Barotze

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Barotse)
Ir para: navegação, pesquisa

Barotze, Barotse, Rotse ou, aportuguesando, Baroce,[1] foi um império que se constituiu na África Central, no território da actual Zâmbia, no último quartel do século XIX, sob o domínio do imperador Levanica, com o apoio dos britânicos e das respectivas companhias majestáticas a operar na África Oriental e do Sul[2] . Após ser transformado num protectorado britânico, aquele território deu origem à Barotseland (ou Barotzelândia) uma entidade política que acabaria por ser integrada na Zâmbia como uma das suas províncias (a actual Western Province ou Província Ocidental).

A existência desta entidade política, e principalmente as rivalidades coloniais anglo-lusas deram origem à chamada Questão do Barotze, referente ao estabelecimento das fronteiras de Angola nos limites ocidentais do território de Barotze. O assunto foi sujeito à arbitragem de Vítor Emanuel III da Itália, a partir do malogrado Tratado de 20 de Agosto de 1890, celebrado entre Portugal e a Grã-Bretanha na sequência do Ultimato Britânico de 1890.

Notas

  1. Fernandes, Ivo Xavier. Topónimos e Gentílicos. Porto: Editora Educação Nacional, Lda., 1941. vol. I.
  2. Eduardo dos Santos, A Questão do Barotze. Lisboa : Instituto de Investigação Científica Tropical, 1986 (ISBN/ISSN: 972-672-231-4).
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Barotze