Begotten

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Wikitext.svg
Este artigo ou seção precisa ser wikificado (desde maio de 2013).
Por favor ajude a formatar este artigo de acordo com as diretrizes estabelecidas no livro de estilo.
Question book.svg
Este artigo não cita fontes fiáveis e independentes. (desde maio de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Begotten
 Estados Unidos
 • Preto e branco • 78 min 
Direção E. Elias Merhige
Produção E. Elias Merhige
Roteiro E. Elias Merhige
Elenco Brian Salzberg
Donna Dempsey
Stephen Charles Barry
Gênero Experimental
Idioma inglês
Música Evan Albam
Cinematografia E. Elias Merhige
Lançamento  Estados Unidos 5 de junho de 1991
Página no IMDb (em inglês)

Begotten é um filme experimental/Filme de terror de 1991, escrito e dirigido por E. Elias Merhige.

O filme lida fortemente com religião e com a história bíblica do Gênesis e da Criação. Mas como Merhige revelou durante sessões de Perguntas e Respostas, a sua principal inspiração foi uma experiência de quase morte que ele vivenciou quando tinha 19 anos, após um acidente de carro. Não há diálogos no filme, mas em seu lugar usa indiscriminadamente fortes imagens de dor e sofrimento humano para contar seu mito.

Foi filmado em preto e branco, e então cada quadro foi refotografado para tomar sua aparência final. Não há meio tons. Isto foi feito para dar a atmosfera sobrenatural do filme, e algumas vezes o espectador não consegue interpretar exatamente o que está sendo mostrado, mas pode inferir um sentido de sofrimento. O visual do filme é descrito no trailer como "um teste de Rorschach para os olhos". Merhige disse que para cada minuto do filme original, tomou-se 10 horas para refotografar até atingir o visual desejado.

Merhige também já revelou, em sessões de Perguntas e Respostas, que ele gostaria que este filme fosse o primeiro de uma trilogia. Ele está tendo dificuldades para obter o apoio financeiro apropriado, e atualmente não é sabido se os outros dois filmes serão feitos.

O clipe para a música Cryptorchid de Marilyn Manson inclui cenas de Begotten e foi dirigido por E. Elias Merhige.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]