Base Naval da Baía de Guantánamo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde fevereiro de 2014).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.
Base Naval da Baía de Guantánamo
Vista aérea da base
País  Cuba
Corporação Marinha dos Estados Unidos
Insígnias
US Navy United States Department of the Navy Seal.svg
Mapa da área de atuação
Guantanamo.jpg

A Base Naval da Baía de Guantánamo (em inglês Guantanamo Bay Naval Base) ocupa cerca de 117 km² da costa da República Socialista de Cuba (na província de Guantánamo). Situação semelhante a das ilhas Malvinas, entre Reino Unido e Argentina, esta base naval norte-americana; apesar de ter sido alugada em 1903 aos Estados Unidos da América por um acordo entre os dois países (assinado pelo então presidente dos Estados Unidos, Theodore Roosevelt, e o presidente de Cuba, Tomás Estrada Palma, pelo valor de 4 085 dólares)[1] , "concessão diplomática americana" foi estabelecida de Direito Internacional, durante a Guerra Hispano-Americana pela marinha estadunidense em 1898.

Prisão de Guantánamo[editar | editar código-fonte]

Desde 2001, os Estados Unidos utilizam a referida base (Prisão de Guantánamo) para deter prisioneiros terroristas[2] ou, como o governo estadunidense os chama, "combatentes inimigos", esquivando-se, assim, dos direitos garantidos pela Convenção de Genebra (tratados assinados entre 1864 e 1949).

Os números de Guantánamo, de acordo com fontes relacionadas a direitos humanos e constitucionais, chega a cerca de 660 prisioneiros vindos de 43 diferentes países (sendo, em sua maioria, do Afeganistão e Iraque). Além disso, a ONG Centro para os Direitos Constitucionais informa que existem presos com idades que variam de 13 a 80 anos.

Referências

  1. Saiba mais sobre a base naval americana de Guantánamo Estadão, Grupo Estado (22 de janeiro de 2009). Visitado em 8 de junho de 2012.
  2. História de Guantánamo NGC Europe Limited and FIC Portugal (2010). Visitado em 8 de junho de 2012.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Base Naval da Baía de Guantánamo