Batalha de Pensacola

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Batalha de Pensacola
Guerra de 1812
Data 79 de novembro de 1814
Local Pensacola, Flórida
Desfecho Vitória dos Estados Unidos
Combatentes
 Estados Unidos Reino Unido Reino Unido
Flag of Spain (1785-1873 and 1875-1931).svg Espanha(1785-1873)
Creek
Comandantes
Andrew Jackson Mateo González Manrique
Forças
~ 4 000 soldados Britânicos:
~100 soldados[1]
Espanhóis:
~500 soldados
Creeks:
desconhecido
Baixas
~ 7 mortos e 11 feridos[2] ~ 15 mortos ou feridos

A Batalha de Pensacola foi uma batalha da Guerra de 1812, que ocorreu entre 7 e 9 de novembro de 1814, na qual forças americanas, comandadas por Andrew Jackson, invadiram, o oeste da Flórida, então território do Império Espanhol, e lutaram contra britânicos, espanhóis e nativos da nação Creek.[3]

Contexto e Início dos combates[editar | editar código-fonte]

A Espanha não impedia a atuação dos ingleses em Pensacola e na Baía Apalachicola que forneciam armas aos índios para lutar contra os Estados Unidos. Em agosto de 1814, uma frota britânica entrou na Baia de Pensacola, com o consentimento do governo espanhol, e levantou a bandeira britânica sobre os fortes. Os índios da região vizinha estavam sendo abertamente contratados para fazer a guerra contra os americanos e abastecidos com armas e munições.

Jackson arregimentou uma força de três mil homens oriundos principalmente do Tennessee e Kentucky e marchou para Pensacola. Em 06 de novembro 1814, a tropa acampou a menos de dois quilômetros das fortificações espanholas e enviou um oficial com uma bandeira branca para tentar obter uma solução pacífica, que não foi possível pois foram disparados tiros contra o enviado.[4]

Rendição[editar | editar código-fonte]

O governador espanhol rendeu-se. Jackson marchou sobre a cidade, na ocasião foram trocados tiros com fuzileiros britânicos, que embarcavam nos navios junto com os índios aliados, enquanto que outros indígenas fugiram para a foz do Rio Apalachicola, e se reagruparam em torno daquele que viria a ser conhecido como Forte Negro.

Jackson manteve-se em Pensacola por dois dias para destruir instalações militares, depois deixou o local nas mãos dos espanhóis.[4]

Referências

  1. Heidler, David Stephen & Jeanne T (2003): Old Hickory's War: Andrew Jackson and the Quest for Empire. Louisiana State University Press. ISBN 0807128671
  2. Tucker, Spencer (ed). (2012): The Encyclopedia of the War of 1812: A Political, Social, and Military History. ABC-CLIO. ISBN 1851099565
  3. Mahon, John K. (1991): The War Of 1812. De Capo Press. ISBN 0306804298
  4. a b [1] em inglês, acessado em 12 de junho de 2010