Barbara Hershey

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Barbara Hershey
2010
Nome completo Barbara Lynn Herzstein
Nascimento 5 de fevereiro de 1948 (66 anos)
Hollywood,  Estados Unidos
Ocupação atriz
Cônjuge Stephen Douglas (1992-1993)
Emmy Awards
Melhor Atriz numa Minissérie ou Filme
1990 A Killing in a Small Town
Prêmios Globo de Ouro
Melhor Atriz - Minissérie ou Tele-Filme
1991 A Killing in a Small Town
Festival de Cannes
Melhor Interpretação Feminina
1987 Shy People
1988 A World Apart
IMDb: (inglês)

Barbara Hershey (Hollywood, 5 de fevereiro de 1948) é uma atriz de cinema e televisão americana, indicada ao Oscar de melhor atriz (coadjuvante/secundária) por seu papel em Portrait of a Lady, e vencedora do Emmy de melhor atriz por Killing in a Small Town, além do prêmio de melhor atriz no Festival de Cannes por Shy People.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Nascida Barbara Lynn Herzstein em Hollywood, Califórnia, Hershey era filha de Arnold Nathan Herzstein, um colunista sobre corrida de cavalos e ator amador, judeu, e uma presbiterianista do Arkansas de origem irlandesa.[1] [2] [3] Frequentou a Hollywood High School, e viveu com o ator David Carradine entre os anos de 1969 e 1975, com quem foi um símbolo de destaque na contracultura de Hollywood da época; tiveram um filho, a quem chamaram de Free ("Livre"; posteriormente o nome foi alterado para Tom). Hershey se casou mais tarde com Stephen Douglas, um artista, entre 1992 e 1993, e em 2008 mantinha um relacionamento conturbado com o ator Naveen Andrews.[4]

Carreira[editar | editar código-fonte]

A estreia de Hershey como atriz veio em três episódios da série Gidget, de 1965, após a qual ela foi escalada para outra série, The Monroes (1966), juntamente com Michael Anderson, Jr.. Em 1967 fez uma aparição como convidada na série western de Fess Parker, Daniel Boone, grande sucesso da época na rede NBC (no episódio "The Kings Shilling").

O filme de estreia de Barbara Hershey foi a comédia With Six You Get Eggroll, de 1968, que ficou marcado como a última aparição de Doris Day no cinema. No ano seguinte Hershey participou do western Heaven with a Gun, de Glenn Ford, onde um dos seus companheiros de cena foi o futuro astro de Kung Fu, David Carradine.

No mesmo ano participou do drama Last Summer, baseado no romance de Evan Hunter, e dirigido por Frank Perry. O filme recebeu a classificação X (X-rating) por uma cena gráfica de estupro que deu uma indicação de melhor atriz (coadjuvante/secundária) à co-estrela do filme, Catherine Burns. Durante a filmagem de uma cena para o filme uma gaivota (em inglês: seagull) foi morta, e Hershey afirmou ter sentido uma responsabilidade profunda pela sua morte, chegando mesmo a adotar o nome de Barbara Seagull profissionalmente por diversos anos, no início da década de 1970, como um tributo ao animal.

O seu filme de 1970, The Baby Maker, explorou a ideia da barriga de aluguel muitos anos dela ter se tornado uma opção reprodutiva conhecida, e reforçou sua imagem de hippie liberal - imagem que lhe ajudou a conseguir o papel principal em Boxcar Bertha, produção de Roger Corman de 1972, dirigida com um orçamento baixíssimo, de maneira típica das produções de Corman, por um estudante de cinema recém-formado, Martin Scorsese. Durante as filmagens Hershey deu a Scorsese uma cópia de seu livro favorito, A Última Tentação de Cristo, do escritor grego Nikos Kazantzakis; adaptar este livro para um filme tornou-se uma obsessão pelos 16 anos seguintes, e eventualmente a própria Barbara Hershey seria chamada para desempenhar o papel de Maria Madalena - embora Scorsese tenha exigido que ela passasse por uma audição, como todas as outras candidatas. O companheiro de cena de Hershey em Boxcar Bertha foi novamente David Carradine; no filme eles têm uma cena de sexo ousada, que se passa num vagão cheio de feno, e que ambos reencenaram anos depois para um ensaio da revista Playboy.

Em 1974 ela co-estrelou um episódio em duas partes da série de televisão Kung Fu, cujo astro principal era então seu namorado, David Carradine (Besieged: Death On A Cold Mountain, 3ª temporada, episódios 10 & 11). Nela, Hershey fazia um interesse amoroso do personagem de Carradine, Kwai Chang Caine, durante seu tempo num templo budista.

Em 1976 Hershey estrelou, ao lado de Charlton Heston, o filme The Last Hard Men. No entanto, o rótulo de hippie logo passou a se transformar num bloqueio em sua carreira, e ao fim da década ela aparecia somente em filmes feitos diretamente para a televisão, como Flood! e Sunshine Christmas. Porém seu trabalho em The Stunt Man, filme de 1980 do diretor Richard Rush - sua primeira aparição no cinema em quatro anos - deu início a um renascimento gradual de sua carreira.

Seu papel no filme de terror The Entity, the 1981, de uma mulher que é estuprada repetidamente por uma força sobrenatural invisível, impressionou positivamente Michael Douglas, que, uma década mais tarde, lutou para tê-la no elenco como sua esposa separada em Falling Down. Hershey também fez o papel da atriz Lili Damita, primeira esposa de Errol Flynn, no filme televisivo My Wicked, Wicked Ways, de 1985, baseado na autobiografia do próprio Flynn.

Hershey teve um papel pequeno, porém memorável, como uma mulher louca que seduz e acaba por balear o personagem de Robert Redford no filme The Natural, de 1984, e foi chamada por Woody Allen para estrelar em seu grande sucesso comercial, Hannah and Her Sisters (Hannah e Suas Irmãs). Ganhou visibilidade crescente, com papéis como o de Glennis Yeager, esposa do piloto de testes Chuck Yeager, no filme The Right Stuff, de 1983, dirigido por Philip Kaufman, e como o interesse amoroso de Gene Hackman no filme sobre basquete, Hoosiers. Hershey seguiu o sucesso comercial de Hannah and Her Sisters com uma vitória sem precedentes no Festival de Cannes, como melhor atriz por seus trabalhos em Shy People e A World Apart.

Ao preparar-se para o seu papel no melodrama da cantora Bette Midler, Beaches, de 1988, Hershey injetou colágeno em seus lábios, uma atitude que lhe trouxe uma cobertura negativa da imprensa. Em 1990 ganhou um Emmy de Melhor Atriz (coadjuvante/secundária) numa Minissérie ou Especial por seu trabalho como a assassina Candy Morrison, em A Killing in a Small Town. Ao longo da década de 1990 fez apenas filmes independentes, e trabalhou em projetos televisivos.

Como Madame Merle na adaptação de Jane Campion, feita em 1996, do romance de Henry James, The Portrait of a Lady, Hershey foi indicada ao Oscar, e venceu o prêmio de Melhor Atriz (coadjuvante/secundária) da National Society of Film Critics ("Sociedade Nacional de Críticos de Cinema'"). Em 1999 Hershey estrelou Drowning on Dry Land, com Naveen Andrews; em 2001 Hershey integrou um elenco formado em grande parte por australianos, escalados para o filme de mistério Lantana, que também contou com Kerry Armstrong, Anthony LaPaglia e Geoffrey Rush.

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Prêmios[editar | editar código-fonte]

Indicações

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]