Cidadania.
Mostrar ao jovem os seus deveres direitos, estimular a coletividade, o respeito para com o próximo, com as crenças...

Para o cumprimento do programa os jovens são divididos por faixas etárias, onde as atividades são direcionadas.

Faixas etárias:

5 a 9 anos - Fadas e Magos

10 a 12 anos - B1

13 a 15 anos - B2

16 a 20 anos - Guias

19 a 21 anos - Guias Auxiliares

22> - Coordenadores

Veja também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]