Batalha de Chelsea Creek

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Batalha de Chelsea Creek
Guerra da Independência dos Estados Unidos da América
Data 27-28 de Maio de 1775
Local Condado de Suffolk (Massachusetts)
Resultado Vitória americana
Combatentes
US flag 13 stars – Betsy Ross.svg Estados Unidos Union flag 1606 (Kings Colors).svg Grã-Bretanha
Comandantes
Estados Unidos John Stark
Estados Unidos Israel Putnam
Union flag 1606 (Kings Colors).svg Samuel Graves
Union flag 1606 (Kings Colors).svg Thomas Graves
Forças
300–600 na força inicial em Hog Island (Stark). 300 reforços adicionais durante a batalha (Putnam). Valores estimados.[1] Várias centenas de Royal Marines (Samuel Graves). 30 no Diana (Thomas Graves). Valores estimados.[2]
Baixas
4 feridos[3] 2 mortos,[4]
vários feridos,[5]
escuna Diana destruída.

A Batalha de Chelsea Creek foi o segundo confronto militar da Campanha de Boston durante a Guerra da Independência dos Estados Unidos da América. Também é conhecida como a Batalha da Ilha Noddle, Batalha da Ilha Hog e Batalha do Estuário de Chelsea. O confronto teve lugar entre 27 e 28 de Maio de 1775, em Chelsea Creek, salinas, lodaçais e ilhas de Boston Harbor, a nordeste da península de Boston.[6] Muitas destas áreas foram-se unindo com o continente pelo ganho da terra ao mar e fazem, actualmente, parte de East Boston, Chelsea, Winthrop e Revere.

Os colonos americanos, para dificultar a vida às tropas britânicos, e fortalecer o cerco de Boston, retiraram o gado e o trigo das ilhas vizinhas de Boston. A escuna britânica Diana foi destruída e o seu armamento foi recolhido pelos colonos. Foi a primeira captura naval da guerra, e representou um significativo aumento do moral das forças coloniais.

Notas

Referências

  1. As fontes variam de forma considerável no número de forças coloniais envolvidas. Stark liderou cerca de 300 homens do seu regimento na expedição; foram recrutados por milícias locais de Chelsea e outras comunidades que as fontes não referem. As forças de Putnam variam entre 200 e 1000.
  2. As fontes são superficiais ou incompletas em relação ao número de homens das forças britânicas envolvidas; deve-se ao facto de este combate ter sido uma, relativamente, pequena acção.
  3. Frothingham, p. 110
  4. Beatson, p. 73
  5. A Documentary History of Chelsea, p. 439
  6. Em 1775, ao contrários do que se passa hoje, Boston era uma península. Muitos dos terrenos à volta da península de Boston estavam alagados no século XIX. Ver história de Boston para mais detalhes.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre batalhas (genérico) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ícone de esboço Este artigo sobre História ou um historiador é um esboço relacionado ao Projeto História. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.