Basílio de Ancira

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa


São Basílio de Ancira
Martírio de São Basílio
Iluminura do Menológio de Basílio II.
Bispo de Ancira, Mártir
Morte 26 de junho de 362 em Ancira, atual Ancara, na Turquia
Veneração por Igreja Católica
Igreja Ortodoxa
Festa litúrgica 22 de março na Igreja Ortodoxa
1 de janeiro na Igreja Católica
Gloriole.svg Portal dos Santos

São Basílio de Ancira foi um padre, bispo e mártir cristão em Ancira, Galácia (atual Ankara, Turquia).[1]

Vida e obra[editar | editar código-fonte]

Ele lutou contra os pagãos e o Arianismo. Quando o bispo Marcelo de Ancira foi deposto em 336 dC pelo ariano Eusébio de Nicomédia, Basílio foi pela primeira vez apontado bispo em seu lugar. Inocentado pelo papa Júlio I em 340 dC, Marcelo foi reconduzido ao posto em 348 dC. Mais uma vez deposto, foi novamente sucedido por Basílio em 353 dC.[1]

Segundo Jerônimo, em De Viris Illustribus,[2] escreveu uma obra chamada "Contra Marcelo".

Basílio foi preso durante a perseguição aos cristãos de Juliano, o Apóstata. Corajosamente, ele foi até o imperador, que estava visitando Ancira, e professou abertamente sua fé e pregou contra os sacríficios e oferendas ao imperador romano. Ao refutar abertamente um sacrifício em andamento com uma oração, foi preso imediatamente.[3] Ele foi torturado - tiras de pele foram retiradas de suas costas - e executado em 26 de junho de 362 dC por uma surra com ferros quentes.[4]

Ele é comemorado como mártir em 22 de março no oriente[1] e em 1 de janeiro no ocidente.

Referências

  1. a b c St. Basil of Ancyra (em inglês). Catholic Online. Página visitada em 18 de setembro de 2010.
  2. Wikisource-logo.svg "De Viris Illustribus - Basilius the bishop", em inglês.
  3. Sozomeno. História Eclesiástica: Concerning Macedonius, Theodulus, Gratian, Busiris, Basil, and Eupsychius, who suffered Martyrdom in those Times (em inglês). [S.l.]: Newadvent.org. Capítulo: 11. , vol. V.
  4. Holy martyr Basil (em inglês). Greek Orthodox Diocese of Australia. Página visitada em 18 de setembro de 2010.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]