Basílica de São João dos Florentinos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Fachada.

A Basílica de São João dos Florentinos (San Giovanni dei Fiorentini) é um igreja católica da cidade de Roma, na Itália.

O projeto inicial foi elaborado em 1518 por Jacopo Sansovino, mas até 1527 as obras ainda não haviam passado dos alicerces devido a vários problemas técnicos. Em 1559 Michelangelo foi chamado para rever o plano, e ofereceu uma planta de uma igreja centralizada, que não foi adotado. Somente a partir da intervenção de Giacomo della Porta, entre 1583-1602, a igreja foi de fato erguida, mas não foi acabada senão em 1734, com uma reforma de Alessandro Galilei. Seu interior é adornado com inúmeras obras de arte, de mestres como Antonio Raggi, Michel Anguier, Ercole Ferrata, Giovanni Lanfranco, Francesco Borromini, Salvator Rosa, Alessandro Algardi, Ferdinando Fuga e Bernini.

Referências[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este(a) artigo sobre capela, igreja ou catedral é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.