Batalha de Schliengen

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Batalha de Schliengen
Guerras revolucionárias francesas - Primeira Coligação
BW41 Schliengen.jpg
Terreno acidentado e florestas densas de Schliengen
Data 24 de Outubro de 1796
Local Schliengen, Baden-Württemberg (Markgräflerland)
Resultado Vitória Austríaca
Combatentes
França França Flag of the Habsburg Monarchy.svg Sacro Império Romano-Germânico, Monarquia de Habsburgo
Comandantes
França Jean Moreau Flag of the Habsburg Monarchy.svg Arquiduque Carlos da Áustria
Forças
32 000 24 000
Baixas
1200 800

A Batalha de Schliengen foi uma batalha que teve lugar a 26 de Outubro de 1796, em Schliengen, na Alemanha, entre o exército francês comandado por Jean Moreau, e o exército austríaco liderado pelo Arquiduque Carlos. O resultado do confronto foi a vitória dos austríacos. A vila de Schliengen fica situada perto da fronteira d o actual Estado alemão de Baden-Württemberg e da Suíça.

Durante as Guerras revolucionárias francesas, Schliengen representava uma posição estratégica importante para ambos os exércitos. O controlo dessa zona dava acesso, tanto aos Estados do Sudoeste da Alemanha, como a pontos de passagem do rio Reno. Depois de se retirar de Freiburg im Breisgau, Moreau instalou o seu exército ao longo de um conjunto de colinas, numa linha de onze quilómetros, em pontos que controlavam o terreno mais abaixo. Dado o estado das vias no final de Outubro, o Arquiduque Carlos não podia flanquear a ala direita francesa. A ala esquerda situava-se muito próximo do Reno. Em vez disso, decidiu atacar os flancos franceses em força, o que aumentou o número de baixas de ambos os lados.

Embora tanto os franceses como os austríacos tivessem clamado vitória, na altura, os historiadores militares, de um modo geral, concordam em que os austríacos terão ganho vantagem estratégica. Os franceses retiraram-se do campo-de-batalha, de forma organizada, e alguns dias mais tarde atravessaram o rio Reno em Hüningen. A batalha é comemorada em Viena e no Arco do Triunfo em Paris.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Blanning, Timothy. The French Revolutionary Wars, New York: Oxford University Press, 1998.
  • Carlos da Áustria-Teschen. Ausgewählte Schriften weiland seiner kaiserlichen Hoheit des Erzherzogs Carl von Österreich. Wien, W. Braumüller, 1893–94.
  • Dyke, Thomas, Jr. "Traveling memoirs during a tour through Belgium, Rhenish Prussia, Germany." Volume 1. Londres: Longman, 1834.
  • Graham, Thomas, barão de Lynedoch. The History of the campaign of 1796 in Germany and Italy. Londres, 1797.
  • Hansard, Thomas C.(ed.) Hansard's Parliamentary Debates, House of Commons, 1803, Official Report. Vol. 1. Londres: HMSO, 1803.
  • Keppner, Thomas P. The Rhine. Handbook for Environmental Chemistry Series, Part L. New York: Springer, 2006, ISBN 978-3-540-29393-4.
  • Philippart, John. Memoirs, &c. &c. of General Moreau. Londres, 1814.
  • Smith, Digby. Napoleonic Wars Data Book. Mechanicsburg, PA: Stackpole, 1999.
  • Volk, Helmut. "Landschaftsgeschichte und Natürlichkeit der Baumarten in der Rheinaue." Waldschutzgebiete Baden-Württemberg, Band 10, S. 159–167.
Ícone de esboço Este artigo sobre batalhas (genérico) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.