Bellagio

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Bellagio
[[Imagem:BellagiodiEst.JPG|250 px|none|]]
Brasão de armas de Bellagio
Brasão de armas
Localização de Bellagio
País  Itália
Região Flag of Lombardy.svg Lombardia
Província Como
Área
 - Total 26 km²
População
 - Total 2,945
    • Densidade 113/km2 
Código Postal 22021
Código ISTAT 013019
Comunas limítrofes Civenna, Griante, Lenno, Lezzeno, Magreglio, Oliveto Lario (LC), Sormano, Tremezzo, Varenna (LC), Veleso, Zelbio
Prefixo telefônico 031
Fiscal A744
Orago padroeiro  
Sítio www.bellagiolakecomo.com

Bellagio é uma comuna italiana da região da Lombardia, província de Como, com cerca de 2.945 habitantes.

A cidade situa-se no triângulo lariano e é famosa por sua localização pitoresca na intersecção dos três braços fluviais do Lago de Como com sua forma particular de um "Y" invertido. O antigo vilarejo de pescadores, cujo nome significa "belo lago", é atração turística desde o século XIX.

Bellagio inspirou o hotel e casino Bellagio situado em Las Vegas nos Estados Unidos, projetado pelo arquiteto Jon Jerde para o proprietário do casino Steve Wynn.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Vista aérea de Bellagio situada no ponto extremo da península
Vista dos Alpes

Localização[editar | editar código-fonte]

Bellagio estende-se por uma área de 26 km², tendo uma densidade populacional de 113 hab/km². Faz fronteira com Civenna, Griante, Lenno, Lezzeno, Magreglio, Oliveto Lario (LC), Sormano, Tremezzo, Varenna (LC), Veleso e Zelbio.

Do perímetro urbano de Bellagio fazem parte os vilarejos Aureggio, Casate, Guggiate Suira, Loppia, Pescallo, San Giovanni, Vergones e Visgnola.

Bellagio localiza-se no ponto extremo do triângulo lariano, na península que divide o Lago de Como em dois braços meridionais. No ponto extremo ao oeste localiza-se Como, do lado oposto do triângulo, ao leste, encontra-se Lecco, sendo o ponto extremo ao norte ocupado por Bellagio.

Do passeio público a beira do lago vêem-se ao norte o maçico dos Alpes. A cidade encontra-se no promontório do Monte Nuvolone com seus 1.094 m de altura, a 75 km ao norte de Milano e a 55 km ao oeste de Bergamo.

Demografia[editar | editar código-fonte]

O evolução demográfica de Bellagio de 1861 a 2001:[1]

Turismo[editar | editar código-fonte]

Na parte superior da cidade, na Piazza della Chiesa, localiza-se a basílica românica San Giacomo com seu altar dourado no interior e a Vila Serbelloni, a qual abriga a Fundação Rockefeller com seu jardim aberto ao público com vista panorâmica.

Vila Melzi[editar | editar código-fonte]

A Villa Melzi vista do Lago de Como
Vista parcial do jardim da Villa Melzi

A Vila Melzi foi construída por Francesco Melzi d´Eril, o então vice-presidente da República Italiana na era napoleônica (1801-1803), para ser residência de veraneio. O projeto foi confiado ao arquiteto Giocondo Albertolli, que planejou e supervisionou as construções de 1808 a 1810.

A construção em estilo neoclássico apresenta uma escadaria de dois braços na sua fachada dianteira e um elegante terraço, o qual se estende até a beira do lago. A Vila Melzi é circundada por um jardim paisagístico com uma flora exuberante, planejado por Luigi Canonica e Luigi Villoresi, o qual estende-se por aproximadamente um quilómetro ao longo do Lago de Como, entre a cidade Bellagio e o vilarejo vizinho Loppia. O jardim, com seus diversos passeios, é aberto ao público, oferecendo um „Itinerário botânico“ que possibilita a exploração das suas colinas. A visita inclui o museo localizado na estufa e a capela neoclássica com o túmulo de Francesco Melzi d´Eril, duque de Lodi e do duque Tommaso Gallarati Scotti. O itinerário passa por várias raridades botânicas e uma flora bastante variada:[2]

Tanto o palácio como o jardim botânico, que se estende ao longo das colinas ao redor, é monumento nacional italiano.

O palácio recebeu várias visitas ilustres no decorrer dos tempos, como por exemplo o compositor húngaro Franz Liszt e o escritor francês Stendhal, além de continuar a hospedar celebridades do mundo político e cultural.

Geminações[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Wikipedia L´Enciclopedia libera, Evoluzione demografica, <http://it.wikipedia.org/wiki/Bellagio>. Acesso em: 1 de setembro de 2007
  2. Folheto „I giardini di Villa Melzi / Villa Melzi Gardens“ em Bellagio (CO), 2007

Literatura[editar | editar código-fonte]

  • Fohrer, Eberhard. Oberitalienische Seen. Erlangen: Michael-Müller-Verlag, 2ª edição, 2005, ISBN 3-89953-230-9
  • Guia „Varenna Tourist Card“, editado por: *Associazione Operatori Turistici di Varenna, Regione Lombardia, 2007, Ass. Operatori Turistici Varenna
Commons
O Commons possui multimídias sobre Bellagio