Batalha de Bosworth Field

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

52° 35′ N 1° 24′ W

Batalha de Bosworth Field
Parte da Guerra das Rosas
Battle of Bosworth by Philip James de Loutherbourg.jpg
Batalha de Bosworth Field, pintura de Philip James de Loutherbourg (1740–1812)
Data 22 de Agosto de 1485
Local Perto de Ambion Hill, a sul de Market Bosworth, Inglaterra
Desfecho
  • Vitória da Casa de Lencastre
  • Fim da Guerra das Rosas
  • Reinado da Casa de Tudor
Combatentes
White rose Casa de York Red rose Casa de Lencastre White shield with diagonal blue stripe Família Stanley
Principais líderes
Ricardo III de Inglaterra  Henrique, Conde de Richmond Thomas Stanley, 2º Barão de Stanley
Forças
10 000 5 000 6 000
Vítimas
1 000 100 Desconhecido

A Batalha de Bosworth Field (ou Batalha de Bosworth) foi a última e mais significativa batalha da Guerra das Rosas, a guerra civil entre a Casa de Lencastre e a Casa de York, que se estendeu por toda a Inglaterra no final da segunda metade do século XV.

Ocorrida no dia 22 de Agosto de 1485, a batalha foi vencida pelos Lencastres. O seu líder, Henrique, Conde de Richmond, tornou-se o primeiro monarca inglês da Dinastia de Tudor pela sua vitória e por se ter casado com a princesa de York. O seu adversário, Ricardo III, o último rei da Casa de York, foi morto durante a batalha. Os historiadores consideram que Bosworth Field assinalou o fim da Dinastia Plantageneta, fazendo da batalha um dos marcos da história de Inglaterra.

O reinado de Ricardo teve início em 1483 quando se apoderou do trono ocupado pelo seu sobrinho mais velho, de 12 anos de idade, Eduardo V. O rapaz, e o seu irmão mais novo, depressa desapareceram, para preocupação e tristeza de muitos, e o apoio a Ricardo ficou ainda mais afectado pelos rumores sobre o seu envolvimento na morte da sua esposa. Por todo o Canal Inglês, Henrique Tudor, descendente da pequena Casa de Lencastre, aproveitou as dificuldades pelas quais Ricardo passava e reclamou o trono. A primeira tentativa de Henrique de invadir a Inglaterra foi em 1483, mas foi detido por uma tempestade. Na sua segunda tentativa, chegou, sem qualquer oposição, à zona sudoeste da costa do País de Gales, no dia 1 de Agosto de 1485. Ao progredir no terreno, Henrique foi obtendo apoio até chegar a Londres. Rapidamente, Ricardo juntou as suas tropas e interceptou as forças de Henrique a sul a cidade de Market Bosworth, em Leicestershire. Thomas, Lord Stanley e Sir William Stanley também levaram as suas forças para o campo de batalha, mas ficaram a aguardar enquanto decidiam qual o lado que seria mais vantajoso apoiar.

Ricardo separou o seu exército, superior ao de Henrique, em três grupos (ou "batalhas"). Um ficou sob o comando do Duque de Norfolk e outro no de Conde de Northumberland. Henrique ficou com a maioria da sua força pessoal sob o comando do Conde de Oxford. A força de vanguarda de Ricardo, comandada por Norfolk, atacou mas apanhou pela frente os homens de Oxford, e algumas das tropas de Norfolk fugiram. Northumberland ficou parado quando foi ordenado para dar apoio ao rei, e assim Ricardo decidiu fazer um ataque em força através do campo para matar Henrique e pôr um fim à batalha. Ao ver os cavaleiros do rei separados do seu exército, os Stanley intervieram; Sir William levou os seus homens até junto das forças de Henrique, cercando e matando Ricardo. Depois da batalha, Henrique foi coroado rei em Crown Hill.

Henrique contratou escritores para escrever as crónicas sobre o seu reino de forma favorável; a Batalha de Bosworth Field foi descrita para representar a sua Dinastia Tudor como o início de um novo período. Do século XV ao XVIII, a batalha foi caracterizada como uma vitória do mal sobre o bem e, tal como o ponto alto da obra de William Shakespeare, Richard III, sobre a ascensão e queda de Ricardo, ela dá origem a críticas nos diversos filmes que a retratam. O local exacto onde ocorreu a batalha é um ponto de discórdia, dada a falta de fontes precisas e dado o facto de haver vários memoriais erigidos em diversos locais. O Centro do Legado do Campo de Batalha de Bosworth foi construído, em 1974, num local baseado numa teoria que foi criticada, por vários académicos e historiadores, nos anos seguintes. Em Outubro de 2009, uma equipa de investigadores, que realizaram pesquisas geológicas e arqueológicas na zona, a partir de 2003, sugerem um local a 3 km a sudoeste de Ambion Hill.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Livros[editar | editar código-fonte]

Jornais[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Batalha de Bosworth Field
Ícone de esboço Este artigo sobre História do Reino Unido é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Batalha de Bosworth Field